Resolver o Simulado Servente - CONSESP - Nível Fundamental

0 / 30

Matemática

1

A Procuradoria-Geral de Justiça precisava adquirir leitores de código de barras e, após procedimento licitatório, conseguiu comprar um lote de 20 deles ao preço de R$ 119,00 cada. Sabendo-se que a empresa vendedora concedeu 15% de desconto, qual era o preço de tabela dos leitores? A segunda colocada na licitação cobrava 05% a mais que o preço de tabela da vencedora e não concedia qualquer desconto. Assim, quanto a Procuradoria-Geral de Justiça economizou, nessa compra?

  • A R$ 140,00 – R$ 650,00
  • B R$ 100,00 – R$ 460,00
  • C R$ 120,00 – R$ 560,00
  • D R$ 140,00 – R$ 140,00
  • E R$ 140,00 – R$ 560,00
2

Um senhor deseja cercar seu terreno com arame farpado. Sabendo que ele dispõe de 2 km de fio, quantas voltas poderá dar em seu terreno, cujo perímetro mede 200 m?

  • A 10 voltas
  • B 100 voltas
  • C 20 voltas
  • D 02 voltas
  • E 01 volta
3

Uma escola resolveu levar seus alunos para um museu. Para isto, contratou uma transportadora, que aluga ônibus que comportam 30 alunos cada. Sabendo que a escola levará 280 alunos ao passeio, quantos ônibus precisarão ser contratados para levar todos os alunos de uma vez?

  • A 10
  • B 09
  • C 08
  • D 07
  • E 11
4

Sendo a distância do ponto A ao ponto B de 1.000 quilômetros, para perfazê-la, uma pessoa terá que percorrer:

  • A 100 m
  • B 1.000 m
  • C 10.000 m
  • D 100.000 m
  • E 1.000.000 m
5

Sabe se que 2 + x = 5 e que y = 3 x. Qual o valor de y – x?

  • A 3
  • B 6
  • C 9
  • D 12
  • E 15
6

Uma piscina mede 3 metros de largura, 4 metros de comprimento e 2 metros de altura e está com ¾ de sua capacidade preenchidos. Quantos litros de água há na piscina?

  • A 18.000 l
  • B 24.000 l
  • C 12.000 l
  • D 16.000 l
  • E 26.000 l
7

Em um tanque há 850 litros de água. Sabendo que o tanque está em 25% de sua capacidade máxima, quantos litros ainda se pode adicionar ao tanque?

  • A 3400 l
  • B 850 l
  • C 2505 l
  • D 2550 l
  • E 3440 l
8

Sabendo que 2x + 3 = 5, e que b = 5x + 1, qual é o valor de x + b?

  • A 06
  • B 01
  • C 07
  • D 04
  • E 21
9
Um pai deseja dividir uma fazenda de 500 alqueires entre seus três filhos, na razão direta da quantidade de filhos que cada um tem e na razão inversa de suas rendas. Sabendo-se que a renda do filho mais velho é duas vezes a renda do filho mais novo e que a renda do filho do meio é três vezes a renda do mais novo, e que, além disso, o filho mais velho tem três filhos, o filho do meio tem dois filhos e o filho mais novo tem dois filhos, quantos alqueires receberá o filho do meio?
  • A 80.
  • B 100.
  • C 120.
  • D 160.
  • E 180.
10
Antônio constrói 20 cadeiras em 3 dias de 4 horas de trabalho por dia. Severino constrói 15 cadeiras do mesmo tipo em 8 dias de 2 horas de trabalho por dia. Trabalhando juntos no ritmo de 6 horas por dia, produzirão 250 cadeiras em:
  • A 15 dias.
  • B 16 dias.
  • C 18 dias.
  • D 20 dias.
  • E 24 dias.
11
Maria Laura estava brincando de fazer multiplicações. Ela, então, multiplicou quatro números naturais ímpares e consecutivos. Qual dos números a seguir Maria Laura obteve como resposta?
  • A 1890.
  • B 2520.
  • C 3465.
  • D 1287.
  • E 8316.
12
Usando os algarismos 1, 2 e 3, sem repetir nenhum deles, quantos números de três algarismos e que sejam divisíveis por 2 podemos formar?
  • A Um número.
  • B Dois números.
  • C Três números.
  • D Quatro números.
  • E Seis números.
13
Carlos queria saber o número de seu sapato. Então ele mediu o comprimento de seu pé em centímetros, multiplicou a medida por 5, somou 28, dividiu tudo por 4 e arredondou o resultado para cima, obtendo o número 41. Qual das alternativas mostra o possível comprimento do pé do Carlos?
  • A 24.
  • B 25.
  • C 26.
  • D 27.
  • E 28.
14
Uma determinada fração não nula é equivalente a 2/7 . Sabendo que a soma entre o numerador e o denominador é 189. Qual é o valor do numerador?
  • A 38.
  • B 40.
  • C 42.
  • D 44.
  • E 147.
15
Suponha que um carro perde por ano 20% de seu valor em relação ao ano anterior, uma moto perde por ano 30% de seu valor em relação ao ano anterior e uma bicicleta perde por ano 10% de seu valor em relação ao ano anterior. Além disso, suponha que o carro custa o dobro de uma moto e uma moto o dobro de uma bicicleta. Sendo assim, ao final de 5 anos:
  • A a bicicleta valerá mais que a moto.
  • B o carro valerá mais que a moto e a moto valerá mais que a bicicleta.
  • C nenhum dos 3 valerá nada.
  • D a bicicleta valerá mais que o carro.
  • E apenas a bicicleta valerá algo.
16
Se 3 máquinas funcionando 6 horas por dia imprimem 18.000 livros, durante 9 dias, quantas horas deverá funcionar 5 máquinas para imprimir 200.000 livros em 45 dias?
  • A 7 horas.
  • B 8 horas.
  • C 9 horas.
  • D 10 horas.
  • E 6 horas.
17
Considere cinco números ímpares consecutivos. Faça a soma do primeiro com o terceiro e com o quinto. Faça a soma do segundo com o quarto. Se a diferença entre a primeira e a segunda soma for igual a 19, qual o valor do terceiro número ímpar considerado?
  • A 17.
  • B 19.
  • C 13.
  • D 15.
  • E 21.
18

Sobre o sistema de medidas adotado no Brasil, assinale a alternativa correta:

  • A Para medida de distância, pode-se utilizar a medida "quilômetro por hora" (km/h);
  • B Para medida de massa, pode-se utilizar a medida "metro quadrado*' (m2):
  • C Para medida de volume, pode-se utilizar a medida "metro cúbico" (m3);
  • D Para medida de velocidade, pode-se utilizar a medida "metro" (m);
  • E Para medida de temperatura, não se pode utilizar a medida "grau Kelvin" (°K).
19

De acordo com o sistema de medidas métrico decimal, adotado pelo Brasil, assinale a alternativa correta:

  • A 01 Litro (L) equivale a 01 decímetro cúbico (dm3);
  • B A unidade de massa é representada pela letra "m" e possui variações a exemplo de: centímetro (cm); quilômetro (km);
  • C As principais medidas de comprimento adotadas pelo Brasil são: pés, polegadas e jardas;
  • D Uma hora possui 3.000 segundos;
  • E 01 hectograma (hg) equivale a 10 miligramas (mg).
20

Um auxiliar de atendimento de promotoria, trabalhando 08 horas por dia, durante 10 dias, atende a 50 pessoas. Quantos auxiliares de atendimento são necessários para atender a 240 pessoas em 04 dias. trabalhando 08 horas por dia?

  • A 04;
  • B 12;
  • C 15;
  • D 18;
  • E 19;

Legislação Municipal

21

A Câmara Municipal é representada

  • A por uma comissão de vereadores.
  • B por seu Presidente.
  • C pelo servidor que seu Presidente nomear.
  • D pelo Secretário que o Prefeito nomear.
22

Ângela, servidora pública da Câmara Municipal de Salvador, realiza doação voluntária de sangue, devidamente comprovada. Pelo ato praticado, o Estatuto dos Servidores Públicos Civis de Salvador dispõe que Ângela tem direito a:

  • A abono de faltas, podendo ausentar-se do serviço, sem qualquer prejuízo, por três dias a cada seis meses de trabalho;
  • B abono de faltas, podendo ausentar-se do serviço, sem qualquer prejuízo, por um dia, no mês subsequente à doação de sangue;
  • C abono de faltas, podendo ausentar-se do serviço, sem qualquer prejuízo, por um dia a cada ano;
  • D horário diferenciado de expediente, podendo ausentar-se do serviço, sem qualquer prejuízo, pela metade da jornada de trabalho de um dia, no prazo de um mês após a doação;
  • E horário diferenciado de expediente, podendo ausentar-se do serviço, sem qualquer prejuízo, pelo turno da tarde ou manhã, conforme o horário da doação de sangue.
23

Carlos, servidor público estável ocupante de cargo efetivo da Câmara Municipal de Salvador, por questão pessoal, no exercício da função pública, referiu-se de modo depreciativo ao Prefeito Municipal, ao lançar informação no bojo de processo administrativo. Conforme estabelece o Estatuto dos Servidores Públicos Civis de Salvador, após as formalidades legais, em tese, Carlos está sujeito à pena disciplinar de:

  • A advertência, caso não seja reincidente;
  • B suspensão, que não pode exceder a cento e oitenta dias;
  • C multa, no valor de cinquenta por cento de seus vencimentos;
  • D demissão, mediante processo administrativo disciplinar;
  • E censura, independentemente de ser reincidente.
24

Durante o ano de 2017, José ficou licenciado por oito meses consecutivos, por motivo de doença de sua mãe, mediante comprovação médica, pois demonstrou ser indispensável a sua assistência pessoal, que não podia ser prestada simultaneamente com o exercício do cargo. Com base no texto legal do Estatuto dos Servidores Públicos Civis de Salvador, José:

  • A teve que comprovar a doença de sua mãe por meio de perícia médica do INSS, e a necessidade do acompanhamento do doente pelo servidor, mediante parecer da Secretaria Municipal de Saúde;
  • B recebeu a integralidade de seus vencimentos e vantagens de caráter permanente nos seis primeiros meses, e dois terços de seus vencimentos e vantagens de caráter permanente nos outros dois meses finais da licença;
  • C teve que comprovar a doença de sua mãe por meio de junta médica, e a necessidade do acompanhamento do doente pelo servidor para tratar de seus interesses econômicos ou comerciais;
  • D recebeu seus vencimentos e vantagens de caráter permanente, de forma proporcional a seu tempo de contribuição, durante todos os oito meses de licença;
  • E poderia renovar a licença por motivo de doença em pessoa da família pela mesma causa até o limite de vinte e quatro meses, percebendo a integralidade de seus vencimentos e vantagens de caráter permanente.
25

Maria é servidora pública estável ocupante de cargo efetivo na Câmara Municipal de Salvador. O Prefeito da mesma cidade convidou Maria para ocupar cargo em comissão de Assessora, diretamente vinculado a seu gabinete. No caso em tela, de acordo com o Estatuto dos Servidores Públicos Civis de Salvador, a cessão de Maria do Poder Legislativo para o Executivo:

  • A não é possível, pelo princípio da separação dos Poderes, eis que o cargo efetivo originário de Maria faz parte de carreira junto ao Legislativo municipal;
  • B não é possível, por incompatibilidade financeira no que concerne ao pagamento de pessoal, exceto se Maria obtiver licença para trato de assuntos particulares junto à Câmara;
  • C é possível, desde que, em matéria de remuneração de pessoal, a cessão seja feita sem ônus para o órgão cedente, isto é, para a Câmara Municipal;
  • D é possível, desde que, em matéria de remuneração de pessoal, a cessão seja feita com ônus para o órgão cedente, isto é, para a Câmara Municipal;
  • E é possível, desde que a remuneração pelo cargo efetivo seja suportada pelo órgão cedente, isso é, a Câmara Municipal e a gratificação pelo cargo em comissão, pelo Executivo.
26

A Lei Complementar nº 01/91 institui o regime jurídico único dos servidores públicos do município do Salvador. Em relação ao provimento dos cargos públicos, o mencionado diploma normativo estabelece que:

  • A ao entrar em exercício, o servidor público, nomeado para cargo de provimento efetivo, ficará sujeito ao estágio probatório, por período de dois anos;
  • B na readaptação, o servidor estável que estava em disponibilidade retornará ao exercício do cargo público anteriormente ocupado;
  • C por meio da reintegração ocorrerá o retorno do servidor público estável ao cargo anteriormente ocupado ou correlato, decorrente de sua inabilitação em estágio probatório relativo a outro cargo;
  • D na nomeação para cargo em comissão dar-se-á preferência aos servidores integrantes de cargos das carreiras técnicas ou profissionais do Município;
  • E pelo aproveitamento, o servidor público estável será investido em cargo de atribuições compatíveis com as limitações que tenha sofrido por motivo de doença.
27

De acordo com a Lei Orgânica do Município de Salvador, a Câmara Municipal elegerá, a dois de janeiro do primeiro ano da Legislatura, a Mesa Executiva:

  • A que é constituída de um Presidente, três Vice-Presidentes, quatro Secretários, um Corregedor, um Ouvidor e um Ouvidor Substituto para o mandato de dois anos;
  • B cuja eleição é realizada em primeira convocação com a presença de, pelo menos, a maioria absoluta dos Vereadores que compõem a Câmara;
  • C que tem competência para iniciativa dos projetos de lei que versem sobre o plano plurianual, as diretrizes orçamentárias e os orçamentos anuais;
  • D cuja composição deve atender à representação proporcional dos partidos políticos, conforme votação da maioria simples dos Vereadores presentes na primeira sessão legislativa;
  • E que pode convocar Secretário Municipal ou titulares de entidades autárquicas e fundações para, no prazo de vinte e quatro horas, prestar pessoalmente informações sobre assuntos de interesse da Câmara.
28

A Câmara Municipal de Salvador aprovou em redação final determinado projeto de lei e o enviou ao Prefeito. Ocorre que o Chefe do Executivo Municipal, no prazo legal, após parecer da procuradoria, considerou o projeto, em parte, inconstitucional, razão pela qual o vetou parcialmente, comunicando ao Presidente da Câmara. Consoante dispõe a redação atual da Lei Orgânica do Município de Salvador, o veto:

  • A não poderia ter sido feito de forma parcial pelo Prefeito, que apenas tem a prerrogativa de vetar na integralidade projetos de leis que considere inconstitucionais;
  • B poderá ser rejeitado pelo voto da maioria simples dos Vereadores, mediante parecer prévio da procuradoria da Câmara, hipótese em que o projeto de lei será enviado para publicação no diário oficial pelo Presidente da Câmara;
  • C será apreciado dentro de trinta dias, a contar de seu recebimento, só podendo ser rejeitado pelo voto da maioria absoluta dos Vereadores;
  • D poderá ser derrubado pelo voto qualificado de três quintos dos Vereadores, hipótese em que o projeto de lei será enviado para proclamação no diário oficial pelo Presidente da Câmara;
  • E será apreciado na primeira sessão legislativa subsequente ao seu recebimento pela Câmara, que poderá rejeitá-lo pelo voto de dois terços dos Vereadores.
29

João, Vereador Municipal de Salvador, dois meses após tomar posse no cargo, estabeleceu domicílio fora do Município onde exerce a vereança, bem como foi nomeado pelo Prefeito e está exercendo função de membro do Conselho Municipal de Saúde. Em razão dos fatos narrados, de acordo com o texto da Lei Orgânica do Município de Salvador, João:

  • A não está sujeito a qualquer sanção de natureza cível ou administrativa, eis que mudou de domicílio após ter tomado posse e porque as funções de membro de conselhos municipais são compatíveis com o exercício do mandato eletivo;
  • B não está sujeito a qualquer sanção de natureza cível, mas pode ser penalizado por sanção disciplinar, com advertência ou suspensão de até noventa dias, em razão da mudança de domicílio para outra cidade;
  • C está sujeito à suspensão por até trinta dias do mandato, a ser decretada pela Câmara, por meio de voto da maioria absoluta dos seus membros, por iniciativa da Mesa da Câmara, de qualquer Vereador ou, ainda, pelo Judiciário;
  • D está sujeito à perda do mandato, a ser decretada pela Câmara através de voto de dois terços dos seus membros, por iniciativa do Prefeito, da Mesa da Câmara, de qualquer Vereador ou, ainda, pelo Judiciário;
  • E está sujeito à perda do mandato, a ser decretada pela Câmara através da maioria absoluta dos seus membros, por iniciativa da Mesa da Câmara, de qualquer Vereador ou, ainda, pelo Judiciário.
30

A Constituição da República de 1988 estabelece normas sobre a divisão de competências entre os entes federativos. Na esteira do mandamento constitucional, de acordo com sua Lei Orgânica, ao Município de Salvador compete:

  • A prover sobre denominação, numeração e emplacamento de logradouros públicos, vedada a utilização de nome, sobrenome ou cognome de pessoas vivas;
  • B explorar, diretamente ou mediante autorização, concessão ou permissão, os serviços de radiodifusão sonora, e de sons e imagens;
  • C organizar e manter a polícia civil, a polícia militar e o corpo de bombeiros municipal, nos termos da lei complementar editada pela Câmara Municipal;
  • D legislar sobre trânsito e transporte, bem como sobre populações indígenas, mantendo mecanismos de fiscalização para o fiel cumprimento das leis;
  • E explorar, diretamente ou mediante autorização, concessão ou permissão, os serviços de telecomunicações, nos termos da lei específica que dispõe sobre a matéria.
Voltar para lista