Resolver o Simulado Assistente Administrativo - Quadrix - Nível Médio

0 / 85

Arquivologia

1

Considerando as diretrizes definidas no Decreto nº 7.724/12, leia as seguintes afirmativas.


I. O acesso, a divulgação e o tratamento de informação classificada em qualquer grau de sigilo ficarão restritos a pessoas que tenham necessidade de conhecê-la e que sejam credenciadas segundo as normas fixadas pelo Núcleo de Segurança e Credenciamento, instituído no âmbito do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, sem prejuízo das atribuições de agentes públicos autorizados por lei.

II. A pessoa natural ou entidade privada que, em razão de qualquer vínculo com o Poder Público, executar atividades de tratamento de informações classificadas, adotará as providências necessárias para que seus empregados, prepostos ou representantes observem as medidas e os procedimentos de segurança das informações.

III. A autoridade máxima de cada órgão ou entidade publicará anualmente, até o dia 1º de junho, em sítio na Internet: rol das informações desclassificadas nos últimos doze meses; rol das informações classificadas em cada grau de sigilo; relatório estatístico com a quantidade de pedidos de acesso à informação recebidos, atendidos e indeferidos; e informações estatísticas agregadas dos requerentes. Tal norma desobriga os órgãos e as entidades a conservarem em meio físico as informações descritas.


Está correto o que se afirma em:

  • A I, II e III.
  • B I e II, somente.
  • C II e III, somente.
  • D I e III, somente.
  • E nenhuma.
2

Com relação às normas de acesso, classificação e preservação das informações, estabelecidas pelo Decreto nº 7.724/12 que regulamenta a Lei nº 12.527/11 (que dispõe sobre o acesso a informações), julgue as seguintes afirmativas.


I. As informações classificadas no grau ultrassecreto ou no secreto serão definitivamente preservadas, nos termos da Lei nº 8.159/91, observados os procedimentos de restrição de acesso enquanto vigorar o prazo da classificação.

II. As informações classificadas como documentos de guarda permanente que forem objeto de desclassificação serão encaminhadas ao Arquivo Nacional, ao arquivo permanente do órgão público, da entidade pública ou da instituição de caráter público, para fins de organização, preservação e acesso.

III. As informações sobre condutas que impliquem violação dos direitos humanos praticada por agentes públicos ou a mando de autoridades públicas não poderão ser objeto de classificação em qualquer grau de sigilo nem ter seu acesso negado.

IV. Não poderá ser negado acesso às informações necessárias à tutela judicial ou administrativa de direitos fundamentais. O requerente deverá apresentar razões que demonstrem a existência de nexo entre as informações requeridas e o direito que se pretende proteger.


Pode-se afirmar que:

  • A todas estão corretas.
  • B somente uma está correta.
  • C somente duas estão corretas.
  • D somente três estão corretas.
  • E todas estão incorretas.

Administração Pública

3

Conforme dispõe a Lei nº 12.527/11, o órgão ou entidade pública deverá autorizar ou conceder o acesso imediato à informação disponível. Analise as seguintes afirmativas sobre o tema.


I. O serviço de busca e fornecimento da informação é gratuito, salvo nas hipóteses de reprodução de documentos pelo órgão ou entidade pública consultada, situação em que poderá ser cobrado exclusivamente o valor necessário ao ressarcimento do custo dos serviços e dos materiais utilizados. Estará isento de ressarcir tais custos todo aquele cuja situação econômica não lhe permita fazê-lo sem prejuízo do sustento próprio ou da família, declarada nos termos da Lei nº 7.115/83.

II. Quando se tratar de acesso à informação contida em documento cuja manipulação possa prejudicar sua integridade, deverá ser oferecida a consulta de cópia, com certificação de que esta confere com o original. Na impossibilidade de obtenção de cópias, o interessado poderá solicitar que, a suas expensas e sob supervisão de servidor público, a reprodução seja feita por outro meio que não ponha em risco a conservação do documento original.

III. É direito do requerente obter o inteiro teor de decisão de negativa de acesso, por certidão ou cópia.


Está correto o que se afirma em:

  • A todas.
  • B I e II, somente.
  • C II e III, somente.
  • D I e III, somente.
  • E nenhuma.

Legislação Federal

4

Nos termos da Lei nº 12.527/11 (acesso à informação), qualquer interessado poderá apresentar pedido de acesso a informações a órgãos e entidades referidos nessa lei, por qualquer meio legítimo, devendo o pedido conter a identificação do requerente e a especificação da informação requerida. Relativamente ao tema, avalie as seguintes afirmativas.


I. Para o acesso a informações de interesse público, a identificação do requerente não pode conter exigências que inviabilizem a solicitação.

II. Os órgãos e as entidades do poder público devem viabilizar alternativa de encaminhamento de pedidos de acesso por meio de seus sítios oficiais na internet.

III. São vedadas quaisquer exigências relativas aos motivos determinantes da solicitação de informações de interesse público.


Está correto o que se afirma em:

  • A todas.
  • B I e II, somente.
  • C II e III, somente.
  • D I e III, somente.
  • E nenhuma.

Atendimento ao Público

5

A Administração Pública deve manter relação de cordialidade e respeito com o usuário, por isso, em 2009, foi instituída a Carta de Serviços ao Cidadão, por meio do Decreto n.º 6.932/2009, que dispõe sobre a simplificação do atendimento público prestado ao cidadão e ratifica a dispensa do reconhecimento de firma em documentos produzidos no Brasil. Com relação a esse tema, assinale a alternativa correta.

  • A Entre as diretrizes nas relações entre os órgãos do Poder Executivo Federal e o cidadão, estão compartilhamento de informações nos termos da Lei e presunção de boa-fé.
  • B Os órgãos e as entidades do Poder Executivo Federal não poderão exigir do cidadão a apresentação de certidões ou documentos expedidos por outro órgão ou entidade do Poder Executivo Federal em nenhuma hipótese.
  • C O órgão ou a entidade deverá, quando necessário, juntar aos autos do respectivo processo administrativo versão impressa da certidão. Não serão aceitos documentos obtidos por meio eletrônico.
  • D No atendimento ao requerimento dos cidadãos, aos órgãos é facultada a padronização de procedimentos referentes à utilização de formulários, guias e outros documentos.
  • E A Carta de Serviços ao Cidadão deverá trazer informações claras aos cidadãos, exceto quanto à forma de prestação do serviço.

Administração Pública

6

Considerem-se as seguintes circunstâncias aplicáveis à entidade privada:


I ser entidade sem fins lucrativos;

II atuar na área de saúde, educação ou assistência social;

IIl receber recursos públicos diretamente do orçamento; e

IV estar inscrita no Conselho Nacional de Assistência Social.


Para que uma entidade privada seja submetida às exigências da Lei de Acesso à Informação (Lei n.º 12.527/2011) aplicáveis aos órgãos públicos, ela deverá enquadrar-se simultaneamente nas condições

  • A I e II.
  • B I e III.
  • C I e IV.
  • D II e III.
  • E II e IV.
7

A administração indireta é o conjunto das entidades que, vinculadas a um ministério, prestam serviços públicos ou de interesse público. Sua existência se baseia no princípio de descentralização ou distribuição de competências e atividades. Compõem a administração indireta as autarquias, as fundações públicas, as empresas públicas e as sociedades de economia mista. Sobre elas, avalie as seguintes afirmativas.


I. Autarquia: o serviço autônomo, criado por lei, com personalidade jurídica, patrimônio e receita próprios, para executar atividades típicas da Administração Pública, que requeiram, para seu melhor funcionamento, gestão administrativa e financeira descentralizada. Por exemplo, são autarquias o Conselho Federal de Farmácia e os Conselhos Regionais de Farmácia.

II. Empresa Pública: a entidade dotada de personalidade jurídica de direito privado, com patrimônio próprio e capital exclusivo da União, criada por lei para a exploração de atividade econômica que o Governo seja levado a exercer por força de contingência ou de conveniência administrativa podendo revestir-se de qualquer das formas admitidas em direito. Por exemplo, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) é uma empresa pública.

III. Sociedade de Economia Mista: a entidade dotada de personalidade jurídica de direito privado, criada por lei para a exploração de atividade econômica, sob a forma de sociedade anônima, cujas ações com direito a voto pertençam em sua maioria à União ou a entidade da Administração Indireta. Por exemplo, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) e a Eletrobrás são sociedades de economia mista.

IV. Fundação Pública: a entidade dotada de personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, criada em virtude de autorização legislativa para o desenvolvimento de atividades que não exijam execução por órgãos ou entidades de direito público, com autonomia administrativa, patrimônio próprio gerido pelos respectivos órgãos de direção, e funcionamento custeado por recursos da União e de outras fontes. Por exemplo, o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) é uma fundação pública.


Pode-se afirmar que:

  • A todas estão corretas.
  • B somente uma está correta.
  • C somente duas estão corretas.
  • D somente três estão corretas.
  • E todas estão incorretas.

Direito Administrativo

8

A administração pública indireta é composta de pessoas jurídicas, separadas, com personalidade jurídica própria, que são chamadas de entidades administrativas, como as autarquias, as empresas públicas, as sociedades de economia mista, as fundações públicas e o consórcio público. Com relação às autarquias, analise as seguintes afirmativas.


I. A autarquia é forma de descentralização administrativa, por meio da personificação de um serviço retirado da Administração centralizada. Por essa razão, à autarquia só deve ser outorgado serviço público típico, e não atividades industriais ou econômicas, ainda que de interesse coletivo.

II. A autarquia é pessoa jurídica de Direito Público, com função pública própria e típica, outorgada pelo Estado, sendo então titular de direitos e obrigações distintos daqueles pertencentes ao ente que a instituiu.

III. A autarquia não age por delegação; age por direito próprio e com autoridade pública, na medida da parcela de direito que lhe foi outorgado pela lei que a criou.


Pode-se afirmar que:

  • A somente I está correta.
  • B somente II está correta.
  • C somente III está correta.
  • D há apenas duas afirmativas corretas.
  • E todas estão corretas.

Administração Pública

9

Um dos deveres fundamentais do servidor público é: tratar cuidadosamente os usuários dos serviços aperfeiçoando o processo de comunicação e contato com o público. Quanto ao processo de comunicação, analise as seguintes afirmativas.

I. Para ter valor, a informação precisa ser seletiva.

II. A comunicação não deve ser direcionada como se houvesse um único público. Portanto, há que se evitar o uso de uma linguagem restrita a determinados grupos.

III. A diversidade de opiniões é saudável no processo de comunicação.

IV. A uniformidade na comunicação não significa que haja unanimidade na interpretação.

V. A comunicação pode possibilitar divergência de opiniões, mas a mensagem deve ser clara e precisa.

Está correto o que se afirma em:

  • A todas as afirmativas.
  • B somente quatro das afirmativas.
  • C somente três das afirmativas.
  • D somente duas das afirmativas.
  • E somente uma das afirmativas.
10

Administração Federal compreende: a Administração Direta, que se constitui dos serviços integrados na estrutura administrativa da Presidência da República e dos Ministérios; e a Administração Indireta, que compreende as autarquias, as empresas públicas, as sociedades de economia mista e as fundações públicas, todas dotadas de personalidade jurídica própria. As atividades da Administração Federal obedecerão aos seguintes princípios fundamentais:

  • A planejamento; coordenação; descentralização; orçamento; metodologia.
  • B plano geral e programação financeira; coordenação; descentralização; competência; interesse público.
  • C planejamento; coordenação; descentralização; delegação de competência; controle.
  • D plano geral e programação financeira; coordenação; descentralização; delegação de competência; autonomia.
  • E planejamento; coordenação; supremacia; delegação de competência; interesse público.
11

A administração pública gerencial surgiu em decorrência dos avanços tecnológicos e da necessidade do Estado de competir a níveis de igualdade econômica e social com outros. Sobre ela, leia as seguintes afirmativas. I. É muito focada em descentralizações políticas e administrativas. II. Possui poucos níveis hierárquicos, boa flexibilidade organizacional, controle dos resultados, confiança limitada e uma administração voltada ao atendimento do cidadão. III. Procura adequar as organizações públicas a seu objetivo primário – excelência nos resultados. Também busca manter uma boa identificação com seus usuários e incrementa sua concorrência com mecanismos de quase mercado ou concorrência administrada (Nova Política de Recursos Humanos).
Está correto o que se afirma em:

  • A I e II, somente.
  • B II e III, somente.
  • C I e III, somente.
  • D todas.
  • E nenhuma.
12

Na função pública ou privada, os serviços cartorários são sempre procurados. Sobre os serviços prestados e as atribuições de cada cartório, leia as afirmativas.

I. É possível solicitar segunda via de certidões de qualquer tipo, como as de protesto, busca de títulos e documentos. Funciona como uma compra on-line: indica-se em qual cartório está o original, é feita a solicitação, paga-se o valor referente ao serviço em seu estado mais as despesas de postagem ou retira-se o documento em um estabelecimento cartorário indicado.

II. O Tabelionato de Notas lavra escrituras e procurações públicas, testamentos e atas notariais. Também efetua reconhecimentos de firma e autenticações. A escolha do tabelionato de notas é livre, ao contrário de quando a localização do imóvel, o endereço das partes ou a distribuição do serviço restringe as opções.

III. O Tabelionato de Protestos serve para retirar documentos e registro civil de pessoas jurídicas. Registra e guarda inúmeros documentos particulares, dando-lhes publicidade, oficializa estatutos sociais e promove notificações extrajudiciais. 


Pode-se afirmar que:

  • A somente I está correta.
  • B somente II está correta.
  • C somente III está correta.
  • D há apenas duas afirmativas corretas.
  • E todas estão corretas.
13

Considere as seguintes afirmativas sobre a administração pública.

I. A administração pública direta é composta por órgãos com personalidade jurídica própria, mas que desempenham funções do Estado de maneira descentralizada e em todas as esferas – federal, estadual, distrital e municipal.

II. As fundações públicas, agências executivas e reguladoras são alguns exemplos de autarquias – órgãos que integram a administração pública indireta. Como autarquias podemos citar o Conselho Federal e os Conselhos Regionais de Química.

III. As autarquias são criadas por meio de lei específica com a finalidade de executar uma atribuição específica. Podem ser vinculadas à Presidência da República ou a ministérios. O patrimônio e receita são próprios, mas sujeitos à fiscalização do Estado.

Pode-se afirmar que:

  • A somente I está correta.
  • B somente II está correta.
  • C somente III está correta.
  • D há apenas duas afirmativas corretas.
  • E todas estão corretas.

Administração Geral

14

Cada órgão possui necessariamente funções, cargos e agentes. Os cargos são lugares criados na estrutura do órgão a serem providos pelos agentes, pessoas físicas que desempenham as funções previstas para aquele cargo. Os cargos, portanto, possuem um conjunto de funções que deverão ser desempenhadas pelos agentes que ocuparem estes cargos. Pode-se falar que há descentralização quando:

I. o ente estatal cria uma entidade da Administração Indireta, outorgando-lhe o desempenho de determinada atividade ou serviço.

II. ocorrem delegações (e não outorgas) de serviços públicos a entidades particulares, por meio de concessões e permissões.

III. o ente estatal, ou uma entidade da Administração Indireta, efetua a distribuição interna de suas atividades.

Pode-se afirmar que:

  • A somente I está correta.
  • B somente II está correta.
  • C somente III está correta.
  • D há apenas duas afirmativas corretas.
  • E todas estão corretas.

Direito Administrativo

15

Sobre as entidades da Administração Pública indireta, assinale a alternativa correta.

  • A Autarquia: serviço autônomo, criado por lei, com personalidade jurídica de direito privado, patrimônio e receita próprios, instituído por lei para exploração de atividade econômica, ou atividades típicas da administração pública.
  • B Empresa Pública: a entidade dotada de personalidade jurídica de direito privado, com patrimônio próprio e capital exclusivo da União, criado por lei para a exploração de atividade econômica que o Governo seja levado a exercer por força de contingência ou de conveniência administrativa podendo revestir-se de qualquer das formas admitidas em direito.
  • C Empresa Pública: entidade dotada de personalidade jurídica de direito privado, criada por lei para a exploração de atividade econômica, sob a forma de sociedade anônima, cujas ações com direito a voto pertençam em sua maioria à União ou a entidade da Administração Indireta.
  • D Sociedade de Economia Mista: entidade dotada de personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, criada em virtude de autorização legislativa, para o desenvolvimento de atividades que não exijam execução por órgãos ou entidades de direito público, com autonomia administrativa, patrimônio próprio gerido pelos respectivos órgãos de direção, e funcionamento custeado por recursos da União e de outras fontes.
  • E Fundação Pública: entidade dotada de personalidade jurídica de direito privado, sem fins lucrativos, sob a forma de sociedade anônima, instituída para o desenvolvimento de atividades que não exijam execução por órgãos ou entidades de direito público, com autonomia administrativa, patrimônio custeado por recursos da União e de outras fontes.

Administração Pública

16

No Cartório de Notas são feitas duas espécies de autenticação de documentos: o reconhecimento de firma e a autenticação de cópias. É importante que o usuário se informe sobre o que precisa realmente fazer para que não perca tempo e dinheiro com algo impossível ou desnecessário. Leia as afirmativas seguintes.

I. Não pode reconhecer firma e autenticar cópia de documento cujo teor revele ofensa às leis, à soberania nacional, à ordem pública e aos bons costumes. O tabelião deverá zelar para que os documentos tenham validade no Brasil.

II. Se o documento for produzir efeitos legais no Brasil, o tabelião de notas ou substituto só poderá reconhecer firma ou autenticá-lo se estiver acompanhado da versão feita por tradutor público brasileiro. É lançado no reconhecimento de firma ou na autenticação que a tradução o acompanha. Se o documento for destinado a produzir efeitos em outro país, o tabelião ou substituto poderá reconhecer a firma ou autenticar a cópia desde que conheça o idioma para compreender o conteúdo e mencione que se destina a produzir efeitos no exterior.

III. Só se pode reconhecer a assinatura da pessoa natural. A prova de que ela atua em nome da pessoa jurídica é feita por meio de contrato social ou estatuto acompanhado de ata de assembleia, que deve acompanhar o documento assinado. 

Pode-se afirmar que:

  • A somente I está correta.
  • B somente II está correta.
  • C somente III está correta.
  • D há apenas duas afirmativas corretas.
  • E todas estão corretas.
17
O inciso XIX, do artigo 37 da Constituição Federal, se refere às entidades da administração indireta, ao afirmar que "somente por lei específica poderá ser criada autarquia e autorizada a instituição de empresa pública, de sociedade de economia mista e de fundação, cabendo à lei complementar, neste último caso, definir as áreas de atuação. Assinale a alternativa que traz a correta associação entre a entidade e sua classificação.
  • A Caixa Econômica Federal: autarquia.
  • B Procon: empresa pública.
  • C Eletrobrás: sociedade de Economia Mista.
  • D BNDES: fundação pública.
  • E Banco do Brasil: autarquia.
18
A administração pública gerencial surgiu em decorrência dos avanços tecnológicos e da necessidade do Estado em competir a níveis de igualdade econômica e social com outros países (sobretudo devido à globalização, que gerou uma nova organização política e econômica mundial). Acerca das características desse tipo de administração, julgue as afirmativas como C (corretas) ou E (erradas).
(...) É mais focada na centralização política e administrativa quanto à tomada de decisões.
(...) Possui boa flexibilidade organizacional.
(...) Procura adequar as organizações públicas ao seu objetivo primário, que é a excelência nos resultados.
(...) Ao voltar-se para o atendimento ao cidadão, rompeu por completo os princípios do modelo anterior, a Administração Burocrática.
Assinale a alternativa que apresenta a sequência correta.
  • A C – C – E – E
  • B E – C – C – E
  • C E – C – E – C
  • D C – E – C – C
  • E C – C – C – E
19
A Administração Pública Descentralizada ou Indireta é exercida por outras pessoas jurídicas que não se confundem com os entes federados (União, Estados e Municípios). Assinale, a seguir, a alternativa que aponte somente exemplos de sociedades de economia mista.
  • A Correios, Caixa Econômica Federal, Ibama.
  • B CAER, CERR, Banco do Brasil.
  • C INSS, UERR, Prefeitura Municipal de Boa Vista.
  • D Senac, FEPE, Funvet.
  • E CFMV, Anvisa, INEP.
20
A Administração direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios está submetida aos princípios previstos no artigo 37 da Constituição Federal.

Leia o texto a seguir e assinale a alternativa com as respostas que preenchem, correta e respectivamente, as lacunas.

Segundo o princípio da __________, o administrador não pode fazer o que bem entender na busca do(a) _________, ou seja, tem que agir segundo a lei, só podendo fazer aquilo que a lei expressamente autoriza e no silêncio da lei está proibido de agir. Já o ___________ pode fazer tudo aquilo que a lei não proíbe e o que silencia a respeito. Portanto, tem uma maior liberdade do que o __________.
  • A moralidade, igualdade, administrado, administrador.
  • B moralidade, igualdade, administrador, administrado.
  • C legalidade, interesse público, administrado, administrador.
  • D legalidade, bem comum, administrador, administrado.
  • E moralidade, continuidade da prestação do serviço público, administrado, administrador.

Português

21
Para responder a questão, leia o texto abaixo.

Senado argentino aprova orçamento de 2019 com medidas de austeridade exigidas pelo FMI

Orçamento aprovado prevê corte de gastos de cerca de US$ 10 bilhões para tentar reequilibrar as contas públicas.

O Senado da Argentina aprovou o orçamento para 2019 com uma série de cortes de gastos e medidas de austeridade exigidas pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) para assegurar a liberação de empréstimos no valor de US$ 56 bilhões.
A votação terminou com 45 votos a favor, 24 contra e uma abstenção, e terminou na madrugada depois de mais de 12 horas de debate.
A aprovação representa uma vitória para o governo do presidente Mauricio Macri, que visa a reeleição em 2019, e negociou a ampliação do socorro financeiro do FMI, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário.
O orçamento que vai valer em 2019 inclui cortes de gastos de cerca de 400 bilhões de pesos (cerca de US$ 10 bilhões) em relação ao ano anterior para reduzir o déficit fiscal primário a zero. Esse índice foi de 3,9% do PIB em 2017 e é projetado em 2,7% em 2018.
Essa meta de equilíbrio fiscal primário seria alcançada com uma redução nas despesas equivalente a 1,5% do PIB e um aumento na receita de cerca de 1,2% do PIB. Com os cortes, haverá redução de verbas para gastos [com] saúde, educação, pesquisa, transportes, obras públicas e cultura, entre outros.
[...]
"Embora o FMI e as autoridades confiem no início de uma reativação gradual a partir do segundo trimestre de 2019, no melhor dos casos haverá sinais de uma recuperação significativa na atividade e no emprego no segundo semestre. Mas, no curto prazo, o programa fiscal tem um efeito inegável de contração sobre a demanda agregada, a atividade econômica e o emprego", disse à agência AFP o economista Héctor Rubini, da Universidade do Salvador, em Buenos Aires.
[...]
Entenda a crise
A crise monetária que atinge o país acelerou o aumento dos preços e, desde janeiro, o peso registrou desvalorização de 50% em relação ao dólar, estimulando a inflação.
O país conseguiu um empréstimo de US$ 50 bilhões do FMI em junho, dos quais já recebeu US$ 15 bilhões, mas Buenos Aires precisou voltar ao organismo para obter apoio adicional com desembolsos mais rápido, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário de uma previsão de 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2018.
No final de outubro, a direção do FMI aprovou um pacote total de US$ 56,3 bilhões para a Argentina com o objetivo de ajudar a estabilizar a economia do país.
(Adaptado de g1.globo.com)


O uso de siglas em textos jornalísticos, informativos, acadêmicos e institucionais é bastante comum. Nesses casos, costuma-se explicitar o significado da sigla logo depois de sua primeira ocorrência. Considerando-se que isso foi feito de maneira adequada no texto, pode-se afirmar, sobre a sigla FMI, que:
I. a palavra representada pelo F é um pronome. II. a palavra representada pelo M é um adjetivo. III. a palavra representada pelo I é um substantivo. IV. a expressão representada pelas letras FMI pode ser precedida de artigo, por se tratar de uma expressão com natureza substantiva. V. as palavras representadas pelas letras F e M deveriam, ambas, receber acento gráfico. Pode-se afirmar que:

  • A apenas os itens I, II e V estão certos.
  • B apenas os itens II e IV estão certos
  • C apenas os itens III e IV estão certos.
  • D apenas os itens I, III e IV estão certos.
  • E apenas os itens II e V estão certos.
22
Para responder a questão, leia o texto abaixo.

Senado argentino aprova orçamento de 2019 com medidas de austeridade exigidas pelo FMI

Orçamento aprovado prevê corte de gastos de cerca de US$ 10 bilhões para tentar reequilibrar as contas públicas.

O Senado da Argentina aprovou o orçamento para 2019 com uma série de cortes de gastos e medidas de austeridade exigidas pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) para assegurar a liberação de empréstimos no valor de US$ 56 bilhões.
A votação terminou com 45 votos a favor, 24 contra e uma abstenção, e terminou na madrugada depois de mais de 12 horas de debate.
A aprovação representa uma vitória para o governo do presidente Mauricio Macri, que visa a reeleição em 2019, e negociou a ampliação do socorro financeiro do FMI, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário.
O orçamento que vai valer em 2019 inclui cortes de gastos de cerca de 400 bilhões de pesos (cerca de US$ 10 bilhões) em relação ao ano anterior para reduzir o déficit fiscal primário a zero. Esse índice foi de 3,9% do PIB em 2017 e é projetado em 2,7% em 2018.
Essa meta de equilíbrio fiscal primário seria alcançada com uma redução nas despesas equivalente a 1,5% do PIB e um aumento na receita de cerca de 1,2% do PIB. Com os cortes, haverá redução de verbas para gastos [com] saúde, educação, pesquisa, transportes, obras públicas e cultura, entre outros.
[...]
"Embora o FMI e as autoridades confiem no início de uma reativação gradual a partir do segundo trimestre de 2019, no melhor dos casos haverá sinais de uma recuperação significativa na atividade e no emprego no segundo semestre. Mas, no curto prazo, o programa fiscal tem um efeito inegável de contração sobre a demanda agregada, a atividade econômica e o emprego", disse à agência AFP o economista Héctor Rubini, da Universidade do Salvador, em Buenos Aires.
[...]
Entenda a crise
A crise monetária que atinge o país acelerou o aumento dos preços e, desde janeiro, o peso registrou desvalorização de 50% em relação ao dólar, estimulando a inflação.
O país conseguiu um empréstimo de US$ 50 bilhões do FMI em junho, dos quais já recebeu US$ 15 bilhões, mas Buenos Aires precisou voltar ao organismo para obter apoio adicional com desembolsos mais rápido, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário de uma previsão de 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2018.
No final de outubro, a direção do FMI aprovou um pacote total de US$ 56,3 bilhões para a Argentina com o objetivo de ajudar a estabilizar a economia do país.
(Adaptado de g1.globo.com)


Na expressão “haverá redução de verbas”, sublinhada no texto:

  • A a forma verbal “haverá” foi corretamente utilizada no singular, já que se trata de verbo impessoal no contexto em que aparece.
  • B a forma verbal “haverá” deveria estar no plural para concordar com “verbas”.
  • C a forma verbal “haverá” está no singular apenas porque concorda com “redução”.
  • D a forma verbal “redução” é impessoal.
  • E a forma verbal “redução” deveria estar no plural para concordar com “verbas”.
23
Para responder a questão, leia o texto abaixo.

Senado argentino aprova orçamento de 2019 com medidas de austeridade exigidas pelo FMI

Orçamento aprovado prevê corte de gastos de cerca de US$ 10 bilhões para tentar reequilibrar as contas públicas.

O Senado da Argentina aprovou o orçamento para 2019 com uma série de cortes de gastos e medidas de austeridade exigidas pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) para assegurar a liberação de empréstimos no valor de US$ 56 bilhões.
A votação terminou com 45 votos a favor, 24 contra e uma abstenção, e terminou na madrugada depois de mais de 12 horas de debate.
A aprovação representa uma vitória para o governo do presidente Mauricio Macri, que visa a reeleição em 2019, e negociou a ampliação do socorro financeiro do FMI, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário.
O orçamento que vai valer em 2019 inclui cortes de gastos de cerca de 400 bilhões de pesos (cerca de US$ 10 bilhões) em relação ao ano anterior para reduzir o déficit fiscal primário a zero. Esse índice foi de 3,9% do PIB em 2017 e é projetado em 2,7% em 2018.
Essa meta de equilíbrio fiscal primário seria alcançada com uma redução nas despesas equivalente a 1,5% do PIB e um aumento na receita de cerca de 1,2% do PIB. Com os cortes, haverá redução de verbas para gastos [com] saúde, educação, pesquisa, transportes, obras públicas e cultura, entre outros.
[...]
"Embora o FMI e as autoridades confiem no início de uma reativação gradual a partir do segundo trimestre de 2019, no melhor dos casos haverá sinais de uma recuperação significativa na atividade e no emprego no segundo semestre. Mas, no curto prazo, o programa fiscal tem um efeito inegável de contração sobre a demanda agregada, a atividade econômica e o emprego", disse à agência AFP o economista Héctor Rubini, da Universidade do Salvador, em Buenos Aires.
[...]
Entenda a crise
A crise monetária que atinge o país acelerou o aumento dos preços e, desde janeiro, o peso registrou desvalorização de 50% em relação ao dólar, estimulando a inflação.
O país conseguiu um empréstimo de US$ 50 bilhões do FMI em junho, dos quais já recebeu US$ 15 bilhões, mas Buenos Aires precisou voltar ao organismo para obter apoio adicional com desembolsos mais rápido, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário de uma previsão de 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2018.
No final de outubro, a direção do FMI aprovou um pacote total de US$ 56,3 bilhões para a Argentina com o objetivo de ajudar a estabilizar a economia do país.
(Adaptado de g1.globo.com)


Releia a seguinte passagem do texto, dando especial atenção ao trecho sublinhado.
“A aprovação representa uma vitória para o governo do presidente Mauricio Macri, que visa a reeleição em 2019, e negociou a ampliação do socorro financeiro do FMI, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário.”
As regras de regência verbal envolvem, principalmente, o reconhecimento da necessidade ou da obrigatoriedade de uso de artigos e de preposições. Considerando-se que a regência verbal está correta no trecho sublinhado e que não há desvios de outra natureza, fica claro que o “a” ali presente:

  • A deveria obrigatoriamente estar marcado com sinal indicativo de crase.
  • B não poderia estar marcado com sinal indicativo de crase.
  • C é apenas preposição.
  • D é apenas artigo.
  • E é a junção de uma preposição com um artigo.
24
Para responder a questão, leia o texto abaixo.

Senado argentino aprova orçamento de 2019 com medidas de austeridade exigidas pelo FMI

Orçamento aprovado prevê corte de gastos de cerca de US$ 10 bilhões para tentar reequilibrar as contas públicas.

O Senado da Argentina aprovou o orçamento para 2019 com uma série de cortes de gastos e medidas de austeridade exigidas pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) para assegurar a liberação de empréstimos no valor de US$ 56 bilhões.
A votação terminou com 45 votos a favor, 24 contra e uma abstenção, e terminou na madrugada depois de mais de 12 horas de debate.
A aprovação representa uma vitória para o governo do presidente Mauricio Macri, que visa a reeleição em 2019, e negociou a ampliação do socorro financeiro do FMI, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário.
O orçamento que vai valer em 2019 inclui cortes de gastos de cerca de 400 bilhões de pesos (cerca de US$ 10 bilhões) em relação ao ano anterior para reduzir o déficit fiscal primário a zero. Esse índice foi de 3,9% do PIB em 2017 e é projetado em 2,7% em 2018.
Essa meta de equilíbrio fiscal primário seria alcançada com uma redução nas despesas equivalente a 1,5% do PIB e um aumento na receita de cerca de 1,2% do PIB. Com os cortes, haverá redução de verbas para gastos [com] saúde, educação, pesquisa, transportes, obras públicas e cultura, entre outros.
[...]
"Embora o FMI e as autoridades confiem no início de uma reativação gradual a partir do segundo trimestre de 2019, no melhor dos casos haverá sinais de uma recuperação significativa na atividade e no emprego no segundo semestre. Mas, no curto prazo, o programa fiscal tem um efeito inegável de contração sobre a demanda agregada, a atividade econômica e o emprego", disse à agência AFP o economista Héctor Rubini, da Universidade do Salvador, em Buenos Aires.
[...]
Entenda a crise
A crise monetária que atinge o país acelerou o aumento dos preços e, desde janeiro, o peso registrou desvalorização de 50% em relação ao dólar, estimulando a inflação.
O país conseguiu um empréstimo de US$ 50 bilhões do FMI em junho, dos quais já recebeu US$ 15 bilhões, mas Buenos Aires precisou voltar ao organismo para obter apoio adicional com desembolsos mais rápido, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário de uma previsão de 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2018.
No final de outubro, a direção do FMI aprovou um pacote total de US$ 56,3 bilhões para a Argentina com o objetivo de ajudar a estabilizar a economia do país.
(Adaptado de g1.globo.com)


A palavra que, no contexto, melhor substituiria “austeridade” no título é:

  • A “fragilidade”.
  • B “fluidez”.
  • C “obscuridade”.
  • D “flexibilidade”.
  • E “rigidez”.
25
Para responder a questão, leia o texto abaixo.

Senado argentino aprova orçamento de 2019 com medidas de austeridade exigidas pelo FMI

Orçamento aprovado prevê corte de gastos de cerca de US$ 10 bilhões para tentar reequilibrar as contas públicas.

O Senado da Argentina aprovou o orçamento para 2019 com uma série de cortes de gastos e medidas de austeridade exigidas pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) para assegurar a liberação de empréstimos no valor de US$ 56 bilhões.
A votação terminou com 45 votos a favor, 24 contra e uma abstenção, e terminou na madrugada depois de mais de 12 horas de debate.
A aprovação representa uma vitória para o governo do presidente Mauricio Macri, que visa a reeleição em 2019, e negociou a ampliação do socorro financeiro do FMI, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário.
O orçamento que vai valer em 2019 inclui cortes de gastos de cerca de 400 bilhões de pesos (cerca de US$ 10 bilhões) em relação ao ano anterior para reduzir o déficit fiscal primário a zero. Esse índice foi de 3,9% do PIB em 2017 e é projetado em 2,7% em 2018.
Essa meta de equilíbrio fiscal primário seria alcançada com uma redução nas despesas equivalente a 1,5% do PIB e um aumento na receita de cerca de 1,2% do PIB. Com os cortes, haverá redução de verbas para gastos [com] saúde, educação, pesquisa, transportes, obras públicas e cultura, entre outros.
[...]
"Embora o FMI e as autoridades confiem no início de uma reativação gradual a partir do segundo trimestre de 2019, no melhor dos casos haverá sinais de uma recuperação significativa na atividade e no emprego no segundo semestre. Mas, no curto prazo, o programa fiscal tem um efeito inegável de contração sobre a demanda agregada, a atividade econômica e o emprego", disse à agência AFP o economista Héctor Rubini, da Universidade do Salvador, em Buenos Aires.
[...]
Entenda a crise
A crise monetária que atinge o país acelerou o aumento dos preços e, desde janeiro, o peso registrou desvalorização de 50% em relação ao dólar, estimulando a inflação.
O país conseguiu um empréstimo de US$ 50 bilhões do FMI em junho, dos quais já recebeu US$ 15 bilhões, mas Buenos Aires precisou voltar ao organismo para obter apoio adicional com desembolsos mais rápido, se comprometendo a cortar seu déficit fiscal primário de uma previsão de 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB) em 2018.
No final de outubro, a direção do FMI aprovou um pacote total de US$ 56,3 bilhões para a Argentina com o objetivo de ajudar a estabilizar a economia do país.
(Adaptado de g1.globo.com)


A palavra “austeridade”, que aparece no título do texto, é um substantivo ligado ao adjetivo “austero”. Esta palavra trissílaba, por sua vez, tem uma tonicidade que a leva a:

  • A receber acento gráfico, obrigatoriamente, na penúltima sílaba, embora, na linguagem corrente, esse acento possa ser suprimido.
  • B receber acento gráfico, obrigatoriamente, na antepenúltima sílaba (a tônica), embora, na linguagem corrente, esse acento possa ser suprimido.
  • C receber acento gráfico, facultativamente, na penúltima sílaba (a tônica) – embora, na linguagem corrente, esse acento possa ser suprimido.
  • D não receber acento gráfico, por se tratar de paroxítona terminada em “o”.
  • E não receber acento gráfico, por se tratar de proparoxítona.
26

Aquário brasileiro busca revolucionar a biologia marinha


Inaugurado há cerca de nove meses na zona portuária do Rio de Janeiro (RJ), o maior aquário marinho da América do Sul já recebeu mais de 1,1 milhão de pessoas. Erguer o colosso de 150 milhões de reais levou dez anos de planejamento focado em três pilares: educação, pesquisa e conscientização. Com capacidade para receber até 8.000 animais, de 350 espécies, o AquaRio é também um grande centro de pesquisa. Atualmente, 15 estudos inéditos de universidades brasileiras estão sendo realizados no local, inclusive sobre a proteção a espécies ameaçadas. “Só é possível convencer as pessoas a proteger aquilo que elas conhecem — e o aquário oferece a experiência completa, integrada à divulgação da ciência”, conta o fundador e diretor-presidente, o biólogo Marcelo Szpilman.

A relação de Szpilman com o mar sempre foi intensa: nasceu perto da praia, no bairro de Copacabana, e adorava pescar com o pai. Aos 11 anos, começou a mergulhar. Mas foi James Bond que o levou a seguir carreira de biólogo com o lançamento do filme 007: O Espião que me Amava (1977), devido à icônica cena em que o inglês confronta o antagonista com seu conhecimento de espécies de peixes.

O filme não só inspirou Szpilman a estudar biologia como também o fez querer causar um impacto similar na vida das pessoas. Esses dois sonhos foram seu norte desde cedo. Primeiro, ele começou escrevendo livros — ao todo, tem cinco obras renomadas publicadas sobre identificação de peixes e tubarões e é reconhecido como um dos maiores especialistas brasileiros nesse tema.

Hoje ele colhe os frutos do bom trabalho no AquaRio. “Meu sonho é captar cada vez mais jovens brasileiros para a ciência. A maioria nunca viu um aquário e agora tem à disposição um equipamento de nível internacional”, orgulha-se. Todos os dias, mais de 1.000 crianças, de escolas públicas e privadas, passam por ali. “O AquaRio pode proporcionar esse ‘clique’ que eu tive a outros jovens. Já recebi várias mensagens de pessoas que resolveram estudar biologia após uma visita ao aquário. É muito gratificante.”

Com o perdão do trocadilho, Szpilman acredita que o AquaRio é um divisor de águas no Brasil. “Vamos criar um boom de aquários marinhos. Muitos já me contataram querendo fazer empreendimentos inspirados nele. E, mais do que isso, atualmente, 80% das pesquisas com animais marinhos feitas no mundo são realizadas em aquários”, relata. O próprio AquaRio, que é 100% privado, investe em pesquisas.

Um dos estudos realizados no AquaRio tem potencial para ser utilizado em curto prazo: trata-se de uma pesquisa para combater o branqueamento de corais. “O coral é um animal que vive em simbiose com as algas, que dão cor e nutrientes a ele. Com as mudanças climáticas e a elevação da temperatura dos oceanos, a alga morre. Sem a alga, o coral perde sua cor e também morre”, explica.

(veja.abril.com.br)

A respeito da palavra "nele", em destaque no penúltimo parágrafo do texto, assinale a análise totalmente correta.

  • A Trata-se da junção da conjunção "em" com o pronome possessivo "ele".
  • B Participa de um processo de coesão referencial.
  • C Trata-se da junção do pronome "em" com a preposição "ele".
  • D Participa de um processo de coesão catafórica.
  • E Participa de um processo de coesão sequencial, indicando circunstância de causa.
27

Aquário brasileiro busca revolucionar a biologia marinha


Inaugurado há cerca de nove meses na zona portuária do Rio de Janeiro (RJ), o maior aquário marinho da América do Sul já recebeu mais de 1,1 milhão de pessoas. Erguer o colosso de 150 milhões de reais levou dez anos de planejamento focado em três pilares: educação, pesquisa e conscientização. Com capacidade para receber até 8.000 animais, de 350 espécies, o AquaRio é também um grande centro de pesquisa. Atualmente, 15 estudos inéditos de universidades brasileiras estão sendo realizados no local, inclusive sobre a proteção a espécies ameaçadas. “Só é possível convencer as pessoas a proteger aquilo que elas conhecem — e o aquário oferece a experiência completa, integrada à divulgação da ciência”, conta o fundador e diretor-presidente, o biólogo Marcelo Szpilman.

A relação de Szpilman com o mar sempre foi intensa: nasceu perto da praia, no bairro de Copacabana, e adorava pescar com o pai. Aos 11 anos, começou a mergulhar. Mas foi James Bond que o levou a seguir carreira de biólogo com o lançamento do filme 007: O Espião que me Amava (1977), devido à icônica cena em que o inglês confronta o antagonista com seu conhecimento de espécies de peixes.

O filme não só inspirou Szpilman a estudar biologia como também o fez querer causar um impacto similar na vida das pessoas. Esses dois sonhos foram seu norte desde cedo. Primeiro, ele começou escrevendo livros — ao todo, tem cinco obras renomadas publicadas sobre identificação de peixes e tubarões e é reconhecido como um dos maiores especialistas brasileiros nesse tema.

Hoje ele colhe os frutos do bom trabalho no AquaRio. “Meu sonho é captar cada vez mais jovens brasileiros para a ciência. A maioria nunca viu um aquário e agora tem à disposição um equipamento de nível internacional”, orgulha-se. Todos os dias, mais de 1.000 crianças, de escolas públicas e privadas, passam por ali. “O AquaRio pode proporcionar esse ‘clique’ que eu tive a outros jovens. Já recebi várias mensagens de pessoas que resolveram estudar biologia após uma visita ao aquário. É muito gratificante.”

Com o perdão do trocadilho, Szpilman acredita que o AquaRio é um divisor de águas no Brasil. “Vamos criar um boom de aquários marinhos. Muitos já me contataram querendo fazer empreendimentos inspirados nele. E, mais do que isso, atualmente, 80% das pesquisas com animais marinhos feitas no mundo são realizadas em aquários”, relata. O próprio AquaRio, que é 100% privado, investe em pesquisas.

Um dos estudos realizados no AquaRio tem potencial para ser utilizado em curto prazo: trata-se de uma pesquisa para combater o branqueamento de corais. “O coral é um animal que vive em simbiose com as algas, que dão cor e nutrientes a ele. Com as mudanças climáticas e a elevação da temperatura dos oceanos, a alga morre. Sem a alga, o coral perde sua cor e também morre”, explica.

(veja.abril.com.br)

Assinale o trecho do texto que seja, exclusivamente, denotativo.

  • A "[...] o maior aquário marinho da América do Sul já recebeu mais de 1,1 milhão de pessoas".
  • B "[...] foi James Bond que o levou a seguir carreira de biólogo [...]".
  • C "Esses dois sonhos foram seu norte desde cedo".
  • D "O AquaRio pode proporcionar esse ‘clique’ que eu tive a outros jovens".
  • E "[...] o AquaRio é um divisor de águas no Brasil".
28

Aquário brasileiro busca revolucionar a biologia marinha


Inaugurado há cerca de nove meses na zona portuária do Rio de Janeiro (RJ), o maior aquário marinho da América do Sul já recebeu mais de 1,1 milhão de pessoas. Erguer o colosso de 150 milhões de reais levou dez anos de planejamento focado em três pilares: educação, pesquisa e conscientização. Com capacidade para receber até 8.000 animais, de 350 espécies, o AquaRio é também um grande centro de pesquisa. Atualmente, 15 estudos inéditos de universidades brasileiras estão sendo realizados no local, inclusive sobre a proteção a espécies ameaçadas. “Só é possível convencer as pessoas a proteger aquilo que elas conhecem — e o aquário oferece a experiência completa, integrada à divulgação da ciência”, conta o fundador e diretor-presidente, o biólogo Marcelo Szpilman.

A relação de Szpilman com o mar sempre foi intensa: nasceu perto da praia, no bairro de Copacabana, e adorava pescar com o pai. Aos 11 anos, começou a mergulhar. Mas foi James Bond que o levou a seguir carreira de biólogo com o lançamento do filme 007: O Espião que me Amava (1977), devido à icônica cena em que o inglês confronta o antagonista com seu conhecimento de espécies de peixes.

O filme não só inspirou Szpilman a estudar biologia como também o fez querer causar um impacto similar na vida das pessoas. Esses dois sonhos foram seu norte desde cedo. Primeiro, ele começou escrevendo livros — ao todo, tem cinco obras renomadas publicadas sobre identificação de peixes e tubarões e é reconhecido como um dos maiores especialistas brasileiros nesse tema.

Hoje ele colhe os frutos do bom trabalho no AquaRio. “Meu sonho é captar cada vez mais jovens brasileiros para a ciência. A maioria nunca viu um aquário e agora tem à disposição um equipamento de nível internacional”, orgulha-se. Todos os dias, mais de 1.000 crianças, de escolas públicas e privadas, passam por ali. “O AquaRio pode proporcionar esse ‘clique’ que eu tive a outros jovens. Já recebi várias mensagens de pessoas que resolveram estudar biologia após uma visita ao aquário. É muito gratificante.”

Com o perdão do trocadilho, Szpilman acredita que o AquaRio é um divisor de águas no Brasil. “Vamos criar um boom de aquários marinhos. Muitos já me contataram querendo fazer empreendimentos inspirados nele. E, mais do que isso, atualmente, 80% das pesquisas com animais marinhos feitas no mundo são realizadas em aquários”, relata. O próprio AquaRio, que é 100% privado, investe em pesquisas.

Um dos estudos realizados no AquaRio tem potencial para ser utilizado em curto prazo: trata-se de uma pesquisa para combater o branqueamento de corais. “O coral é um animal que vive em simbiose com as algas, que dão cor e nutrientes a ele. Com as mudanças climáticas e a elevação da temperatura dos oceanos, a alga morre. Sem a alga, o coral perde sua cor e também morre”, explica.

(veja.abril.com.br)

Segundo o texto:


I. o conhecimento leva à consciência para a proteção e o cuidado.

II. houve influências do cinema na decisão do fundador do AquaRio, em relação à sua carreira.

III. a única função de um aquário é sua proposta lúdica.


Está correto o que se afirma em:

  • A I, somente.
  • B II, somente.
  • C I e II, somente.
  • D I e III, somente.
  • E II e III, somente.
29

Aquário brasileiro busca revolucionar a biologia marinha


Inaugurado há cerca de nove meses na zona portuária do Rio de Janeiro (RJ), o maior aquário marinho da América do Sul já recebeu mais de 1,1 milhão de pessoas. Erguer o colosso de 150 milhões de reais levou dez anos de planejamento focado em três pilares: educação, pesquisa e conscientização. Com capacidade para receber até 8.000 animais, de 350 espécies, o AquaRio é também um grande centro de pesquisa. Atualmente, 15 estudos inéditos de universidades brasileiras estão sendo realizados no local, inclusive sobre a proteção a espécies ameaçadas. “Só é possível convencer as pessoas a proteger aquilo que elas conhecem — e o aquário oferece a experiência completa, integrada à divulgação da ciência”, conta o fundador e diretor-presidente, o biólogo Marcelo Szpilman.

A relação de Szpilman com o mar sempre foi intensa: nasceu perto da praia, no bairro de Copacabana, e adorava pescar com o pai. Aos 11 anos, começou a mergulhar. Mas foi James Bond que o levou a seguir carreira de biólogo com o lançamento do filme 007: O Espião que me Amava (1977), devido à icônica cena em que o inglês confronta o antagonista com seu conhecimento de espécies de peixes.

O filme não só inspirou Szpilman a estudar biologia como também o fez querer causar um impacto similar na vida das pessoas. Esses dois sonhos foram seu norte desde cedo. Primeiro, ele começou escrevendo livros — ao todo, tem cinco obras renomadas publicadas sobre identificação de peixes e tubarões e é reconhecido como um dos maiores especialistas brasileiros nesse tema.

Hoje ele colhe os frutos do bom trabalho no AquaRio. “Meu sonho é captar cada vez mais jovens brasileiros para a ciência. A maioria nunca viu um aquário e agora tem à disposição um equipamento de nível internacional”, orgulha-se. Todos os dias, mais de 1.000 crianças, de escolas públicas e privadas, passam por ali. “O AquaRio pode proporcionar esse ‘clique’ que eu tive a outros jovens. Já recebi várias mensagens de pessoas que resolveram estudar biologia após uma visita ao aquário. É muito gratificante.”

Com o perdão do trocadilho, Szpilman acredita que o AquaRio é um divisor de águas no Brasil. “Vamos criar um boom de aquários marinhos. Muitos já me contataram querendo fazer empreendimentos inspirados nele. E, mais do que isso, atualmente, 80% das pesquisas com animais marinhos feitas no mundo são realizadas em aquários”, relata. O próprio AquaRio, que é 100% privado, investe em pesquisas.

Um dos estudos realizados no AquaRio tem potencial para ser utilizado em curto prazo: trata-se de uma pesquisa para combater o branqueamento de corais. “O coral é um animal que vive em simbiose com as algas, que dão cor e nutrientes a ele. Com as mudanças climáticas e a elevação da temperatura dos oceanos, a alga morre. Sem a alga, o coral perde sua cor e também morre”, explica.

(veja.abril.com.br)

Considerando o nome "AquaRio", ao se analisarem questões de acentuação e pronúncia, conclui-se corretamente que:

  • A deveria, obrigatoriamente, haver acento agudo no primeiro A, de "aqua".
  • B deveria, obrigatoriamente, haver acento agudo no segundo A, de "aqua", e as duas palavras ("aqua" e "Rio") deveriam, obrigatoriamente, ser pronunciadas de maneira conjunta.
  • C deveria, obrigatoriamente, haver acento circunflexo na letra O, de "Rio".
  • D deveria, obrigatoriamente, haver acento agudo na letra I, de "Rio".
  • E a forma como o termo foi escrito aponta para a pronúncia da palavra "aqua" como paroxítona, seguida da palavra "Rio" pronunciada da mesma maneira que no nome da cidade.
30

Aquário brasileiro busca revolucionar a biologia marinha


Inaugurado há cerca de nove meses na zona portuária do Rio de Janeiro (RJ), o maior aquário marinho da América do Sul já recebeu mais de 1,1 milhão de pessoas. Erguer o colosso de 150 milhões de reais levou dez anos de planejamento focado em três pilares: educação, pesquisa e conscientização. Com capacidade para receber até 8.000 animais, de 350 espécies, o AquaRio é também um grande centro de pesquisa. Atualmente, 15 estudos inéditos de universidades brasileiras estão sendo realizados no local, inclusive sobre a proteção a espécies ameaçadas. “Só é possível convencer as pessoas a proteger aquilo que elas conhecem — e o aquário oferece a experiência completa, integrada à divulgação da ciência”, conta o fundador e diretor-presidente, o biólogo Marcelo Szpilman.

A relação de Szpilman com o mar sempre foi intensa: nasceu perto da praia, no bairro de Copacabana, e adorava pescar com o pai. Aos 11 anos, começou a mergulhar. Mas foi James Bond que o levou a seguir carreira de biólogo com o lançamento do filme 007: O Espião que me Amava (1977), devido à icônica cena em que o inglês confronta o antagonista com seu conhecimento de espécies de peixes.

O filme não só inspirou Szpilman a estudar biologia como também o fez querer causar um impacto similar na vida das pessoas. Esses dois sonhos foram seu norte desde cedo. Primeiro, ele começou escrevendo livros — ao todo, tem cinco obras renomadas publicadas sobre identificação de peixes e tubarões e é reconhecido como um dos maiores especialistas brasileiros nesse tema.

Hoje ele colhe os frutos do bom trabalho no AquaRio. “Meu sonho é captar cada vez mais jovens brasileiros para a ciência. A maioria nunca viu um aquário e agora tem à disposição um equipamento de nível internacional”, orgulha-se. Todos os dias, mais de 1.000 crianças, de escolas públicas e privadas, passam por ali. “O AquaRio pode proporcionar esse ‘clique’ que eu tive a outros jovens. Já recebi várias mensagens de pessoas que resolveram estudar biologia após uma visita ao aquário. É muito gratificante.”

Com o perdão do trocadilho, Szpilman acredita que o AquaRio é um divisor de águas no Brasil. “Vamos criar um boom de aquários marinhos. Muitos já me contataram querendo fazer empreendimentos inspirados nele. E, mais do que isso, atualmente, 80% das pesquisas com animais marinhos feitas no mundo são realizadas em aquários”, relata. O próprio AquaRio, que é 100% privado, investe em pesquisas.

Um dos estudos realizados no AquaRio tem potencial para ser utilizado em curto prazo: trata-se de uma pesquisa para combater o branqueamento de corais. “O coral é um animal que vive em simbiose com as algas, que dão cor e nutrientes a ele. Com as mudanças climáticas e a elevação da temperatura dos oceanos, a alga morre. Sem a alga, o coral perde sua cor e também morre”, explica.

(veja.abril.com.br)

A qualificação do AquaRio como um colosso associa-se:

  • A à modéstia do autor do texto ao descrever o prédio onde se encontra a atração.
  • B aos graves problemas estruturais apresentados pela construção do aquário.
  • C ao fato de ter havido investimento irrisório para a construção do aquário.
  • D aos vultosos investimentos e ao tamanho representativo do empreendimento.
  • E ao fato de ser um empreendimento tímido, cujos visitantes se limitam aos moradores do bairro onde se encontra.
31

                                      Uma foto, uma vida

                                                                              POR MARCELO LEVITES


      Um jovem estudante de radiologia, o israelense chamado Yehonatan Turner, teve a brilhante ideia de incluir fotos de pacientes (obviamente com o consentimento deles) nas telas dos computadores dos radiologistas quando estes iam fazer o laudo de exames como de Tomografia Computadorizada. A partir daí ele percebeu uma maior empatia por parte dos profissionais com as pessoas que iam fazer Raio-X, Tomografias e ressonâncias magnéticas.

      O estudo, de 2008, mostrou que, ao verem as fotografias, os radiologistas passaram a ser mais meticulosos na forma como analisavam o exame. Os pacientes deixaram de ser apenas pernas, braços, cabeça etc. para terem uma identidade, um rosto. Turner resolveu fazer este estudo porque percebeu nos radiologistas – ele era um deles – isolamento e solidão. E, para ele, a forma impessoal de seu trabalho passou a mudar quando ele mesmo imaginava estar fazendo o exame no seu pai ou na sua avó.

      O mais interessante do estudo é que uma simples fotografia mudou a abordagem dos profissionais que passaram a ver seus pacientes “como um ser humano, não como um caso de estudo anônimo”. Trazendo esta história para a nossa realidade percebo que muitas vezes deixamos de ver as pessoas como seres humanos e as tratamos como números. Isso quando não as percebemos como alguém que nos atrapalha e nos tira o lugar nosso por direito na fila, no trânsito, no transporte público etc.

      Felizmente temos na nossa sociedade outros Turners que, vez ou outra, nos chacoalham e nos mostram que devemos enxergar as pessoas como realmente são: pessoas. Por isso, sugiro um exercício diário: trate as pessoas como se fossem seus pais ou avós. O mundo certamente ficará menos sombrio e escuro como são as salas dos exames para se tornar radiante e cheio de vida. Viva mais e melhor.

(http://emais.estadao.com.br/blogs/viva-mais-e-melhor/uma-foto-umavida/)

A palavra “enxergar” aparece, no texto, corretamente escrita com “x”, assim como estão corretamente grafadas as seguintes palavras:

  • A enxarcar – enxente – enxuto.
  • B mexerica – exímio – enxágue.
  • C xiqueiro – mechido – xeque.
  • D mecher – achar – pexinxa.
  • E pexincha – mexer – mexa (de cabelo).
32

                                      Uma foto, uma vida

                                                                              POR MARCELO LEVITES


      Um jovem estudante de radiologia, o israelense chamado Yehonatan Turner, teve a brilhante ideia de incluir fotos de pacientes (obviamente com o consentimento deles) nas telas dos computadores dos radiologistas quando estes iam fazer o laudo de exames como de Tomografia Computadorizada. A partir daí ele percebeu uma maior empatia por parte dos profissionais com as pessoas que iam fazer Raio-X, Tomografias e ressonâncias magnéticas.

      O estudo, de 2008, mostrou que, ao verem as fotografias, os radiologistas passaram a ser mais meticulosos na forma como analisavam o exame. Os pacientes deixaram de ser apenas pernas, braços, cabeça etc. para terem uma identidade, um rosto. Turner resolveu fazer este estudo porque percebeu nos radiologistas – ele era um deles – isolamento e solidão. E, para ele, a forma impessoal de seu trabalho passou a mudar quando ele mesmo imaginava estar fazendo o exame no seu pai ou na sua avó.

      O mais interessante do estudo é que uma simples fotografia mudou a abordagem dos profissionais que passaram a ver seus pacientes “como um ser humano, não como um caso de estudo anônimo”. Trazendo esta história para a nossa realidade percebo que muitas vezes deixamos de ver as pessoas como seres humanos e as tratamos como números. Isso quando não as percebemos como alguém que nos atrapalha e nos tira o lugar nosso por direito na fila, no trânsito, no transporte público etc.

      Felizmente temos na nossa sociedade outros Turners que, vez ou outra, nos chacoalham e nos mostram que devemos enxergar as pessoas como realmente são: pessoas. Por isso, sugiro um exercício diário: trate as pessoas como se fossem seus pais ou avós. O mundo certamente ficará menos sombrio e escuro como são as salas dos exames para se tornar radiante e cheio de vida. Viva mais e melhor.

(http://emais.estadao.com.br/blogs/viva-mais-e-melhor/uma-foto-umavida/)

Observe a passagem abaixo, destacada do texto.


Trazendo esta história para a nossa realidade percebo que

muitas vezes deixamos de ver as pessoas como seres

humanos e as tratamos como números. Isso quando não as

percebemos como alguém que nos atrapalha e nos tira o

lugar nosso por direito na fila, no trânsito, no transporte

público etc.


Sobre as três ocorrências de “as”, em destaque no trecho, analise as afirmativas e assinale a correta.

  • A São, todas elas, artigos definidos, femininos, plurais.
  • B As duas primeiras são artigos; a última, porém, é um pronome reto.
  • C A primeira é um artigo definido; a segunda e a terceira, porém, são exemplos de pronomes oblíquos, que se referem a “pessoas”.
  • D As três ocorrências têm classificações morfológicas diferentes, que são, respectivamente: pronome, artigo e preposição.
  • E A primeira ocorrência é um exemplo de artigo indefinido, que especifica o substantivo “pessoas”; a segunda é um pronome relativo, que retoma “pessoas”; a terceira é uma preposição acidental.
33

                                      Uma foto, uma vida

                                                                              POR MARCELO LEVITES


      Um jovem estudante de radiologia, o israelense chamado Yehonatan Turner, teve a brilhante ideia de incluir fotos de pacientes (obviamente com o consentimento deles) nas telas dos computadores dos radiologistas quando estes iam fazer o laudo de exames como de Tomografia Computadorizada. A partir daí ele percebeu uma maior empatia por parte dos profissionais com as pessoas que iam fazer Raio-X, Tomografias e ressonâncias magnéticas.

      O estudo, de 2008, mostrou que, ao verem as fotografias, os radiologistas passaram a ser mais meticulosos na forma como analisavam o exame. Os pacientes deixaram de ser apenas pernas, braços, cabeça etc. para terem uma identidade, um rosto. Turner resolveu fazer este estudo porque percebeu nos radiologistas – ele era um deles – isolamento e solidão. E, para ele, a forma impessoal de seu trabalho passou a mudar quando ele mesmo imaginava estar fazendo o exame no seu pai ou na sua avó.

      O mais interessante do estudo é que uma simples fotografia mudou a abordagem dos profissionais que passaram a ver seus pacientes “como um ser humano, não como um caso de estudo anônimo”. Trazendo esta história para a nossa realidade percebo que muitas vezes deixamos de ver as pessoas como seres humanos e as tratamos como números. Isso quando não as percebemos como alguém que nos atrapalha e nos tira o lugar nosso por direito na fila, no trânsito, no transporte público etc.

      Felizmente temos na nossa sociedade outros Turners que, vez ou outra, nos chacoalham e nos mostram que devemos enxergar as pessoas como realmente são: pessoas. Por isso, sugiro um exercício diário: trate as pessoas como se fossem seus pais ou avós. O mundo certamente ficará menos sombrio e escuro como são as salas dos exames para se tornar radiante e cheio de vida. Viva mais e melhor.

(http://emais.estadao.com.br/blogs/viva-mais-e-melhor/uma-foto-umavida/)

Assinale, dentre as palavras a seguir, aquela que representa um antônimo para “meticulosos”, que aparece em destaque no texto.

  • A Cuidadosos.
  • B Delicados.
  • C Preciosistas.
  • D Negligentes.
  • E Detalhistas.
34

                                      Uma foto, uma vida

                                                                              POR MARCELO LEVITES


      Um jovem estudante de radiologia, o israelense chamado Yehonatan Turner, teve a brilhante ideia de incluir fotos de pacientes (obviamente com o consentimento deles) nas telas dos computadores dos radiologistas quando estes iam fazer o laudo de exames como de Tomografia Computadorizada. A partir daí ele percebeu uma maior empatia por parte dos profissionais com as pessoas que iam fazer Raio-X, Tomografias e ressonâncias magnéticas.

      O estudo, de 2008, mostrou que, ao verem as fotografias, os radiologistas passaram a ser mais meticulosos na forma como analisavam o exame. Os pacientes deixaram de ser apenas pernas, braços, cabeça etc. para terem uma identidade, um rosto. Turner resolveu fazer este estudo porque percebeu nos radiologistas – ele era um deles – isolamento e solidão. E, para ele, a forma impessoal de seu trabalho passou a mudar quando ele mesmo imaginava estar fazendo o exame no seu pai ou na sua avó.

      O mais interessante do estudo é que uma simples fotografia mudou a abordagem dos profissionais que passaram a ver seus pacientes “como um ser humano, não como um caso de estudo anônimo”. Trazendo esta história para a nossa realidade percebo que muitas vezes deixamos de ver as pessoas como seres humanos e as tratamos como números. Isso quando não as percebemos como alguém que nos atrapalha e nos tira o lugar nosso por direito na fila, no trânsito, no transporte público etc.

      Felizmente temos na nossa sociedade outros Turners que, vez ou outra, nos chacoalham e nos mostram que devemos enxergar as pessoas como realmente são: pessoas. Por isso, sugiro um exercício diário: trate as pessoas como se fossem seus pais ou avós. O mundo certamente ficará menos sombrio e escuro como são as salas dos exames para se tornar radiante e cheio de vida. Viva mais e melhor.

(http://emais.estadao.com.br/blogs/viva-mais-e-melhor/uma-foto-umavida/)

Pode-se considerar que o texto apresentado é:

  • A jornalístico, apesar de apresentar a marca da primeira pessoa, o que não é comum nesse tipo de texto; apresenta as características gerais de uma notícia, como o lide, por exemplo, que apresenta as informações essenciais no início do texto.
  • B um conto, já que apresenta fatos fictícios do cotidiano, escritos em uma linguagem clara, direta e lírica.
  • C uma crônica, já que apresenta fatos fictícios do cotidiano, escritos em uma linguagem clara, direta e lírica.
  • D um trecho de romance, já que apresenta, nitidamente, referências a capítulos anteriores, com menção a personagens e ações anteriores àqueles presentes no trecho apresentado, além de tempo cronológico.
  • E um relato de viagem, com dados autobiográficos, até porque apresenta as memórias pessoais do narrador, contadas em primeira pessoa.
35

                                      Uma foto, uma vida

                                                                              POR MARCELO LEVITES


      Um jovem estudante de radiologia, o israelense chamado Yehonatan Turner, teve a brilhante ideia de incluir fotos de pacientes (obviamente com o consentimento deles) nas telas dos computadores dos radiologistas quando estes iam fazer o laudo de exames como de Tomografia Computadorizada. A partir daí ele percebeu uma maior empatia por parte dos profissionais com as pessoas que iam fazer Raio-X, Tomografias e ressonâncias magnéticas.

      O estudo, de 2008, mostrou que, ao verem as fotografias, os radiologistas passaram a ser mais meticulosos na forma como analisavam o exame. Os pacientes deixaram de ser apenas pernas, braços, cabeça etc. para terem uma identidade, um rosto. Turner resolveu fazer este estudo porque percebeu nos radiologistas – ele era um deles – isolamento e solidão. E, para ele, a forma impessoal de seu trabalho passou a mudar quando ele mesmo imaginava estar fazendo o exame no seu pai ou na sua avó.

      O mais interessante do estudo é que uma simples fotografia mudou a abordagem dos profissionais que passaram a ver seus pacientes “como um ser humano, não como um caso de estudo anônimo”. Trazendo esta história para a nossa realidade percebo que muitas vezes deixamos de ver as pessoas como seres humanos e as tratamos como números. Isso quando não as percebemos como alguém que nos atrapalha e nos tira o lugar nosso por direito na fila, no trânsito, no transporte público etc.

      Felizmente temos na nossa sociedade outros Turners que, vez ou outra, nos chacoalham e nos mostram que devemos enxergar as pessoas como realmente são: pessoas. Por isso, sugiro um exercício diário: trate as pessoas como se fossem seus pais ou avós. O mundo certamente ficará menos sombrio e escuro como são as salas dos exames para se tornar radiante e cheio de vida. Viva mais e melhor.

(http://emais.estadao.com.br/blogs/viva-mais-e-melhor/uma-foto-umavida/)

Sobre o texto como um todo, pode-se compreender corretamente que:

  • A valoriza a ciência pura em detrimento das relações interpessoais, sejam elas de que natureza forem.
  • B compara a atuação de profissionais de saúde quando tratando pessoas desconhecidas e seus parentes, considerando esta atuação mais eficaz que aquela.
  • C mostra que os profissionais da área da saúde jamais devem confundir seus pacientes com seus parentes, o que, indiscutivelmente, prejudicaria a clareza e a acurácia em sua atuação profissional.
  • D prova, por meio da apresentação de resultados cientificamente comprovados, que os médicos podem e devem tratar de seus parentes mais próximos, como pais e avós, cuidando deles como se fossem pacientes desconhecidos.
  • E apresenta uma medida simples, que é a inclusão de fotografias de pacientes juntamente com seus exames de imagem, que pode levar a melhorias na atuação de profissionais da área de saúde ao analisarem exames desses indivíduos.
36

                            Formação farmacêutica


      No século II, os árabes fundaram a primeira escola de farmácia de que se tem notícia, criando inclusive uma legislação para o exercício da profissão.

      Em 1777, Luís XV determinou a substituição do nome de apoticário pelo de farmacêutico. A obtenção do diploma de farmacêutico exigia estudos teóricos e prestação de exames práticos, embora ainda não fosse considerado de nível universitário. Com o tempo, o estudo universitário para a formação do farmacêutico foi logo estendido para toda a Europa.

      No século XVI, o estudo dos remédios ganhou impulso notável, com a pesquisa sistemática dos princípios ativos das plantas e dos minerais capazes de curar doenças.

      Com o tempo, foi implantada no mundo a indústria farmacêutica e, com ela, novos medicamentos foram criados e estudos realizados, em velocidade espantosa.

      Os maiores conhecimentos em fisiologia e toxicologia deram início à moderna farmacologia, tendo sido publicado, em 1813, o primeiro tratado de toxicologia. Também na primeira metade do século XIX, foram criados os primeiros laboratórios farmacêuticos. Inicia-se um grande processo de mudança na profissão.

      A origem das atividades relacionadas à farmácia se deu a partir do século X com as boticas ou apotecas, como eram conhecidas na época. Nesse período, a medicina e a farmácia eram uma só profissão.

      Na Espanha e na França, a partir do século X, foram criadas as primeiras boticas. Esse pioneirismo, mais tarde, originaria o modelo das farmácias atuais.

      Nesse período, o boticário tinha a responsabilidade de conhecer e curar as doenças, mas, para exercer a profissão, devia cumprir uma série de requisitos e ter local e equipamentos adequados para a preparação e a guarda dos medicamentos.

      Um grande surto de propagação da lepra levou Luís XIV, entre outras iniciativas na área da saúde pública, a ampliar o número de farmácias hospitalares na França. Mais adiante, no século XVIII, a profissão farmacêutica separou-se da medicina e ficou proibido ao médico ser proprietário de uma botica. Com isso, deu-se início à separação entre aqueles que diagnosticavam a doença e aqueles que misturavam matérias para produzir porções de cura.

(http://portal.crfsp.org.br/index.php/nossa-historia-/nossa-historia.html). Texto adaptado.

Em relação ao numeral "XVIII", é correto afirmar que:

  • A é um algarismo arábico equivalente ao cardinal dezessete, lido como ordinal.
  • B é um algarismo romano equivalente ao cardinal dezoito, lido como cardinal.
  • C é um algarismo romano equivalente ao ordinal dezoito, lido como ordinal.
  • D é um algarismo romano equivalente ao ordinal dezessete, lido como cardinal.
  • E é um algarismo romano que pode ser equivalente a dois cardinais: dezessete ou dezoito.
37

                            Formação farmacêutica


      No século II, os árabes fundaram a primeira escola de farmácia de que se tem notícia, criando inclusive uma legislação para o exercício da profissão.

      Em 1777, Luís XV determinou a substituição do nome de apoticário pelo de farmacêutico. A obtenção do diploma de farmacêutico exigia estudos teóricos e prestação de exames práticos, embora ainda não fosse considerado de nível universitário. Com o tempo, o estudo universitário para a formação do farmacêutico foi logo estendido para toda a Europa.

      No século XVI, o estudo dos remédios ganhou impulso notável, com a pesquisa sistemática dos princípios ativos das plantas e dos minerais capazes de curar doenças.

      Com o tempo, foi implantada no mundo a indústria farmacêutica e, com ela, novos medicamentos foram criados e estudos realizados, em velocidade espantosa.

      Os maiores conhecimentos em fisiologia e toxicologia deram início à moderna farmacologia, tendo sido publicado, em 1813, o primeiro tratado de toxicologia. Também na primeira metade do século XIX, foram criados os primeiros laboratórios farmacêuticos. Inicia-se um grande processo de mudança na profissão.

      A origem das atividades relacionadas à farmácia se deu a partir do século X com as boticas ou apotecas, como eram conhecidas na época. Nesse período, a medicina e a farmácia eram uma só profissão.

      Na Espanha e na França, a partir do século X, foram criadas as primeiras boticas. Esse pioneirismo, mais tarde, originaria o modelo das farmácias atuais.

      Nesse período, o boticário tinha a responsabilidade de conhecer e curar as doenças, mas, para exercer a profissão, devia cumprir uma série de requisitos e ter local e equipamentos adequados para a preparação e a guarda dos medicamentos.

      Um grande surto de propagação da lepra levou Luís XIV, entre outras iniciativas na área da saúde pública, a ampliar o número de farmácias hospitalares na França. Mais adiante, no século XVIII, a profissão farmacêutica separou-se da medicina e ficou proibido ao médico ser proprietário de uma botica. Com isso, deu-se início à separação entre aqueles que diagnosticavam a doença e aqueles que misturavam matérias para produzir porções de cura.

(http://portal.crfsp.org.br/index.php/nossa-historia-/nossa-historia.html). Texto adaptado.

No sétimo parágrafo, afirma-se que um certo pioneirismo originaria o modelo das farmácias atuais. A que pioneirismo o texto se refere?

  • A À junção entre medicina e farmácia, antes mesmo do século X.
  • B Ao fato de haver dois nomes para o que hoje se chama de farmácia: boticas ou apotecas.
  • C À responsabilidade do boticário de conhecer e curar doenças.
  • D À criação das primeiras boticas, a partir do século X, na Espanha e na França.
  • E À obrigatoriedade de o boticário cumprir uma série de requisitos e ter local e equipamentos adequados para a preparação e a guarda dos medicamentos.
38

                            Formação farmacêutica


      No século II, os árabes fundaram a primeira escola de farmácia de que se tem notícia, criando inclusive uma legislação para o exercício da profissão.

      Em 1777, Luís XV determinou a substituição do nome de apoticário pelo de farmacêutico. A obtenção do diploma de farmacêutico exigia estudos teóricos e prestação de exames práticos, embora ainda não fosse considerado de nível universitário. Com o tempo, o estudo universitário para a formação do farmacêutico foi logo estendido para toda a Europa.

      No século XVI, o estudo dos remédios ganhou impulso notável, com a pesquisa sistemática dos princípios ativos das plantas e dos minerais capazes de curar doenças.

      Com o tempo, foi implantada no mundo a indústria farmacêutica e, com ela, novos medicamentos foram criados e estudos realizados, em velocidade espantosa.

      Os maiores conhecimentos em fisiologia e toxicologia deram início à moderna farmacologia, tendo sido publicado, em 1813, o primeiro tratado de toxicologia. Também na primeira metade do século XIX, foram criados os primeiros laboratórios farmacêuticos. Inicia-se um grande processo de mudança na profissão.

      A origem das atividades relacionadas à farmácia se deu a partir do século X com as boticas ou apotecas, como eram conhecidas na época. Nesse período, a medicina e a farmácia eram uma só profissão.

      Na Espanha e na França, a partir do século X, foram criadas as primeiras boticas. Esse pioneirismo, mais tarde, originaria o modelo das farmácias atuais.

      Nesse período, o boticário tinha a responsabilidade de conhecer e curar as doenças, mas, para exercer a profissão, devia cumprir uma série de requisitos e ter local e equipamentos adequados para a preparação e a guarda dos medicamentos.

      Um grande surto de propagação da lepra levou Luís XIV, entre outras iniciativas na área da saúde pública, a ampliar o número de farmácias hospitalares na França. Mais adiante, no século XVIII, a profissão farmacêutica separou-se da medicina e ficou proibido ao médico ser proprietário de uma botica. Com isso, deu-se início à separação entre aqueles que diagnosticavam a doença e aqueles que misturavam matérias para produzir porções de cura.

(http://portal.crfsp.org.br/index.php/nossa-historia-/nossa-historia.html). Texto adaptado.

Em relação ao texto como um todo, assinale a alternativa correta.

  • A É expositivo e tem foco em informar.
  • B É narrativo e tem foco em descrever.
  • C É descritivo e tem foco em mostrar um clímax.
  • D É dissertativo e tem foco em defender uma opinião.
  • E É poético e tem foco em expressar subjetividade.
39

                            Formação farmacêutica


      No século II, os árabes fundaram a primeira escola de farmácia de que se tem notícia, criando inclusive uma legislação para o exercício da profissão.

      Em 1777, Luís XV determinou a substituição do nome de apoticário pelo de farmacêutico. A obtenção do diploma de farmacêutico exigia estudos teóricos e prestação de exames práticos, embora ainda não fosse considerado de nível universitário. Com o tempo, o estudo universitário para a formação do farmacêutico foi logo estendido para toda a Europa.

      No século XVI, o estudo dos remédios ganhou impulso notável, com a pesquisa sistemática dos princípios ativos das plantas e dos minerais capazes de curar doenças.

      Com o tempo, foi implantada no mundo a indústria farmacêutica e, com ela, novos medicamentos foram criados e estudos realizados, em velocidade espantosa.

      Os maiores conhecimentos em fisiologia e toxicologia deram início à moderna farmacologia, tendo sido publicado, em 1813, o primeiro tratado de toxicologia. Também na primeira metade do século XIX, foram criados os primeiros laboratórios farmacêuticos. Inicia-se um grande processo de mudança na profissão.

      A origem das atividades relacionadas à farmácia se deu a partir do século X com as boticas ou apotecas, como eram conhecidas na época. Nesse período, a medicina e a farmácia eram uma só profissão.

      Na Espanha e na França, a partir do século X, foram criadas as primeiras boticas. Esse pioneirismo, mais tarde, originaria o modelo das farmácias atuais.

      Nesse período, o boticário tinha a responsabilidade de conhecer e curar as doenças, mas, para exercer a profissão, devia cumprir uma série de requisitos e ter local e equipamentos adequados para a preparação e a guarda dos medicamentos.

      Um grande surto de propagação da lepra levou Luís XIV, entre outras iniciativas na área da saúde pública, a ampliar o número de farmácias hospitalares na França. Mais adiante, no século XVIII, a profissão farmacêutica separou-se da medicina e ficou proibido ao médico ser proprietário de uma botica. Com isso, deu-se início à separação entre aqueles que diagnosticavam a doença e aqueles que misturavam matérias para produzir porções de cura.

(http://portal.crfsp.org.br/index.php/nossa-historia-/nossa-historia.html). Texto adaptado.

Observe o sinal indicativo de crase em destaque no quinto parágrafo e assinale a análise correta.

  • A Justifica-se pela regência da palavra "início" e pelo fato de o substantivo "moderna" ser feminino.
  • B É facultativo.
  • C Introduz um objeto indireto que complementa a forma verbal "deram".
  • D Está incorreto, já que a palavra "início" é masculina.
  • E Introduz um complemento nominal ("à moderna"), que se liga à palavra "toxicologia".
40

                            Formação farmacêutica


      No século II, os árabes fundaram a primeira escola de farmácia de que se tem notícia, criando inclusive uma legislação para o exercício da profissão.

      Em 1777, Luís XV determinou a substituição do nome de apoticário pelo de farmacêutico. A obtenção do diploma de farmacêutico exigia estudos teóricos e prestação de exames práticos, embora ainda não fosse considerado de nível universitário. Com o tempo, o estudo universitário para a formação do farmacêutico foi logo estendido para toda a Europa.

      No século XVI, o estudo dos remédios ganhou impulso notável, com a pesquisa sistemática dos princípios ativos das plantas e dos minerais capazes de curar doenças.

      Com o tempo, foi implantada no mundo a indústria farmacêutica e, com ela, novos medicamentos foram criados e estudos realizados, em velocidade espantosa.

      Os maiores conhecimentos em fisiologia e toxicologia deram início à moderna farmacologia, tendo sido publicado, em 1813, o primeiro tratado de toxicologia. Também na primeira metade do século XIX, foram criados os primeiros laboratórios farmacêuticos. Inicia-se um grande processo de mudança na profissão.

      A origem das atividades relacionadas à farmácia se deu a partir do século X com as boticas ou apotecas, como eram conhecidas na época. Nesse período, a medicina e a farmácia eram uma só profissão.

      Na Espanha e na França, a partir do século X, foram criadas as primeiras boticas. Esse pioneirismo, mais tarde, originaria o modelo das farmácias atuais.

      Nesse período, o boticário tinha a responsabilidade de conhecer e curar as doenças, mas, para exercer a profissão, devia cumprir uma série de requisitos e ter local e equipamentos adequados para a preparação e a guarda dos medicamentos.

      Um grande surto de propagação da lepra levou Luís XIV, entre outras iniciativas na área da saúde pública, a ampliar o número de farmácias hospitalares na França. Mais adiante, no século XVIII, a profissão farmacêutica separou-se da medicina e ficou proibido ao médico ser proprietário de uma botica. Com isso, deu-se início à separação entre aqueles que diagnosticavam a doença e aqueles que misturavam matérias para produzir porções de cura.

(http://portal.crfsp.org.br/index.php/nossa-historia-/nossa-historia.html). Texto adaptado.

Sobre a palavra "apoticário", em destaque no segundo parágrafo, assinale a alternativa correta.

  • A Pelo contexto, nota-se claramente que é um adjetivo.
  • B Refere-se, exclusivamente, ao estabelecimento farmácia.
  • C É antônima de "profissional".
  • D Deveria receber acento circunflexo, e não acento agudo.
  • E Nota-se, pelo contexto, que é um substantivo comum.

Noções de Informática

41

Um advogado deseja enviar uma mensagem a 30 destinatários diferentes pelo webmail, sem que cada um saiba que a mensagem foi enviada aos demais. Para isso, na janela de composição da mensagem, deverá colocar os emails dos destinatários no campo:

  • A Cco
  • B Cc
  • C Para, além de ticar a opção “Confidencial”.
  • D Cc, além de ticar a opção “Confidencial”.
  • E Para, além de ticar a opção “Ocultar Destinatários”.
42

No Microsoft Excel 2010, em português, há três pastas de trabalho chamadas, respectivamente, Plan1, Plan2 e Plan3. Considere que na célula A1 da pasta de trabalho Plan1, há o número 10 e que, na célula A1 da pasta de trabalho Plan2, há o número 20. Na célula A1 da pasta de trabalho Plan3, um advogado deseja somar os valores contidos na célula A1 da pasta de trabalho Plan1 com o valor contido na célula A1 da pasta de trabalho Plan2. Para isso deverá usar a fórmula:

  • A =Plan1A1+Plan2A1
  • B =SOMA(A1->Plan1+A1->Plan2)
  • C =SOMA(Plan1:A1+Plan2:A1)
  • D =Plan1!A1+Plan2!A1
  • E =SOMA('A1'!Plan1+'A1'!Plan2)
43

Usando a combinação de teclas CTRL + C, um advogado selecionou e copiou um trecho de texto da Internet e deseja colar em um documento aberto no Microsoft Word 2010, em português. Ele conseguirá colar o trecho de texto copiado, removendo a formatação original, a partir do pressionamento da combinação de teclas:

  • A Ctrl + F8
  • B Ctrl + Shift + V
  • C Ctrl + Del + F
  • D Ctrl + Alt + V
  • E Ctrl + V
44

No Microsoft Excel 2010, em português, para se obter, em uma célula, a data atual, utiliza-se a função:

  • A =DATA(HOJE())
  • B =DATA()
  • C =HOJE()
  • D =DATE()
  • E =DATA.DE.HOJE()
45

Um advogado está navegando pela Internet em um computador Desktop e, em determinada página, pressiona a combinação de teclas Ctrl + F. Tal combinação de teclas:

  • A abre uma janela em que se podem definir as propriedades de impressão da página e imprimi-la.
  • B seleciona todo o conteúdo da página.
  • C exibe o conteúdo da página em tela cheia, sem as barras de menus, status e sem a linha de endereço.
  • D exibe um campo em que se pode digitar uma palavra ou frase que se deseja localizar na página.
  • E salva a página na lista de sites favoritos.
46

Um advogado deseja numerar as páginas de um documento somente a partir da décima página utilizando o Microsoft Word 2010, em português. Para isso ele deverá:

  • A posicionar o cursor no local em que deseja inserir o número de página na décima página e clicar na opção Inserir Número de Página da guia Inserir.
  • B colocar o número de página manualmente, em todas as páginas, a partir da página 10, no local em que desejar que o número da página apareça.
  • C quebrar a seção da nona para a décima página e inserir numeração de página apenas na segunda seção, sem vincular à seção anterior.
  • D criar um documento mestre e inserir a numeração de página; depois, aplicar esse documento mestre apenas da décima página do documento atual em diante
  • E posicionar o cursor na décima página e clicar na opção Inserir Número de Página da guia Página Inicial. Na janela que se abre, deverá digitar o número 10 no campo Início e clicar no botão OK.
47

Ao terminar um documento no Microsoft Word 2010, em português, um advogado posicionou o cursor no início da primeira página, que estava em branco, clicou na guia Referências, depois na opção Sumário e, em seguida, em um dos modelos de sumário disponíveis, sendo gerado automaticamente um sumário com os títulos e os subtítulos do documento mostrando respectivamente a numeração de página de cada um deles. Isso foi possível porque:

  • A o Word 2010 mapeia e identifica automaticamente os títulos e os subtítulos para gerar o sumário do documento, sem a necessidade de marcação especial feita pelo usuário.
  • B os títulos e os subtítulos do documento estavam corretamente marcados com estilo Título 1, Título 2, Título 3 etc., por meio do grupo Estilo da guia Página Inicial.
  • C o Word 2010 possui o recurso Referência Cruzada, que armazena em uma tabela todos os títulos e os subtítulos identificados pelo usuário por meio de uma legenda, para montagem automática do sumário.
  • D os títulos e os subtítulos do documento foram corretamente classificados como tal por meio da opção Gerenciar Índice da guia Página Inicial.
  • E o Microsoft Word 2010 possui um recurso chamado References Machine Learning que identifica os títulos e os subtítulos, organizando-os em níveis para que possam ser inseridos automaticamente no sumário.
48

O Windows 7 traz ferramentas para verificar se há erros em uma unidade de disco, para efetuar backup dos arquivos e para desfragmentar os arquivos da unidade de disco. Essas ferramentas podem ser acessadas a partir do Explorador de Arquivos do Windows (também conhecido como Windows Explorer), clicando-se com o botão direito do mouse sobre a unidade de disco e selecionando-se:

  • A Ferramentas > Manutenção de Disco
  • B Ferramentas > Disco > Manutenção
  • C Propriedades > Ferramentas
  • D Ferramentas > Opções > Disco
  • E Propriedades > Opções > Manutenção
49

O Microsoft Word 2010, em português, permite:
I. salvar documentos no formato PDF; II. inserir planilhas e gráficos do Microsoft Excel como objetos; III. criar organogramas e diversos tipos de diagramas; IV. salvar documentos com senha de proteção e de gravação.
Pode-se afirmar que:

  • A todos os itens estão certos.
  • B apenas os itens I e II estão certos.
  • C apenas os itens II e III estão certos.
  • D apenas os itens II e IV estão certos.
  • E apenas o item III está certo.
50

Para acessar rapidamente o conteúdo de uma pasta do HD de um computador a partir da área de trabalho do Windows 7, um advogado poderá criar um atalho para essa pasta na área de trabalho do Windows. Os primeiros passos para criar tal atalho envolvem um clique com o botão direito do mouse na área de trabalho, seguido da escolha das opções:

  • A Criar > Atalho > Pasta
  • B Mapear > Atalho > Pasta
  • C Novo > Atalho > Pasta
  • D Inserir > Atalho
  • E Novo > Atalho
51

Os computadores em redes IPv6 são identificados por um conjunto de algarismos conhecidos como endereços IP. Considerando essa informação, assinale a alternativa que apresenta um endereço IPv6 incorreto.

  • A 2001:0DH8:000:000:130G:000:000:140B
  • B 2001: DB8:0:54::
  • C 2001:DB8:0:0:130F::140B
  • D 2001:DB8:0:54:0:0:0:0
  • E 2001:DB8::130F:0:0:140B
52

A política de uso aceitável normalmente faz parte da política de segurança da informação das organizações e é disponibilizada na página web ou no momento em que o funcionário passa a ter acesso aos recursos computacionais. Sendo assim, consiste em uma situação que geralmente não é considerada como de uso abusivo, ou seja, que não infringe a política de uso aceitável, o(a)

  • A compartilhamento de senhas.
  • B uso de senha fácil de ser descoberta.
  • C distribuição não autorizada de material protegido por direitos autorais.
  • D divulgação de informações confidenciais.
  • E envio de mensagens com objetivo de difamar alguém.
53
Nas questões que avaliam os conhecimentos de noções de informática, a menos que seja explicitamente informado o contrário, considere que todos os programas mencionados estão em configuração padrão, em português, que o mouse está configurado para pessoas destras, que expressões como clicar, clique simples e clique duplo referem-se a cliques com o botão esquerdo do mouse e que teclar corresponde à operação de pressionar uma tecla e, rapidamente, liberá-la, acionando-a apenas uma vez. Considere também que não há restrições de proteção, de funcionamento e de uso em relação aos programas, arquivos, diretórios, recursos e equipamentos mencionados.

No programa MS Power Point, do Office 365, qual é o nome do recurso que, reconhecendo alterações na posição e formatação de objetos em um slide, cria efeitos de transição para a exibição do slide seguinte?

  • A Transição.
  • B Alter.
  • C Player.
  • D Flutuar.
  • E Transformar.
54
Na questão que avalia o conhecimento de noção de informática, a menos que seja explicitamente informado o contrário, considere que todos os programas mencionados estão em configuração padrão, em português, que o mouse está configurado para pessoas destras, que expressões como clicar, clique simples e clique duplo referem-se a cliques com o botão esquerdo do mouse e que teclar corresponde à operação de pressionar uma tecla e, rapidamente, liberá-la, acionando-a apenas uma vez. Considere também que não há restrições de proteção, de funcionamento e de uso em relação aos programas, arquivos, diretórios, recursos e equipamentos mencionados. 

Em uma organização, os computadores são compartilhados, ou seja, quando um profissional chega, ele utiliza o computador que estiver disponível. Todos os computadores estão ligados em rede e utilizam o Microsoft Windows 8, em português. Para acessar a área de trabalho do Windows, o usuário precisa fazer login, mas, ao terminar de utilizar o computador, por segurança, precisa bloquear a tela do Windows, para permitir que outros usuários possam utilizá-lo. Para acessar a tela em que é possível fazer esse bloqueio, o funcionário deverá:

  • A acessar o Painel de Controle e clicar na opção Bloquear o Computador.
  • B pressionar a combinação de teclas Ctrl + ScreenLock.
  • C pressionar a tecla F12, ou a combinação de teclas Windows + R.
  • D pressionar a combinação de teclas Ctrl + Alt + Delete.
  • E clicar no botão Iniciar e na opção Bloquear Área de Trabalho.
55
Na questão que avalia o conhecimento de noção de informática, a menos que seja explicitamente informado o contrário, considere que todos os programas mencionados estão em configuração padrão, em português, que o mouse está configurado para pessoas destras, que expressões como clicar, clique simples e clique duplo referem-se a cliques com o botão esquerdo do mouse e que teclar corresponde à operação de pressionar uma tecla e, rapidamente, liberá-la, acionando-a apenas uma vez. Considere também que não há restrições de proteção, de funcionamento e de uso em relação aos programas, arquivos, diretórios, recursos e equipamentos mencionados. 

A prevenção de crimes cibernéticos tem maior chance de ser conseguida se o usuário seguir recomendações de segurança, como:

  • A atualizar o computador regularmente com patches e atualizações mais recentes, que podem ser baixadas de qualquer site na web.
  • B usar um único tipo de software - antivírus ou firewall - para se obter segurança on-line, já que ambos têm a mesma finalidade: controlar quem se comunica on-line com o computador.
  • C usar software antivírus, que normalmente monitora as atividades on-line, como mensagens de e-mail e navegação na web, além de proteger contra vírus, cavalos de Troia e outros tipos de malware.
  • D escolher uma única senha complexa para todos os serviços on-line, que tenha pelo menos oito caracteres e inclua uma combinação de letras, números e símbolos, e que seja atualizada pelo menos a cada 6 meses.
  • E só abrir anexos ou clicar em links de mensagens de e-mail enviadas por pessoas conhecidas, para que não haja risco de acesso a conteúdo prejudicial à segurança das informações.
56
Na questão que avalia o conhecimento de noção de informática, a menos que seja explicitamente informado o contrário, considere que todos os programas mencionados estão em configuração padrão, em português, que o mouse está configurado para pessoas destras, que expressões como clicar, clique simples e clique duplo referem-se a cliques com o botão esquerdo do mouse e que teclar corresponde à operação de pressionar uma tecla e, rapidamente, liberá-la, acionando-a apenas uma vez. Considere também que não há restrições de proteção, de funcionamento e de uso em relação aos programas, arquivos, diretórios, recursos e equipamentos mencionados. 

Funcionários de uma empresa, localizados em cidades diferentes, possuem um grupo de WhatsApp pelo qual trocam informações sobre atividades de trabalho do dia a dia. Como os teclados dos celulares são pequenos e dificultam a digitação, a empresa recomenda que cada funcionário configure o WhatsApp Web em seu computador, para enviar e receber mensagens por meio do navegador web. Para usar o WhatsApp Web, o funcionário deve entrar no site https://web.whatsapp.com/ no computador e, através do WhatsApp do celular, deverá:

  • A digitar o endereço IP do celular na rede
  • B escanear o QR Code mostrado na página.
  • C digitar o número do telefone celular na página.
  • D fazer seu cadastro no site do WhatsApp web.
  • E fazer login no site do WhatsApp web.
57

Para inicializar de forma mais rápida um computador com o Windows 10 instalado, um técnico resolveu desabilitar todos os programas de terceiros da inicialização do Windows. Para isso, clicou na aba Serviços, marcou a opção Ocultar todos os serviços Microsoft, clicou nos botões Desativar tudo, Aplicar, OK e inicializou o computador. As opções clicadas estão disponíveis na janela que se abre após se digitar no campo Executar o comando:

  • A ms-init.
  • B regedit.
  • C autoexec.
  • D config.
  • E msconfig.
58
Nas questões que avaliam os conhecimentos de noções de informática, a menos que seja explicitamente informado o contrário, considere que todos os programas mencionados estão em configuração padrão, em português, que o mouse está configurado para pessoas destras, que expressões como clicar, clique simples e clique duplo referem-se a cliques com o botão esquerdo do mouse e que teclar corresponde à operação de pressionar uma tecla e, rapidamente, liberá-la, acionando-a apenas uma vez. Considere também que não há restrições de proteção, de funcionamento e de uso em relação aos programas, arquivos, diretórios, recursos e equipamentos mencionados.

Com relação aos tipos e formas de backup, leia as afirmativas a seguir.


I. O backup incremental é a cópia de todos os dados que foram modificados desde o último backup de qualquer tipo.

II. No backup diferencial, com exceção da primeira execução, quando é semelhante ao incremental, serão copiados todos os dados alterados desde o backup completo anterior.

III. A operação de um hot backup tem como característica permitir que o sistema possa permanecer em execução enquanto é realizada.


Está correto o que se afirma em:

  • A I e II, somente.
  • B II e III, somente.
  • C I e III, somente.
  • D todas.
  • E nenhuma.
59
Nas questões que avaliam os conhecimentos de noções de informática, a menos que seja explicitamente informado o contrário, considere que todos os programas mencionados estão em configuração padrão, em português, que o mouse está configurado para pessoas destras, que expressões como clicar, clique simples e clique duplo referem-se a cliques com o botão esquerdo do mouse e que teclar corresponde à operação de pressionar uma tecla e, rapidamente, liberá-la, acionando-a apenas uma vez. Considere também que não há restrições de proteção, de funcionamento e de uso em relação aos programas, arquivos, diretórios, recursos e equipamentos mencionados.

Como fazer uma busca no Google por um termo que esteja somente no título de uma publicação?

  • A Deve-se iniciar a busca com o sinal de maior (>).
  • B Deve-se encerrar a busca com o sinal de maior (>).
  • C Deve-se iniciar a busca com o termo “intitle:”.
  • D Deve-se iniciar a busca com a tag <title>.
  • E Deve-se encerrar a busca com a tag <title>.
60
Nas questões que avaliam os conhecimentos de noções de informática, a menos que seja explicitamente informado o contrário, considere que todos os programas mencionados estão em configuração padrão, em português, que o mouse está configurado para pessoas destras, que expressões como clicar, clique simples e clique duplo referem-se a cliques com o botão esquerdo do mouse e que teclar corresponde à operação de pressionar uma tecla e, rapidamente, liberá-la, acionando-a apenas uma vez. Considere também que não há restrições de proteção, de funcionamento e de uso em relação aos programas, arquivos, diretórios, recursos e equipamentos mencionados.

Sobre o navegador Firefox, leia as afirmativas a seguir.


I. Um plugin é um programa instalado no Firefox que adiciona recursos que podem ser usados por páginas web.

II. Uma extensão é um programa feito especialmente para o Firefox para criar ou modificar alguma funcionalidade. A existência ou não de alguma extensão não interfere na visualização das páginas.

III. Um exemplo comum de extensão é o Flash Player, que é um visualizador de programas escritos em flash.


Está correto o que se afirma em:

  • A I e II, somente.
  • B II e III, somente.
  • C I e III, somente.
  • D todas.
  • E nenhuma.

Raciocínio Lógico

61

Na sequência a seguir, cada termo é formado a partir de uma lei matemática que relaciona, a cada um dos termos, respectivamente, os números 1, 2, 3, 4, 5:
(1, 8, X, 64, 625)
Considerando que todos os termos são gerados pela mesma lei de formação, assinale a alternativa que apresenta o valor do elemento X da sequência.

  • A 9
  • B 12
  • C 25
  • D 27
  • E 32
62

Os funcionários de um departamento estão trabalhando com o objetivo de reduzir o tempo gasto em determinado processamento de dados. A seguinte tabela mostra os tempos que a equipe conseguiu atingir em 3 dias seguidos de trabalho.
1º dia 100 minutos 2º dia 80 minutos 3º dia 64 minutos
Se eles mantiverem o fator de redução, conforme padrão apresentado na tabela, no 4º dia eles atingirão o tempo de:

  • A 48 minutos.
  • B 51 minutos e 12 segundos.
  • C 51 minutos e 20 segundos.
  • D 52 minutos.
  • E 52 minutos e 20 segundos.
63

Considere um grupo de 10 advogados A1, A2, A3, A4, ... , A9 e A10, entre os quais:
I. A1, A2 e A3 têm, respectivamente, 36, 49 e 51 anos. II. A4, A5, A6, A7 e A9 nasceram, nessa ordem, em anos consecutivos. III. A8 e A10 nasceram em 1971. Sabendo-se que em 2018 todos já fizeram aniversário e que a média de idade de todo o grupo é 43, o ano em que A4 nasceu é:

  • A 1980
  • B 1979
  • C 1978
  • D 1977
  • E 1976
64

Para participar do processo de transferência externa para uma faculdade, o candidato deve cumprir todos os seguintes pré-requisitos:
- Ter cursado pelo menos 1 ano na instituição de origem. - Não ter dependência no histórico.
Carlos pretendia participar desse processo. Para isso, foi à secretaria da faculdade e lá foi informado de que não poderia participar do processo. A afirmação “Carlos não pode participar do processo de transferência externa” é equivalente a:

  • A Carlos cursou menos de 1 ano na instituição de origem.
  • B Carlos tem dependência no histórico.
  • C Carlos não tem dependência no histórico, mas certamente cursou pelo menos 1 ano na instituição de origem.
  • D Carlos certamente tem dependência no histórico, mas não cursou pelo menos 1 ano na instituição de origem.
  • E Carlos não cursou pelo menos 1 ano na instituição de origem ou tem dependência no histórico.
65

Considere-se que:
I. todo estudante de Matemática é inteligente. II. Juliana é estudante de Biologia.
Pode-se concluir que:

  • A Juliana não é inteligente.
  • B todas as pessoas inteligentes são estudantes de Matemática.
  • C Juliana pode ser inteligente.
  • D nenhum estudante de Biologia é inteligente.
  • E Juliana é estudante de Matemática.
66

Alguns alunos do curso de Direito são bolsistas. Todos os alunos da faculdade que obtiveram aproveitamento acima de 90% no vestibular são bolsistas. Então, é necessariamente verdade que:

  • A alguns alunos do curso de Direito obtiveram aproveitamento acima de 90% no vestibular.
  • B nenhum aluno do curso de Direito obteve aproveitamento acima de 90% no vestibular.
  • C todos os alunos do curso de Direito obtiveram aproveitamento acima de 90% no vestibular.
  • D todos os alunos bolsistas são alunos do curso de Direito.
  • E alguns alunos bolsistas obtiveram aproveitamento acima de 90% no vestibular.
67

Das frases a seguir, a única que representa uma proposição é:

  • A Ronaldo, venha até aqui, por favor.
  • B Que tarde agradável!
  • C Sim.
  • D Maria preparou os documentos.
  • E Onde estão os documentos?
68

Dois funcionários de uma faculdade discutiam a possibilidade de remodelação de uma sala de arquivo. Um deles disse:
“Se não comprarmos novas estantes, então não poderemos aceitar novos arquivos.”
A proposição equivalente à fala desse funcionário é:

  • A “Se comprarmos novas estantes, então poderemos aceitar novos arquivos.”
  • B “Se pudermos aceitar novos arquivos, então terão sido compradas novas estantes.”
  • C “Se comprarmos novas estantes, então não poderemos aceitar novos arquivos.”
  • D “Se não pudermos aceitar novos arquivos, então não compraremos novas estantes.”
  • E “Precisamos comprar novas estantes para aceitar novos arquivos.”
69

Rafaela recebeu uma planilha Excel em que havia uma sequência de cálculos utilizando as informações contidas nas células. Observe, a seguir, os três primeiros termos dessa sequência:
1º termo: A1 2º termo: A1 + C4 3º termo: A1 + C4 + E7
Admitindo-se que o padrão apresentado até o 3º termo se mantém, o 5º termo será:

  • A A1 + C4 + E7 + G10
  • B A1 + C4 + E7 + H10
  • C A1 + C4 + E7 + G10 + I13
  • D A1 + C4 + E7 + H10 + J12
  • E A1 + C4 + E7 + G10 + J12
70

Amanda está planejando o próximo passo de sua carreira. Ela sabe que receberá um aumento se, e somente se, fizer uma pós-graduação ou obtiver um certificado de proficiência em alguma língua. Pode-se afirmar certamente que:

  • A se Amanda não recebeu um aumento, então ela não fez pós-graduação
  • B se Amanda recebeu um aumento, então ela fez pós graduação.
  • C se Amanda recebeu um aumento, então ela fez pós-graduação e obteve um certificado de proficiência em alguma língua.
  • D se Amanda obteve um certificado de proficiência em alguma língua, então ela fez pós-graduação.
  • E se Amanda não recebeu um aumento, então ela obteve um certificado de proficiência em outra língua.
71

No departamento de material gráfico de uma faculdade, há, entre outras, as seguintes regras:
- Se for utilizada a impressora A, então a impressão é colorida. - Se o material não for destinado a marketing, a impressão não pode ser colorida.
Determinado material não é destinado a marketing; então, necessariamente:

  • A a impressão é colorida.
  • B a impressão pode ser colorida.
  • C é utilizada a impressora A.
  • D não é utilizada a impressora A.
  • E a impressão não pode ser colorida, e é utilizada a impressora A.
72

Em um escritório de advogados, alguns funcionários têm contrato especial. Todos os funcionários que têm contrato especial recebem um bônus se a empresa ganha um caso. Então, necessariamente:

  • A se a empresa ganha um caso, todos os funcionários recebem bônus.
  • B todo funcionário que recebe bônus tem contrato especial.
  • C se a empresa ganha um caso, alguns funcionários recebem bônus.
  • D se a empresa não ganha um caso, todos os funcionários recebem bônus.
  • E se a empresa não ganha um caso, alguns funcionários recebem bônus.
73

No quadro de funcionários de uma faculdade, todos os professores são especialistas, e todos os especialistas são mestres. O coordenador do curso é especialista. Então, pode-se afirmar certamente que:

  • A o coordenador do curso é professor.
  • B o coordenador do curso não é professor.
  • C o coordenador do curso é mestre.
  • D o coordenador do curso não é mestre.
  • E o coordenador do curso é doutor.
74

Do regulamento interno de uma faculdade consta a seguinte regra:
O(a) aluno(a) que obtiver média superior a 4,0 e não estiver reprovado por faltas, poderá realizar o exame.
Considerando somente esta regra, julgue as seguintes proposições.
I. Simone poderá realizar o exame; então, certamente, não está reprovada por faltas. II. Pedro está reprovado por faltas; então, certamente, não poderá realizar o exame. III. Adriano não poderá realizar o exame; então, certamente, está reprovado por faltas.
Pode-se afirmar que:

  • A apenas I e II estão corretas.
  • B apenas I e III estão corretas.
  • C apenas II e III estão corretas.
  • D apenas I está correta.
  • E todas estão corretas.
75

Do levantamento feito com 200 formandos do curso de Biologia, sobre a atuação em pesquisa na qual desejariam trabalhar após a formatura, foram obtidas as seguintes informações: 69 declararam que gostariam de realizar pesquisa de campo, 107 disseram que fariam pesquisas em laboratório, sendo que desses 32 afirmaram o desejo de realizar tanto pesquisa de campo quanto pesquisas em laboratório. Dos duzentos formandos entrevistados, quantos não declararam o tipo de pesquisa que gostariam de realizar?

  • A 56
  • B 38
  • C 24
  • D 8
  • E 75

Matemática

76

Uma ONG da região do ABC paulista recebeu uma doação de livros. Foram recebidas caixas cúbicas contendo duas pilhas de livros cada uma. Os livros foram organizados em cada caixa de tal forma que não restasse espaço algum em seu interior. Se o total de caixas recebidas é igual a 25 e cada livro possui 12 cm de largura e 3 cm de espessura, então o total de livros que foram recebidos pela ONG é igual a:

  • A 400
  • B 600
  • C 720
  • D 864
  • E 512
77

Observe parte da notícia publicada no Diário grande ABC que se refere aos transtornos que as fortes chuvas causaram na região do ABC Paulista, em 2 de março de 2018.
Em São Caetano, houve pontos de alagamento na Avenida Guido Aliberti, nas proximidades do Cemitério Vertical, além de queda de árvore e fiação na Rua Tietê, altura do número 314. De acordo com a Defesa Civil, choveu 17 milímetros em São Bernardo e 7,5 milímetros em São Caetano.
(Disponível emhttps://www.dgabc.com.br/Noticia/2865133/chuva-forte-causatranstornos-no-grande-abc)
Sabendo-se que 1 milímetro de chuva significa que caiu 1 litro de água por metro quadrado de área, quantos litros de água caíram, de acordo com a notícia citada, em um campo de futebol localizado na cidade de São Bernardo, com dimensões de 100 m por 70 m?

  • A 109.000
  • B 119.000
  • C 129.000
  • D 139.000
  • E 149.000
78

Os donos de uma papelaria localizada na região central de São Bernardo do Campo resolveram antecipar a venda de material escolar para o ano de 2019. Para atrair mais clientes, eles formularam três ofertas:
1ª) 5 canetas, 4 cadernos e 10 lápis por R$ 62,00. 2ª) 3 canetas, 5 cadernos e 3 lápis por R$ 66,00. 3ª) 2 canetas, 3 cadernos e 7 lápis por R$ 44,00.
Para comparar os preços dessa papelaria com outras da região, Inácio calculou o preço de uma caneta, um caderno e um lápis. Em seguida ele somou esses três valores, obtendo um total de:

  • A R$ 12,00
  • B R$ 14,00
  • C R$ 16,00
  • D R$ 18,00
  • E R$ 20,00

Matemática Financeira

79

Um pequeno empreendedor fez um empréstimo e vai pagálo em duas prestações: a primeira, de R$ 18.000,00, um ano após contrair o empréstimo; a segunda, de R$ 20.000,00, dois anos após pegar o dinheiro emprestado. Sabendo-se que estão sendo cobrados, anualmente, juros de 25% ao ano sobre o saldo devedor, pode-se afirmar que o valor emprestado pelo empreendedor foi de:

  • A R$ 13.800,00
  • B R$ 23.750,00
  • C R$ 27.200,00
  • D R$ 28.500,00
  • E R$ 30.400,00

Matemática

80

Um objeto é largado do alto de um edifício residencial e cai em direção ao solo. Sua altura y em relação ao solo, x segundos após o lançamento, pode ser calculada pela expressão y = -25x² + 625. Após quantos segundos, contados a partir do instante em que foi largado, o objeto atingirá o solo?

  • A 3
  • B 4
  • C 5
  • D 6
  • E 7
81

Duas empreiteiras realizarão conjuntamente uma obra de pavimentação de estradas na cidade de São Bernardo do Campo. Em uma dessas obras, uma das empreiteiras pavimentou 3/5 de uma estrada, e a outra, os 36 km restantes. Em relação à referida estrada, pode-se dizer que sua extensão é de:

  • A 64 km
  • B 81 km
  • C 90 km
  • D 105 km
  • E 135 km
82

De acordo com o Censo 2010 a população de São Bernardo do Campo é composta de 51,6% de mulheres e 48,4% de homens. (Disponível em https://censo2010.ibge.gov.br/sinopse/index.php?dados=26&uf=35#topo_ piramide)
Considere-se hipoteticamente que, em 2010, a população feminina representasse 51% do total, que a idade média da população feminina fosse de 38 anos e que a idade média da população masculina fosse de 36 anos. Nessas condições, qual seria a idade média da população de São Bernardo do Campo no referido ano?

  • A 37,05
  • B 36,60
  • C 37,20
  • D 37,00
  • E 37,02
83

A fotocopiadora da FDSBC demora 37 segundos para imprimir uma unidade de certo material didático. O tempo necessário para imprimir 250 unidades do referido material é:

  • A 2 h 55 min 40 s
  • B 2 h 43 min 37 s
  • C 2 h 34 min 10 s
  • D 2 h 43 min 20 s
  • E 1 h 53 min 30 s
84

Uma sala de aula de uma Faculdade de Direito será reformada. Tal sala tem formato retangular e piso plano, e suas dimensões são 8,80 m por 7,60 m. Deseja-se que o piso da referida sala seja revestido de ladrilhos quadrados iguais, sem necessidade de recortar nenhuma peça. A medida máxima do lado de cada ladrilho é:

  • A 50 cm
  • B 40 cm
  • C 30 cm
  • D 20 cm
  • E 10 cm
85

Os ônibus da linha 1313 passam pela paróquia São Bernardo de Claraval de 7 em 7 minutos. Supondo que não houve nenhuma alteração ou atraso, se um ônibus passou às 12h42mim, quem chegou à Paróquia São Bernardo de Claraval às 15h03min esperará quantos minutos pelo próximo ônibus?

  • A 6.
  • B 5.
  • C 4.
  • D 2.
  • E 1.
Voltar para lista