Resolver o Simulado Técnico de Laboratório - Nível Médio

0 / 50

Biomedicina - Análises Clínicas

1

Os pacientes que possuem distúrbios no processo de coagulação sanguínea muitas vezes são dependentes de administrações parenterais de hemocomponentes ou hemoderivados para o controle da doença. A hemofilia do tipo A é o distúrbio congênito causado pela deficiência do fator de coagulação:

  • A VII
  • B VIII
  • C IX
  • D XI
2

Diversos elementos anormais podem ser encontrados na urina humana por meio de análise do sedimento urinário. Em uma amostra de urina de pH alcalino, é possível se encontrar cristais do tipo:

  • A ácido úrico
  • B fosfato triplo
  • C oxalato de cálcio
  • D urato amorfo
3

A hepatite do tipo B é uma doença que pode ser prevenida por meio de esquema vacinai estabelecida em três doses. A confirmação de imunização contra essa doença após cinco anos de vacinação de um profissional de saúde é realizada por meio da pesquisa do marcador viral:

  • A anti-HBe
  • B HBsAg
  • C anti-HBs
  • D HBeAg
4

Uma amostra de urina de adulto colhida pela manhã foi enviada a um laboratório para a realização de diversos testes. O resultado do teste de densidade revelou um valor de 1.075, evidenciando que essa urina está:

  • A concentrada
  • B extremamente diluída
  • C levemente diluída
  • D normal
5

Diversas proteínas e outros elementos são essenciais pelo adequado funcionamento da cascata de coagulação sanguínea. A proteína responsável direta pela transformação do fibrinogênio em fibrina é a:

  • A plasmina
  • B protrombina
  • C trombina
  • D tromboplastina
6

Em um laboratório de parasitologia, diversos agentes etiológicos de doenças podem ser identificados por meio de técnicas específicas e por meio da visualização de estruturas dos parasitas. A observação de uma amostra fecal previamente concentrada identificou a presença de ovos com espículo lateral grande e evidente. Esta morfologia é compatível com:

  • A Ascaris lumbricoides
  • B Enterobius vermicularis
  • C Schistosoma mansoni
  • D Taenia saginata
7

As normas de biossegurança em laboratórios de análises clínicas devem ser cumpridas para evitar exposições desnecessárias e nocivas de patógenos e de outros materiais aos seres humanos e meio ambiente. Dentre os equipamentos de proteção coletiva que devem estar disponíveis e serem utilizados corretamente para o cumprimento dessas normas, destacam-se:

  • A os protetores oculares
  • B os calçados de proteção
  • C os protetores respiratórios
  • D as capelas químicas
8

Em qualquer laboratório de análises clínicas são produzidos diariamente diversos resíduos que necessitam de adequada segregação e descarte. Os materiais infectantes produzidos são classificados como resíduos de saúde de classe:

  • A A
  • B B
  • C C
  • D D
9

Das afirmativas abaixo, a única correta é:

  • A a Patologia Molecular avalia material genético (DNA e RNA) extraído de tecidos.
  • B imuno-histoquímica é um método de coloração específico para núcleos.
  • C na imunofluorescência são utilizados anticorpos ligados a moléculas de hidrogênio.
  • D citopatologia é a área da patologia que investiga a presença de cristais na urina.
  • E exames genéticos não podem ser realizados em tecidos coletados em necropsia.
10

O teste de velocidade de hemossedimentação

  • A quando tem resultado negativo serve para excluir a presença de doença maligna.
  • B permite o diagnóstico de uma doença específica.
  • C indica a presença e intensidade de um processo inflamatório.
  • D é útil para diagnóstico, mas não para monitorar o curso de uma doença.
  • E não sofre influência do nível de colesterol do paciente examinado.
11

Com base no que dispõe a Resolução n° 466/2012 do Ministério da Saúde, que trata do comportamento ético em pesquisas:

  • A É obrigatório obter consentimento livre e esclarecido do participante da pesquisa e/ou seu representante legal, inclusive nos casos de pesquisa que, por sua natureza, impliquem justificadamente, em consentimento posterior.
  • B Pesquisas devem ser feitas em indivíduos com autonomia plena; indivíduos ou grupos vulneráveis não devem nunca ser participantes da pesquisa.
  • C Pesquisas com crianças, adolescentes, pessoas com transtorno ou doença mental não são permitidas.
  • D Quando a pesquisa for realizada em comunidades, não é necessário adaptá-la para observar diferenças culturais, morais ou religiosas.
  • E É possível utilizar livremente o material e resultados obtidos na pesquisa para qualquer finalidade mesmo que não seja atinente ao protocolo.
12

No teste de contagem de CD4,

  • A o resultado é em porcentagem de linfócitos sobre leucometria total.
  • B é importante anotar a hora da coleta da amostra porque pode haver variação no resultado, com valor noturno podendo ser o dobro do da manhã.
  • C o resultado pode ser expresso como índice de linfócitos CD8/CD4.
  • D a citometria de fluxo é o equipamento ideal pois é específico para síndrome de imunodeficiência humana, não servindo para outras imunodeficiências.
  • E o citômetro de fluxo não faz limpeza automática entre as amostras analisadas, necessitando lavagem manual entre cada ensaio.
13

Para hepatites virais, o diagnóstico laboratorial

  • A sorológico é feito por detecção de anticorpos pela reação em cadeia da polimerase (PCR, do inglês polymerase chain reaction).
  • B por pesquisa de antígeno viral pode ser realizada apenas em amostras de fezes.
  • C inespecífico é indicado pela elevação acentuada das aminotransferases.
  • D por detecção de ácidos nucleicos por técnica de enzimaimunoensaio (ELISA) é o mais indicado na fase crônica da doença.
  • E sorológico para a hepatite B não é específico pela técnica de enzimaimunoensaio (ELISA).
14

Em provas bioquímicas, de sangue ou urina,

  • A as amostras de sangue nas quais o plasma não foi separado das células sanguíneas, podem resultar em valores diminuídos de glicose.
  • B a idade do paciente não é relevante e não precisa ser registrada para a execução dos exames.
  • C os antibióticos não interferem nos resultados e, por isso, se o paciente estiver fazendo uso dessa medicação não precisa informar ao laboratório.
  • D se na coleta de amostra, o paciente relatar presença de diarreia, não é causa de alteração de resultado, pois não se trata de exame de fezes.
  • E se houver algum problema técnico e ocorrer hemólise, o sangue poderá ser aproveitado para exames de função hepática, pois enzimas não se alteram.
15

A identificação de Neisseria meningitidis é feita

  • A a partir do isolamento de colônias sempre de aspecto seco em ágar chocolate e dos testes de oxidase e catalase que, quando positivos, confirmam essa espécie.
  • B em um nível de espécie no exame bacterioscópico, em que se observa ocorrência de diplococos Gram-negativos mais achatados nas laterais, dando a forma de rins ou dois grãos de feijão unidos por uma ponte.
  • C de modo confirmatório na ocorrência de surtos de meningite meningocócica, por bacterioscopia pela coloração de Gram.
  • D após seu isolamento em ágar sangue ou em ágar chocolate, incubação em ambiente úmido e atmosfera de CO2.
  • E a partir de líquido cefalorraquidiano, sempre por métodos microbiológicos, não havendo possibilidade de técnica de aglutinação com partículas de látex.
16

Em exames laboratoriais de fezes,

  • A a presença de cristais indicam sempre lesão renal grave e não tem relação com infestação parasitária.
  • B não é normal a ocorrência de fibras vegetais e musculares não digeridas e se aparecerem devem ser informadas pois indicam doenças graves.
  • C a cor da amostra deve ser anotada pois negro ou vermelho indica presença de sangue e branco-acinzentado sugere obstrução biliar.
  • D a presença de grandes quantidades de hemácias é normal e não deve ser relatada no laudo de exame.
  • E o achado de qualquer traço de gordura nas fezes deve ser relatado, pois sempre indica síndrome de má absorção.
17

No contexto de qualidade laboratorial:

  • A Controle interno da qualidade é a atividade de avaliação do desempenho de sistemas analíticos através de ensaios de proficiência e comparações interlaboratoriais.
  • B Processo pós-analítico compreende as etapas da execução do exame até a emissão do laudo.
  • C Rastreabilidade é a ação documentada para provar que um procedimento, processo, equipamento ou método funciona, da forma esperada, e proporcione o resultado desejado.
  • D Validação é a capacidade de recuperação do histórico, da aplicação ou da localização daquilo que está sendo considerado, por meio de identificações registradas.
  • E Não-conformidade é o não cumprimento de um requisito especificado por uma norma de qualidade.
18

Na urinálise,

  • A um erro de ± 30 na medida da densidade da urina (valor normal > 1.025) é desprezível e aceito como variação normal do método.
  • B a medida da densidade não é muito importante pois é visual e colorimétrica, com grande margem de erro.
  • C não é necessário jejum, independente do exame solicitado, pois a amostra analisada não é o sangue.
  • D um erro na medida da densidade da urina para valor menor do que o real pode levar à interpretação de função renal comprometida.
  • E para diagnóstico de insuficiência renal aguda é necessário obter uma amostra de 24 h para dosagem de sódio.
19

Um estudo científico com amostras de soro de pacientes com vírus da imunodeficiência humana foi realizado em um hospital e resultou em uma soroteca mantida sob congelamento dentro do laboratório. Tais amostras

  • A podem sempre ser usadas em nova pesquisa quando houver impossibilidade de obtenção do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido específico para nova pesquisa.
  • B podem ser usadas para outra pesquisa e não requerem cópia do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido da pesquisa original.
  • C podem ser armazenadas e conservadas após o término da pesquisa, por tempo indeterminado, mesmo sem autorização para isso, pois derivam de pesquisa científica.
  • D serão armazenadas sob a responsabilidade do coordenador da pesquisa que decidirá qual o destino da soroteca, julgando se futuras pesquisas poderão ser realizadas com ela.
  • E podem ser usadas em outras pesquisas aprovadas pelo Comitê de Ética em Pesquisa e, quando for o caso, pelo Conselho Nacional de Ética em Pesquisa (CONEP).
20

Para pesquisa de meningite,

  • A a coloração de tinta da China serve para diagnóstico de uma infecção fúngica.
  • B a coloração de Gram tem pouco valor diagnóstico, pois tanto Gram-positivas quanto Gram-negativas podem causar meningite.
  • C a amostra de líquido cefalorraquidiano nunca deve ser centrifugada, sob risco de inativação bacteriana.
  • D um resultado positivo para bactérias, na pesquisa direta em líquido cefalorraquidiano, exclui a necessidade da cultura da amostra.
  • E do tipo viral, o isolamento do agente etiológico é fundamental para diagnóstico.

Atualidades

21

Leia o trecho a seguir da notícia publicada pelo G1 em 11 de agosto de 2019.


Chavistas recolhem assinaturas para protestar na ONU contra sanções americanas

Venezuelanos que dão apoio a Nicolás Maduro fazem passeata e assinam documento contra as sanções econômicas impostas pelos Estados Unidos.


                  

Venezuelanos aguardam para assinar um documento contra as sanções dos norte-americanos — Foto: Federico Parra/AFP


Seguidores do chavismo atenderam no sábado (10) a um chamado do presidente Nicolás Maduro e assinaram um manifesto de protesto contra o bloqueio dos Estados Unidos ao governo da Venezuela, que será enviado à ONU.

A coleta foi realizada em praças centrais de várias cidades, entre elas a capital, Caracas, onde centenas de militantes fizeram fila para assinar o documento.

"Antes de vender minha pátria, prefiro assinar", disse à AFP o estudante Eduardo Arias, 18. [...]

(Fonte: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2019/08/11/chavistas-recolhem-assinaturas-para-protestar-na-onu-contra-sancoes-americanas.ghtml, acesso em 11/08/2019.)

A versão completa da notícia ainda informa que o texto (do manifesto) será enviado a Antonio Guterres, que é o:
  • A Secretário-geral da ONU.
  • B Presidente da ONU.
  • C Assessor do Parlamento Americano.
  • D Vice-presidente dos Estados Unidos.
22

Leia o trecho, a seguir, da notícia publicada pelo R7 em 16/08/2019 e responda à questão.


Quando a zoeira entra como ferramenta na sala de aula

Meme já faz parte da cultura jovem e é uma forma de expressão que pode ser usada pelos professores na produção de conteúdo



Um sucesso nas redes sociais e muito presente nos celulares de crianças e adolescentes, os memes também podem ser usados em sala de aula. Pode parecer estranho, mas a “zoeira” é uma expressão cultural e, sim, pode ser um recurso para os professores.

Fotos, vídeos curtos, piadas, frases engraçadas escritas em letras garrafais são compartilhadas aos montes na internet. Humor, crítica política ou dos costumes estão presentes nessa nova cultura digital dos jovens. “Muitas vezes tratamos como irrelevante, mas é uma linguagem usada para comunicar uma ideia ou posicionamento, para provocar e até namorar”, diz Douglas Calixto, jornalista, mestre e doutorando em Ciências da Comunicação pela ECA-USP.

Ao compartilhar um meme, o estudante está expressando aquilo que pensa seja em forma de deboche ou de piada. É uma forma de comunicação que pode ser usada em sala de aula tanto para análise crítica do conteúdo ou mesmo incentivando os alunos na criação dos memes.

“Muitos memes carregam mensagens sexistas, racistas e de violência simbólica, que devem ser discutidas pelos professores com os alunos na escola”, observa Calixto. É possível ensinar a rir sem ofender um determinado grupo, por exemplo. “A capacidade de interpretar, de avaliar o que está por trás da piada é uma habilidade importante a ser desenvolvida pelos estudantes”, completa o professor da Escola de Comunicação e Artes da USP (Universidade de São Paulo), Claudemir Edson Viana.”

(Fonte: https://noticias.r7.com/educacao/quando-a-zoeira-entra-como-ferramenta-na-sala-de-aula-16082019. Acesso em 18 de agosto de 2019.)


Acerca das demais informações contidas na íntegra da notícia, julgue os itens com V (quando a afirmação for verdadeira) ou F (quando a afirmação for falsa), em seguida, assinale a alternativa correta:

( ) Produzir memes em sala de aula é uma atividade prática que promove autonomia das crianças e adolescentes.

( ) A utilização de memes não consegue promover discussões sociais na escola.

( ) “Dentro de um projeto pedagógico, é possível usar referências de história ou física, por exemplo, para criar um meme”, observa Calixto.

  • A V – F – F.
  • B V – F – V.
  • C F – V – V.
  • D V – V – V.
23

Para responder à questão, leia o trecho, a seguir, da notícia publicada pela BBC News Brasil, em 15 de agosto de 2019.


What3words: como um aplicativo usa três palavras para salvar vidas


A polícia britânica pediu a todos que façam o download do aplicativo what3words para celular porque, segundo eles, várias vidas foram salvas graças ao programa disponível também no Brasil. Mas como ele funciona?

"Chutado. Convergido. Futebol"

Essas três palavras escolhidas aleatoriamente pelo aplicativo salvaram Jess Tinsley e seus amigos quando eles se perderam na floresta em uma noite escura e úmida na Inglaterra.

O grupo havia planejado uma trilha circular de 8 km na Hamsterley Forest, de quase 20 km², no condado de Durham, na noite de domingo, mas os amigos se perderam depois de três horas.

"Estávamos em um campo e não fazíamos ideia de onde era aquilo", disse a jovem de 24 anos. "Foi horrível. Eu estava fazendo piadas sobre a situação, tentando rir para não chorar."

Às 22h30 do horário local, encontraram uma área com sinal de telefone e ligaram para o serviço de emergência.

"Uma das primeiras coisas que o atendente nos disse para fazer foi baixar o aplicativo what3words, do qual nunca tinha ouvido falar", disse Tinsley.

Um minuto depois do download, a polícia conseguiu descobrir onde o grupo estava. Eles foram resgatados pouco tempo depois.

Quando o CEP ou o GPS não dão conta

O aplicativo what3words, essencialmente, aponta para um local muito específico.

Seus desenvolvedores dividiram o mundo em 57 trilhões de quadrados, cada um medindo 3m x 3m e com um endereço exclusivo de três palavras, atribuído aleatoriamente.

A estação de metrô Faria Lima em São Paulo, por exemplo, tem duas entradas e saídas. Uma delas pode ser encontrada pelo trio de palavras "Gelar. Recuar. Levar" e a outra, "Falhar. Pirata. Aflita".

O aplicativo surgiu de problemas ligados a correspondências do fundador da empresa, Chris Sheldrick, que cresceu na zona rural de Hertfordshire.

"Nosso CEP não apontava direito para a nossa casa", disse ele.

"Nós nos acostumamos a receber cartas que eram para outras pessoas, ou ter que ficar na estrada acenando para motoristas de entrega."

Dez anos trabalhando na indústria da música, que envolviam também a tentativa de fazer com que as bandas se encontrassem em entradas específicas dos locais de apresentação, também alimentaram sua frustração.

"Eu tentei orientar as pessoas a usarem longitude e latitude, mas isso nunca pegou de fato", disse Sheldrick.

"Então, pensei: como comprimir 16 dígitos em algo muito mais amigável? Eu estava falando com um matemático e descobrimos que havia combinações suficientes de três palavras para cada local do mundo."

[...]



Na íntegra da notícia, são citados nomes de empresas/marcas que já estão usando o what3words. São elas:
  • A Motorola e Jaguar.
  • B Mercedes-Benz e Airbnb.
  • C Apple e Nike.
  • D Fiat e Walmart.
24

Para responder à questão, leia o trecho, a seguir, da notícia publicada pela BBC News Brasil, em 15 de agosto de 2019.


What3words: como um aplicativo usa três palavras para salvar vidas


A polícia britânica pediu a todos que façam o download do aplicativo what3words para celular porque, segundo eles, várias vidas foram salvas graças ao programa disponível também no Brasil. Mas como ele funciona?

"Chutado. Convergido. Futebol"

Essas três palavras escolhidas aleatoriamente pelo aplicativo salvaram Jess Tinsley e seus amigos quando eles se perderam na floresta em uma noite escura e úmida na Inglaterra.

O grupo havia planejado uma trilha circular de 8 km na Hamsterley Forest, de quase 20 km², no condado de Durham, na noite de domingo, mas os amigos se perderam depois de três horas.

"Estávamos em um campo e não fazíamos ideia de onde era aquilo", disse a jovem de 24 anos. "Foi horrível. Eu estava fazendo piadas sobre a situação, tentando rir para não chorar."

Às 22h30 do horário local, encontraram uma área com sinal de telefone e ligaram para o serviço de emergência.

"Uma das primeiras coisas que o atendente nos disse para fazer foi baixar o aplicativo what3words, do qual nunca tinha ouvido falar", disse Tinsley.

Um minuto depois do download, a polícia conseguiu descobrir onde o grupo estava. Eles foram resgatados pouco tempo depois.

Quando o CEP ou o GPS não dão conta

O aplicativo what3words, essencialmente, aponta para um local muito específico.

Seus desenvolvedores dividiram o mundo em 57 trilhões de quadrados, cada um medindo 3m x 3m e com um endereço exclusivo de três palavras, atribuído aleatoriamente.

A estação de metrô Faria Lima em São Paulo, por exemplo, tem duas entradas e saídas. Uma delas pode ser encontrada pelo trio de palavras "Gelar. Recuar. Levar" e a outra, "Falhar. Pirata. Aflita".

O aplicativo surgiu de problemas ligados a correspondências do fundador da empresa, Chris Sheldrick, que cresceu na zona rural de Hertfordshire.

"Nosso CEP não apontava direito para a nossa casa", disse ele.

"Nós nos acostumamos a receber cartas que eram para outras pessoas, ou ter que ficar na estrada acenando para motoristas de entrega."

Dez anos trabalhando na indústria da música, que envolviam também a tentativa de fazer com que as bandas se encontrassem em entradas específicas dos locais de apresentação, também alimentaram sua frustração.

"Eu tentei orientar as pessoas a usarem longitude e latitude, mas isso nunca pegou de fato", disse Sheldrick.

"Então, pensei: como comprimir 16 dígitos em algo muito mais amigável? Eu estava falando com um matemático e descobrimos que havia combinações suficientes de três palavras para cada local do mundo."

[...]



Assinale a alternativa correta.
  • A O what3words não precisa de conexão de dados (sinal de celular) para determinar a localização de três palavras.
  • B O objetivo futuro de Chris Sheldrick é que seja abolido o modelo de endereçamento com CEP, como conhecemos.
  • C O aplicativo conseguiu mapear o mundo todo, porém não há registros de que seja funcional em países como a Mongólia e Senegal.
  • D A polícia de alguns condados ingleses repudiou a nova forma de tratar as emergências, já que consideram ineficaz a inovação trazida pelo what3words para socorro de vítimas.
25

Leia o trecho a seguir da notícia publicada pelo G1 em 11 de agosto de 2019.


Chavistas recolhem assinaturas para protestar na ONU contra sanções americanas

Venezuelanos que dão apoio a Nicolás Maduro fazem passeata e assinam documento contra as sanções econômicas impostas pelos Estados Unidos.


                  

Venezuelanos aguardam para assinar um documento contra as sanções dos norte-americanos — Foto: Federico Parra/AFP


Seguidores do chavismo atenderam no sábado (10) a um chamado do presidente Nicolás Maduro e assinaram um manifesto de protesto contra o bloqueio dos Estados Unidos ao governo da Venezuela, que será enviado à ONU.

A coleta foi realizada em praças centrais de várias cidades, entre elas a capital, Caracas, onde centenas de militantes fizeram fila para assinar o documento.

"Antes de vender minha pátria, prefiro assinar", disse à AFP o estudante Eduardo Arias, 18. [...]

(Fonte: https://g1.globo.com/mundo/noticia/2019/08/11/chavistas-recolhem-assinaturas-para-protestar-na-onu-contra-sancoes-americanas.ghtml, acesso em 11/08/2019.)

Apesar de ter sido citado apenas um trecho da notícia, sabemos que ela ainda informa que:
  • A Os venezuelanos sofreram coação por parte da polícia local para deixarem suas assinaturas. Muitos temem a falta de acesso a medicamentos e comida, sendo assim, a maioria teme enfrentar as forças policiais e acabam cedendo ao que o Governo exige.
  • B Este dia de coleta acontece após uma passeata convocada por Maduro contra o bloqueio imposto pela Casa Branca a todos os ativos da Venezuela nos Estados Unidos em uma ordem executiva que contempla, ainda, ações contra qualquer empresa que fizer negócios com o governo socialista.
  • C As assinaturas coletadas são um protesto contra os Estados Unidos, que começou a dificultar a entrada de venezuelanos em solo americano, mesmo que legalmente.
  • D Mesmo dentre os que atenderam ao chamado de Maduro para tal manifestação, há aqueles que desejam a interferência do governo americano na economia do país.
26

A Venezuela, país que atravessa uma complexa crise política e econômica, está classificada entre os dez maiores produtores mundiais de

  • A petróleo.
  • B açúcar.
  • C automóveis.
  • D café.
27

Em 2016, o dicionário Oxford elegeu a palavra “pós-verdade” como o termo do ano. A expressão se refere a um momento no qual as emoções e as crenças pessoais possuem mais importância que os fatos objetivos. Como consequência, o processo de desinformação aumenta, assim como a confusão entre fato e ficção, quando as mentiras se tornam verdades.

A ciência vive uma crise de autoridade e enfrenta as chamadas fake news científicas, que geram desconfiança sobre temas já testados e comprovados ao longo da história.


Assinale a alternativa que não se configura alvo de fake news atualmente.

  • A Origem do vírus HIV.
  • B O aquecimento global.
  • C A eficiência das vacinas.
  • D O processo de fotossíntese.
28

O presidente Jair Bolsonaro assinou, no dia 08 de maio de 2019, o decreto que altera as normas sobre o direito ao porte de armas e munições, autorização para transportar arma fora de casa. As novas regras se somam às normas sobre posse de armas, que tratam do direito de ter armas em casa e também foram flexibilizadas por meio de decreto assinado no 15º dia do governo de Bolsonaro.


Com relação as mudanças nas regras, e de acordo com matéria publicada pelo portal G1 em 8 de maio de 2019, assinale a alternativa INCORRETA:

  • A Entre as mudanças, está a inclusão, na lista de armas permitidas, daquelas que antes eram de uso privativo de forças de segurança, como a pistola 9 mm e o revólver calibre .40, comumente utilizado por policiais civis e militares.
  • B Com a mudança do novo decreto, o proprietário rural com posse de arma de fogo fica autorizado a utilizar a arma, sem especificação de qual modelo, em todo o perímetro da propriedade.
  • C Antes deste novo decreto assinado dia 08/05/2019, o Certificado de Registro de Arma de Fogo só autorizava, para os proprietários rurais, uso da arma no interior de casa ou nas dependências dela ou no local de trabalho.
  • D O novo decreto também definiu que poderão ser adquiridas o valor máximo de 100 unidades de munição por ano, tanto para munição convencional quanto para a de uso restrito. Antes, o valor máximo era de apenas 50 unidades.
  • E Com as mudanças no decreto, o prazo de validade do Certificado de Registro de Arma de Fogo passa para 10 anos. Assim, os documentos relativos à posse e ao porte terão o mesmo prazo de validade.
29

A Câmara dos Deputados dos Estados Unidos votou no dia 16 de julho de 2019, para condenar o presidente Donald Trump por atacar racialmente quatro deputadas democratas pertencentes a minorias, em uma votação simbólica que visa constranger o presidente e seus colegas republicanos que ficaram com ele nesta questão.


Com relação a este assunto, e de acordo com matéria publicada no g1, assinale a alternativa INCORRETA:

  • A Em uma série de tuítes que publicou no domingo, dia 14/07/2019, Trump disse a um grupo de deputadas para "irem para casa e ajudarem a consertar os lugares completamente quebrados e infestados de crime de onde vieram".
  • B Além disso, Trump disse no Twitter que as congressistas em questão – de origem latina, palestina e somali, bem como uma afro-americana – são oriundas de países "cujos governos são uma catástrofe completa e total, a pior, a mais corrupta e inepta de todo mundo" e que deveriam voltar para lá.
  • C Trump pressionou seus correligionários do Partido Republicano na Câmara dos Deputados a ficarem a seu lado e votarem contra a condenação.
  • D As quatro deputadas são cidadãs dos Estados Unidos e todas elas nasceram no país.
  • E Os ataques de Trump às quatro deputadas progressistas – conhecidas como "o esquadrão" – têm sido vistos como uma iniciativa para dividir os democratas, que conquistaram a maioria na Câmara em 2018 e detêm o poder de frustrar sua agenda legislativa.
30

Um incêndio criminoso ocorreu em um estúdio de animação no dia 18 de Julho de 2019. Cerca de 70 pessoas estavam nos estúdios quando um homem não identificado entrou no imóvel de três andares e jogou um líquido inflamável. Durante a ação, ele gritou: "Morram". Testemunhas disseram que as chamas se espalharam rapidamente e ainda não se sabe quantas pessoas conseguiram deixar imóvel ilesas. O autor do ataque, de 41 anos, feriu-se na ação e foi levado sob custódia para um hospital. Ainda não se sabe o que teria motivado a sua ação e nem se ele teria algum vínculo com a empresa. Cerca de 40 caminhões de bombeiros foram mobilizados para conter as chamas. Este estúdio, criado em 1981, produz desenhos animados, cria personagens e concebe produtos derivados de suas séries. Entre suas produções mais conhecidas estão "K-ON!" e " "Lucky Star". Embora a companhia não seja muito conhecida internacionalmente, ela foi responsável por um trabalho secundário de animação utilizado em "Pokemon" e "Winnie the Pooh".


O incêndio acima ocorreu:

  • A No Japão
  • B Na Coreia do Sul
  • C Na China
  • D Na Alemanha
  • E Na Austrália

Técnicas em Laboratório

31

Diversas técnicas de coloração utilizadas na bacteriologia e hematologia utilizam corantes para visualização de estruturas celulares. O azul de metileno e a eosina são corantes classificados respectivamente de acordo com seu caráter químico como:

  • A ácido e básico
  • B neutro e básico
  • C básico e ácido
  • D neutro e ácido
32

Em um determinado meio de cultura, foi semeado material secretivo de um processo infeccioso similar a um furúnculo. A bacterioscopia realizada neste material revelou células esféricas sob a forma de cachos irregulares e positiva à coloração de Gram, evidenciando por meio dessa morfologia a presença de:

  • A estreptococos
  • B estafilococos
  • C enterococos
  • D gonococos
33

O método de Baerman-Moraes utilizado em laboratórios de parasitologia se baseia na capacidade de sedimentação espontânea de larvas em água aquecida. Este termotropismo é observado em larvas de:

  • A Ascaris lumbricoides
  • B Hymonolepis diminuta
  • C Strongyloides stercoralis
  • D Taenia saginata
34

Uma lesão nas unhas de uma paciente foi investigada com suspeita de onicomicose pela equipe de saúde devido a sua extensão e profundidade. O material da raspagem foi corretamente semeado no meio de cultura de:

  • A Lõffler
  • B Kauffmann
  • C MacConkey
  • D Sabouraud
35

O anticoagulante utilizado na conservação de amostras biológicas deve ser específico para as diversas análises bioquímicas realizadas nos laboratórios de análises clínicas. O anticoagulante de escolha para a dosagem de níveis de glicose no sangue é o:

  • A citrato de potássio
  • B fluoreto de sódio
  • C heparina sódica
  • D oxalato de amônio
36

A impregnação de nitrato de prata é utilizada em uma das técnicas laboratoriais bacterioscópicas para a visualização de espiroquetas. Esse método empregado no diagnóstico de sífilis é conhecido como método:

  • A Alberto Laybourn
  • B Fontana-Tribondeau
  • C May Grunwald-Giemsa
  • D Ziehl-Nielsen
37

O crescimento de patógenos em diferentes meios de cultura é de extrema importância para o isolamento e a identificação de patógenos. O meio de cultura sólido mais empregado na realização dos testes de sensibilidade aos antimicrobianos devido ao favorecimento de crescimento de várias bactérias é o de:

  • A Wilson-Blair
  • B Thayer-Martin
  • C Müeller-Hinton
  • D Loewenstein-Jensen
38

Dentre as diversas análises imunoematológicas em pregadas em laboratórios de hematologia e hemoterapia, destaca-se a técnica utilizada para demonstrar a presença de glóbulos vermelhos sensibilizados pelas globulinas humanas, a qual recebe o nome de:

  • A prova de Coombs indireto
  • B pesquisa de anticorpos irregulares
  • C pesquisa de anticorpos frios
  • D prova de Coombs direto
39

A tuberculose é um problema de saúde pública que demanda várias ações para seu combate e controle em todo o mundo. Um dos meios de cultura indicados para o crescimento de Mycobacterium tuberculosis é o:

  • A agar MacConkey
  • B agar sangue de carneiro
  • C Loewenstein-Jensen
  • D Thayer-Martin
40

Em uma pesquisa de grupo sanguíneo e fator Rh, os glóbulos vermelhos de um paciente aglutinaram com soro anti-B e com o soro anti-D, não aglutinando com o soro anti-A. De acordo com esses resultados, o sangue do paciente citado pode ser classificado como grupo:

  • A A fator Rh positivo
  • B A fator Rh negativo
  • C B fator Rh negativo
  • D B fator Rh positivo
41

Uma das colorações mais utilizadas nos laboratórios de análises clínicas é a coloração pelo método de Gram. Nesta técnica as soluções empregadas, na ordem correta, contêm, respectivamente, os seguintes elementos:

  • A cristal violeta, iodo metaloide e fucsina
  • B iodo metaloide, fucsina e cristal violeta
  • C cristal violeta, fucsina e iodo metaloide
  • D fucsina, iodo metaloide e cristal violeta
42

Alguns procedimentos laboratoriais para a identificação de estruturas celulares empregam a coloração supravital. O corante eletivo utilizado em diferentes técnicas para a realização da contagem de reticulócitos é o:

  • A azul da prússia
  • B azul de cresil brilhante
  • C verde malaquita
  • D verde natural
43

Dos materiais abaixo listados, é utilizado na impregnação e inclusão de tecidos:

  • A glicerina.
  • B metacrilato.
  • C goma de damá.
  • D parafina.
  • E plastigel.
44

Sobre a hematoxilina‐eosina, é correto afirmar que:

  • A é a coloração para tecidos mais utilizada na rotina do laboratório de técnica histológica.
  • B é um método de coloração muito utilizado para corar o conjuntivo em verde.
  • C é a coloração mais utilizada para corar núcleos, que se coram em vermelho intenso.
  • D a hematoxilina é um corante de alta toxicidade e somente pode ser manipulada em capela com exaustor potente.
  • E é a coloração para tecidos menos utilizada na rotina do laboratório de técnica histológica.
45

Das afirmativas abaixo, a única correta é:

  • A no processamento de tecidos é utilizado xilol e água destilada a 60°C.
  • B a inclusão deve ser feita com pinça aquecida.
  • C o ponto de fusão da parafina é 20°C.
  • D na inclusão, o tecido deve ser colocado no molde com a face de interesse para cima.
  • E após a microtomia, a fita com cortes histológicos é colocada em cuba contendo água destilada gelada.
46

Assinale a alternativa correta em relação ao uso e à manutenção de equipamentos de laboratório.

  • A A capela de exaustão é utilizada para realizar experimentos com amostras e reagentes termossensíveis, pois não permite que ocorram variações de temperatura e pressão no seu interior.
  • B O ultrassom é um equipamento de laboratório utilizado para acelerar o processo de decantação de amostras.
  • C Os agitadores mecânicos do tipo vórtex são utilizados para isolar os componentes de uma amostra.
  • D O banho-maria é um equipamento que está em desuso nos laboratórios, pois é inevitável a contaminação das amostras com fungos e bactérias durante sua utilização.
  • E O banho-maria é um equipamento utilizado para fazer o aquecimento lento e uniforme de substâncias sólidas ou líquidas (amostras ou reagentes).
47

A interpretação dos símbolos de alerta em um laboratório é essencial para a prevenção de acidentes. Assinale a alternativa que nomeia corretamente os símbolos abaixo, da esquerda para a direita.

  • A líquido – inflamável – ionizante
  • B tóxico – explosivo – perigoso
  • C ácido – inflamável – radiativo
  • D corrosivo – inflamável – radiativo
  • E corrosivo – explosivo – ionizante
48

Dentre os equipamentos listados abaixo, assinale a alternativa que cita um equipamento de proteção individual e um equipamento de proteção coletiva, respectivamente.

  • A Jaleco e máscara com respirador.
  • B Capela química e câmara de fluxo laminar.
  • C Anteparo para microscópio de imunofluorescência e cabine para histologia.
  • D Lava-olhos e luvas.
  • E Óculos de segurança e câmara de fluxo laminar.
49

Sobre os meios de inclusão utilizados na preparação de tecidos para visualização microscópica, é correto afirmar que:

  • A a parafina é um meio de inclusão que requer previamente a desidratação dos tecidos.
  • B a parafina é rotineiramente utilizada na inclusão de tecidos destinados à realização de secções em criostatos.
  • C a inclusão em parafina dispensa o uso de estufas.
  • D independentemente do meio de inclusão utilizado, a reativação antigênica e a desidratação são etapas essenciais do processo de inclusão de tecidos.
  • E os meios de inclusão destinados às análises por microscopia eletrônica de transmissão requerem o processamento dos tecidos a baixas temperaturas.
50

Em um laboratório de biologia, os microscópios são equipamentos importantes, que devem ser mantidos em condições adequadas de uso. Sobre os componentes dos microscópios e os cuidados com esses equipamentos, é correto afirmar que:

  • A após utilizar a objetiva com o óleo de imersão, deve-se higienizá-la com hipoclorito de sódio.
  • B ao colocar uma lâmina histológica para observação no microscópio de luz, a lamínula deve ficar voltada para o lado do condensador.
  • C ao finalizar o manuseio de um microscópio de luz, deve-se selecionar a objetiva de menor aumento e abaixar completamente a platina (mesa).
  • D o charriot é uma peça associada ao braço do microscópio e tem a função de movimentar a lâmina no plano vertical.
  • E ao usar o microscópio, o técnico de laboratório deve usar luvas de nitrila.
Voltar para lista