Resolver o Simulado VUNESP - Nível Médio

0 / 50

História

1

O processo de descompressão do sistema político começara a ser orquestrado em 1975, pelos generais Ernesto Geisel e Golbery do Couto e Silva, ambos convencidos de que a ditadura deveria fazer suas escolhas e definir o momento mais conveniente para revogar os poderes de exceção.

(Lilia Schwarcz e Heloisa Starling, Brasil: uma biografia. São Paulo: Companhia das Letras, 2015. P. 467. Adaptado)


Tal processo se deu com o objetivo de

  • A manter a oposição longe do Executivo, de modo a garantir que a transição se realizasse de maneira tutelada, restrita aos círculos civis aliados e sem riscos institucionais.
  • B realizar uma abertura política plena, reestabelecendo os direitos políticos e as liberdades civis no tempo mais curto possível, superando a situação autoritária na qual o país se encontrava.
  • C sustentar o bipartidarismo do MDB e da Arena na cena política nacional, impedindo, com isso, a legalização de partidos e grupos políticos mais à esquerda, tais como o Partido Comunista.
  • D efetivar um projeto de institucionalização da ditadura, de tal forma que os poderes de exceção fossem revogados, mas os militares ficassem no poder por tempo indeterminado.
  • E garantir uma abertura política em que os exilados não teriam o direito de voltar ao Brasil, assim como os presos políticos permaneceriam detidos até que se completasse a redemocratização.
2

O regresso ao Rio de Janeiro do 1° Escalão da Força Expedicionária Brasileira em 18 de julho de 1945 estava sendo esperado e interpretado como um marco na campanha das forças oposicionistas. O desfile das tropas pelas ruas da cidade seria como uma grande festa da UDN e de seu candidato.

(Angela de Castro Gomes, A invenção do trabalhismo. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2005. P. 284-285. Adaptado)


O trecho revela um momento importante da crise do Estado Novo associada ao retorno da FEB, que

  • A reforçaria a importância dos militares e da UDN na construção de uma saída negociada para o fim da ditadura, o que levou Getúlio a renunciar e se isolar politicamente, sem estabelecer relação com a cena política que viria a seguir.
  • B ressaltaria o vínculo entre os setores de oposição a Vargas e a participação do Brasil na Segunda Guerra Mundial ao lado dos Aliados, na medida em que Vargas tinha sido favorável à entrada na guerra ao lado do Eixo.
  • C consagraria a vitória da luta pela democracia e a repulsa à ditadura e a seu presidente, evidenciando a contradição entre uma política externa alinhada com os valores democráticos e uma política interna autoritária.
  • D evidenciaria a fraqueza do governo Vargas naquele contexto, dado o fato de que o governo teve poucos recursos para sustentar as tropas na guerra, o que reforçou as sensações de pobreza e precariedade disseminadas à época.
  • E consolidaria a aliança entre as elites civis organizadas na UDN, economicamente intervencionistas e socialmente conservadoras, e os militares recém-saídos da guerra, autoritários e com forte inspiração fascista.
3

O fim dos velhos impérios coloniais era previsível e, na verdade, em 1945, considerado iminente na Ásia, mas a futura orientação dos novos Estados pós-coloniais não estava nada clara. Foi nessa área que as duas superpotências continuaram a competir, por apoio e influência, durante toda a Guerra Fria, e por isso a maior zona de atrito entre elas, aquela onde o conflito armado era mais provável, e onde de fato irrompeu.

(Eric Hobsbawm, Era dos Extremos: o breve século XX (1914-1991). São Paulo: Companhia das Letras, 1995. Adaptado)


Quanto aos exemplos de conflito entre as duas superpotências, é correto identificar

  • A a Ucrânia, em que os países da OTAN e do Pacto de Varsóvia disputaram o acesso ao Mar Negro, principal via de ligação marítima entre a Ásia Continental e o Mar Mediterrâneo.
  • B o Japão, em que Estados Unidos e União Soviética tentaram controlar os rumos políticos do país após a explosão das bombas atômicas, o que prolongou os conflitos do pós-guerra.
  • C a Índia, em que comunistas e liberais indianos lutaram juntos contra o domínio britânico, mas depois se dividiram em choques internos que levaram à guerra civil no país.
  • D o Paquistão, em que os movimentos de libertação nacional se voltaram para o anti-imperialismo e se aproximaram das lutas revolucionárias anticapitalistas.
  • E a Coreia, em que os coreanos do norte tiveram o apoio do bloco socialista contra os coreanos do sul, apoiados pelos EUA em um violento confronto que durou cerca de três anos.
4
O processo de descompressão do sistema político come- çara a ser orquestrado em 1975, pelos generais Ernesto Geisel e Golbery do Couto e Silva, ambos convencidos de que a ditadura deveria fazer suas escolhas e definir o momento mais conveniente para revogar os poderes de exceção. (SCHWARCZ, Lilia M. e STARLING, Heloisa. Brasil: uma biografia. São Paulo: Companhia das Letras, 2015. Adaptado) Entre os momentos mais marcantes desse processo, que se iniciou nos anos 1970 e se estendeu até a década seguinte, é correto identificar
  • A o ano de 1985, quando o primeiro presidente civil foi eleito diretamente depois de 21 anos de ditadura, em que apenas militares estiveram no poder.
  • B o ano de 1986, quando os primeiros militares acusados de tortura começaram a ser processados, levados a julgamento e presos posteriormente.
  • C o ano de 1982, quando explodiu um grande movimento de massas favorável às eleições diretas, embalado pelas vitórias da oposição nos governos estaduais.
  • D o biênio 1988-1989, quando foi eleita a Assembleia que escreveu a Constituição, que só entrou em vigor depois do plebiscito sobre a forma de governo de 1993.
  • E o biênio 1978-1979, quando o AI-5 foi extinto, a Lei da Anistia foi promulgada e extinguiu-se o bipartidarismo, passando a haver vários partidos.
5
No Brasil, o reconhecimento da necessidade de proteger o patrimônio histórico e artístico já havia sido apontado nos anos 1920, época em que se registraram iniciativas locais e estaduais. Em 1936, Mário de Andrade foi solicitado a preparar a criação de uma instituição nacional de proteção do patrimônio. Foi esse o documento que foi usado nas discussões preliminares sobre a estrutura e os objetivos do SPHAN (Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), criado afinal por decreto presidencial assinado em 30 de novembro de 1937. (Centro de Pesquisa e Documentação de História Contemporânea do Brasil da Fundação Getúlio Vargas – CPDOC FGV. A Era Vargas: Diretrizes do Estado Novo 1937-1945 – Serviço do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. Disponível em: <https://goo.gl/6czzC4>. Adaptado) A criação do SPHAN reflete
  • A um momento histórico de preservação e valorização dos patrimônios, símbolos, bandeiras e hinos municipais, regionais e estaduais, com o objetivo de fortalecer as múltiplas identidades a partir das quais se constituiria uma única identidade nacional articulada pelo Estado.
  • B uma perspectiva de cultura nacional autoritária e etnocêntrica que procurava negar e proibir as manifestações das camadas populares, especialmente dos negros, tal como o samba, dando ênfase aos patrimônios monumentais católicos, tais como as igrejas mineiras do barroco.
  • C um ambiente de centralização nas políticas de cultura e educação, o que incluía as questões de identidade e de patrimônio, mas que conviveu, contraditoriamente, com políticas economicamente liberais, o que levou à entrada de capital estrangeiro na industrialização.
  • D um contexto de (re)construção da identidade nacional a partir de elementos como o patrimônio, que representava a história na preservação de alguns edifícios históricos, evidenciando a parceria entre os intelectuais e o Estado na formulação de importantes políticas públicas.
  • E uma época de consolidação das propostas de preservação do patrimônio baseadas em concepções eurocêntricas, que tomavam a ideia de civilização como referência e consideravam o nacional como cultura inferior, que deveria ser preservada por suas marcas folclóricas.
6
Na Segunda Guerra Mundial, a participação dos Estados Unidos não foi preventiva, mas central, embora existisse uma forte corrente “isolacionista” dentro da classe dominante americana até dezembro de 1941 (ataque japonês a Pearl Harbor), que marcou seu ingresso na guerra. (COGGIOLA, Osvaldo. “Natureza da Segunda Guerra Mundial”. Em: COGGIOLA, Osvaldo (org.). Segunda Guerra Mundial: um balanço histórico. São Paulo: Xamã, 1995. Adaptado) Entre os antecedentes que levaram ao confronto entre o Japão e os EUA em 1941, é correto identificar
  • A o tratado secreto de não agressão entre o Japão e a União Soviética, que provocou forte tensão quando descoberto pelos EUA.
  • B a conquista norte-americana do Havaí, arquipélago no Pacífico que até então pertencia ao Japão, o que gerou descontentamento entre os nacionalistas japoneses.
  • C o expansionismo japonês na China e na Indochina, que contribuiu para que os EUA decidissem embargar as importações japonesas de petróleo.
  • D a ação conjunta de China e Japão contra o avanço imperialista dos EUA sobre o Pacífico, o que levou à formação de uma aliança antiocidental.
  • E o ingresso da União Soviética na aliança antifascista formada por França, EUA e Inglaterra, o que gerou desconfiança no Japão anticomunista.
7
Ao final da Guerra Franco-Prussiana (1870-71), em que o exército francês havia sido derrotado e o imperador Napoleão III, feito prisioneiro, o chanceler da Prússia, Otto von Bismarck, proclamou, em pleno Palácio de Versalhes, a existência do II Reich, o Império Alemão. Quase meio século depois, a França escolheria esse mesmo cenário para a ratificação do Tratado de Versalhes, que extinguiu o Império Alemão, pôs fim à Grande Guerra e, segundo muitos, deu origem à Segunda Guerra Mundial. (ARARIPE, Luiz de Alencar. “Primeira Guerra Mundial”. Em: MAGNOLI, Demétrio (org.). História das Guerras. São Paulo: Contexto, 2006. Adaptado) Entre as tensões relacionadas ao Império Alemão que contribuíram para a eclosão da Primeira Guerra Mundial, é correto identificar
  • A a concorrência militar e industrial com a Inglaterra, as disputas territoriais com a França e as rivalidades com o Império Russo na região dos Bálcãs.
  • B o choque fronteiriço com a União Soviética recém- -formada, a disputa de rotas comerciais com o Império Turco-Otomano e o conflito étnico com a Tchecoslováquia.
  • C a disputa com a Áustria-Hungria pelo acesso ao Mediterrâneo, o embate imperialista com a Itália por territórios na África e o problema de fronteira com a Polônia.
  • D as tensões nacionalistas na região dos países bálticos, o conflito com a Bélgica pelo acesso ao mar do Norte e os impasses diplomáticos com a Holanda.
  • E o embate com a Sérvia na fronteira oriental, a disputa territorial com a Suíça ao sul e a concorrência econômica e comercial com os EUA.
8

Ato institucional era o decreto utilizado pelos militares para legitimarem suas decisões. Em dezembro de 1968, ocorreu a promulgação do Ato Institucional no 5 (AI-5) que, em seu preâmbulo, dizia-se ser uma necessidade para atingir os objetivos da revolução, “com vistas a encontrar os meios indispensáveis para a obra de reconstrução econômica, financeira e moral do país".


O AI-5 foi promulgado no governo de

  • A Costa e Silva e representou o fechamento do sistema político, restringiu drasticamente a cidadania e permitiu a ampliação da repressão policial-militar.
  • B Castello Branco e fixou eleições indiretas para governadores e prefeitos das capitais, acabou com a garantia do habeas corpus e ampliou a repressão policial
  • C João Figueiredo e fechou o Congresso, determinou as regras para a aprovação de nova Constituição e suspendeu os direitos políticos de oposicionistas.
  • D Garrastazu Médici e estabeleceu eleições indiretas para os cargos de presidente e governador, extinguiu os partidos políticos e permitiu ao Executivo cassar mandatos de políticos.
  • E Ernesto Geisel e deu ao executivo plenos poderes para cassar mandatos, além de suspender a estabilidade dos funcionários públicos e militares.
9

Analise a imagem, reflita sobre o conteúdo da faixa carregada pelos trabalhadores e assinale a alternativa que completa corretamente o enunciado da questão.





O Estado Novo, implantado por Getúlio Vargas em 1937, promoveu mudanças na política e na sociedade brasileira. Uma dessas mudanças foi a


  • A diminuição do intervencionismo do Estado para facilitar o processo de industrialização e a ampliação dos mercados de trabalho e de consumo.
  • B promulgação de reformas na legislação das empresas que reduziam os encargos trabalhistas com o objetivo de ampliar a oferta de empregos.
  • C proibição de instalação de empresas estrangeiras no país para incentivar e proteger a indústria nacional e os trabalhadores brasileiros.
  • D priorização das indústrias como setor principal da economia, o que beneficiou os trabalhadores urbanos em detrimento dos camponeses.
  • E unificação da legislação trabalhista (CLT) que garantia alguns direitos, como a instituição do salário- mínimo, para os trabalhadores brasileiros.
10

Analise a charge.

A respeito do período de confrontos representado na charge, é correto afirmar que

  • A um dos principais eventos do período foi a extinção de organizações internacionais como a Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte).
  • B o período teve seu apogeu no final da década de 1990, quando os Estados Unidos começaram as invasões do Irã e do Iraque.
  • C o maior embate do período ocorreu quando os países europeus romperam o acordo de paz com os Estados Unidos e fundaram a União Europeia.
  • D o período teve momentos de grande tensão política e ideológica, que envolveram conflitos como a Guerra do Vietnã e a Revolução Cubana.
  • E a disputa teve seu encerramento na década de 1970, quando a então União Soviética aceitou o predomínio espacial estadunidense.

Geografia

11

Fundada em 1957, por seis países, a União Europeia completa, neste ano de 2017, 60 anos, contando com 28 países membros, embora o Reino Unido esteja em processo de saída do bloco, que é o mais antigo e estruturado do mundo. No entanto, apesar da longevidade e poderio econômico, pode-se citar como um dos problemas enfrentados pela União Europeia

  • A a perda de mercados consumidores devido à concorrência com países emergentes do Brics, como a Índia e a África do Sul.
  • B as diferenças socioeconômicas entre os países membros, o que provoca a forte hegemonia da rica Alemanha sobre vários países.
  • C as políticas sociais atualmente em declínio devido à entrada de imigrantes, principalmente nos antigos países comunistas.
  • D a atual perda de importância econômica e política da moeda única, o Euro, frente a moedas fortes como o dólar e o iene japonês.
  • E a deficiência de recursos naturais, o que gera a necessidade de importações de produtos básicos para a indústria, como o ferro e o carvão.
12
De acordo com a ONU, o problema ambiental já afeta 3,6 bilhões de hectares, somando 25% da massa terrestre, e ameaça a subsistência de mais de um bilhão de pessoas em cerca de 110 países. Na região subsaariana da África, por exemplo, de 20% a 50% das terras já apresentam esse problema, prejudicando mais de 200 milhões de pessoas. A situação também é grave na Ásia e na América Latina, somando mais de 516 milhões de hectares, na Austrália, no Oriente Médio e no oeste dos Estados Unidos. Em todo o mundo, a extensão territorial onde ocorre o problema aumentou mais de 50% durante o século 20. (Planeta, disponível em:<goo.gl/Kb05Bw> . Adaptado) O texto descreve fatos relacionados
  • A à elevação do nível dos oceanos.
  • B à desertificação.
  • C ao desmatamento.
  • D à atuação do El Niño.
  • E à contaminação dos lençóis freáticos.
13
Considere algumas características dos Brics. • 40% da população mundial, ou 2,8 bilhões de pessoas, vive no bloco. • A área geográfica do bloco corresponde a 30% da superfície terrestre. • A força de trabalho dos países do bloco é de 1,5 bilhão de pessoas. • Nos países do bloco, as políticas públicas têm obtido avanços na redução da pobreza e na ampliação do acesso aos bens de consumo. • O bloco responde por 58% da demanda mundial de petróleo e por 20% da produção mundial. (Pragmatismo Político, disponível em:<goo.gl/06hGG4> . Adaptado) Os dados apresentados permitem afirmar que os Brics
  • A têm forte influência geopolítica em nível mundial, pois seus membros estão entre os países que mais acolhem refugiados das áreas de conflito do Oriente Médio.
  • B são importantes atores da ordem mundial multipolar, pois a China já é uma força econômica mundial, e a Rússia permanece sendo uma força militar de destaque.
  • C representam o bloco político-econômico mais consolidado do mundo, tendo ultrapassado a União Europeia sob o aspecto demográfico e financeiro.
  • D devem transformar-se, até a próxima década, no bloco mais populoso, pois China, Índia e Rússia são países com elevado crescimento demográfico.
  • E superaram a fase de países emergentes porque apresentam grande potencial econômico e financeiro que atrai investimentos internacionais de grande porte.
14

Analise os dados divulgados pelo Ministério das Minas e Energia apresentados no gráfico a seguir.





A leitura do gráfico e os conhecimentos sobre as fontes de energia no Brasil permitem afirmar que


  • A a redução das chuvas durante o ano de 2013 impediu a hidreletricidade de participar da matriz energética.
  • B a matriz energética brasileira é considerada limpa porque apresenta importante participação das fontes renováveis.
  • C a biomassa e o gás natural são exemplos de fontes de energia renováveis incluídas na matriz energética.
  • D as exportações de etanol para a Europa reduziram a participação das fontes renováveis na matriz energética.
  • E o petróleo deixou de ser incluído entre as fontes de energia não renováveis devido às crises na Petrobras.
15

Analise o mapa a seguir.





Assinale a alternativa que identifica corretamente o tipo de clima e um problema ecológico frequente em cada uma das áreas numeradas do mapa.


  • A 4 – subtropical – substituição da floresta por cultivos alimentares típicos da agricultura familiar.
  • B 1 – tropical de altitude – forte erosão dos solos provocada pela pecuária bovina extensiva.
  • C 5 – semiárido – rios contaminados pelos agrotóxicos utilizados nos cultivos comerciais.
  • D 2 – tropical – desmatamento do cerrado para cultivos comerciais para exportação.
  • E 3 – equatorial – desmatamento e queimadas para a formação de pastos para o gado de corte.
16

Considere as informações a seguir.


I. É um tipo de fenômeno atmosférico que ocorre devido à presença de gases poluentes (derivados da queima de combustíveis fósseis) misturados com água.

II. Esse fenômeno danifica o solo, as plantas, as construções históricas, os animais marinhos e terrestres etc. podendo, inclusive, exterminar algumas espécies de animais e vegetais. Também provoca a poluição de rios e fontes de água, afetando diretamente a saúde das pessoas com doenças do sistema respiratório.


Essas informações referem-se

  • A à ilha de calor.
  • B à inversão térmica.
  • C ao chorume.
  • D à chuva ácida.
  • E ao efeito estufa.
17

Leia o texto.

Em resposta aos últimos naufrágios de navios com centenas de imigrantes ilegais, a União Europeia anunciou um pacote de medidas para tentar diminuir a crise humanitária no Mediterrâneo.

Novos pedidos de socorro chegaram na segunda-feira (20.04.15) à Guarda Costeira italiana. Cerca de 400 pessoas neste momento estão em perigo no Mar Mediterrâneo. E quantas outras ainda estarão? É a pergunta dos que protestam nas capitais europeias contra 1,8 mil mortes em menos de quatro meses.

E em menos de uma semana, duas tragédias assustaram o mundo: uma com 400 desaparecidos e a outra com prováveis 900 mortos.


(http://g1.globo.com/jornal-da-globo/noticia/2015/0...
-um-pacote-para-diminuir-crise-no-mediterraneo.html. Adaptado)


Assinale a alternativa que está diretamente relacionada ao texto.


  • A A imigração ilegal de latino-americanos tem provocado sérios problemas políticos e econômicos à Itália e a outros países da União Europeia.
  • B A globalização tem provocado o crescimento de um movimento demográfico – a imigração – que até o início do século XXI era pouco observado.
  • C As áreas em conflito da África e do Oriente Médio são as que mais têm gerado imigrantes que tentam atingir a Europa em barcos inseguros.
  • D O movimento migratório no mar Mediterrâneo distorce a atual realidade, que tem como ponto central o equilíbrio econômico entre os países do mundo.
  • E A população europeia tem apresentado grande receptividade aos imigrantes, o que significa o fim da xenofobia e dos preconceitos raciais.
18
Com preço mais baixo, o grande potencial brasileiro finalmente começa a sair do papel. Projeção da EPE (Empresa de Pesquisa Energética) aponta que a capacidade instalada das usinas crescerá 320% ao longo desta década. Calcula-se que haja potencial para instalar até 300 mil MW de usinas. “O crescimento desse tipo de energia renovável é um processo irreversível”. (http//www1.folha.uol.com.br. Adaptado) O texto refere-se à energia
  • A termelétrica.
  • B do xisto betuminoso.
  • C nuclear.
  • D eólica.
  • E do gás natural.
19

Em novembro de 2013, a União Européia completou 20 anos de existência imersa na maior crise de sua história. Passadas duas décadas, o processo de união monetária do bloco está sendo questionado. (http: operamundi.uol.com.br. Adaptado) Entre os motivos da crise da União Européia, pode-se citar

  • A as altas taxas de desemprego, principalmente em paises como a Grécia e a Espanha.
  • B o abandono do uso do Euro como moeda por parte do Reino Unido e da Itália.
  • C a intenção de alguns membros, como a França, em fazer acordo comercial com os Estados Unidos.
  • D o bloqueio dos países ricos à entrada de membros com menos potencial, como Portugal e Polônia.
  • E a tensão política com a ameaça da Alemanha e da Itália de se retirarem do bloco.
20
Na sexta-feira (29.08.2014), o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) anunciou que a economia brasileira encolheu 0,6% no segundo trimestre deste ano, na comparação com os três meses imediatamente anteriores.
Os números recentes do Produto Interno Bruto (PIB) mostram que o Brasil não tem conseguido superar o estigma do “voo de galinha”, aquele que faz muito barulho, mas tem pouco alcance. O país tem registrado crescimento irregular: um pouco maior em um ano, seguido por expansão menor no seguinte.
(http://g1.globo.com/economia/noticia/2014/08/entenda-quais-sao-os-entraves-ao-crescimento-da-economia-brasileira.html)
Um dos problemas que dificultam o crescimento da economia brasileira é
  • A a insuficiência de leis de proteção ao trabalhador.
  • B a alta carga de impostos em todos os níveis.
  • C o predomínio de capitais estrangeiros na indústria.
  • D a paridade entre o real e o dólar.
  • E o afastamento do Brasil em relação ao Banco Mundial.

Noções de Informática

21

Ao preparar uma apresentação no Microsoft PowerPoint 2010, em sua configuração original, um usuário adicionou uma AutoForma no slide 1. Ao pressionar F5 e iniciar o modo de exibição Apresentação de Slides, essa AutoForma deve ser exibida imediatamente, mas precisa ser configurada com uma animação do tipo ____________, para que desapareça.


Assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna do texto.

  • A Apagar
  • B Transição
  • C Ênfase
  • D Saída
  • E Miniaturizar
22

Usando o Microsoft Windows 10, em sua configuração padrão, um usuário deseja alterar a sua senha de login. Assinale a alternativa que indica quais teclas o usuário deve pressionar para ter acesso à opção Alterar Senha e assim poder alterar a sua senha de login.

  • A CTRL+ALT+DEL
  • B CTRL+P
  • C CTRL+S
  • D ALT+TAB
  • E SHIFT+ESC
23

O tipo de dispositivo que pode ser acoplado a uma porta USB de um microcomputador e que visa utilizar, normalmente, uma rede Wi-Fi para conexão do computador à Internet é o

  • A scanner.
  • B conversor HDMI.
  • C adaptador wireless.
  • D blue ray.
  • E conversor DVI.
24

A imagem a seguir mostra uma planilha sendo editada por meio do MS-Excel 2010, em sua configuração padrão.

Após preencher a célula B5 com a fórmula
=MENOR(A1:B4;4)
esta célula exibirá o seguinte valor:

  • A 1
  • B 2
  • C 3
  • D 4
  • E 5
25

Utilizando o site de busca Google, deseja-se pesquisar apenas as páginas que contenham exatamente a frase: feriados no Brasil. Para isso, deve-se digitar, na Barra de Pesquisa do site, o seguinte:

  • A (feriados no Brasil)
  • B feriados-no-Brasil
  • C feriados&no&Brasil
  • D feriadosANDnoANDBrasil
  • E “feriados no Brasil”
26

Uma caixa de texto foi inserida em um documento que estava sendo editado no MS-Word 2016 (versão em português e em sua configuração padrão), por meio da guia Inserir, grupo Texto, botão Caixa de Texto. Caso se deseje alterar a cor da linha dessa caixa de texto, basta ajustar esse parâmetro após se

  • A selecionar a caixa de texto e pressionar a tecla de atalho Ctrl+T, que esse parâmetro será apresentado em um quadro.
  • B dar um duplo click com o botão esquerdo do mouse, em sua configuração padrão, sobre a borda dessa caixa, que esse parâmetro será apresentado em um quadro.
  • C dar um click com o botão direito do mouse, em sua configuração padrão, dentro dessa caixa de texto e selecionar a opção “Formatar Borda...”.
  • D dar um click com o botão direito do mouse, em sua configuração padrão, sobre a borda dessa caixa de texto e selecionar a opção “Formatar Forma...”.
  • E dar um duplo click com o botão esquerdo do mouse, em sua configuração padrão, dentro dessa caixa, que esse parâmetro será apresentado em um quadro.
27

Gustavo preparou uma mensagem de correio eletrônico no Microsoft Outlook 2010, em sua configuração padrão, com as seguintes características:
Para: Aline, Livia, Alexandre. Cc: Joana, José Cco: Edmundo
Alexandre, ao receber a mensagem, clicou em Responder a todos. Assinale a alternativa que indica quantos destinatários aparecem automaticamente em sua mensagem.

  • A 1, apenas o remetente original, Gustavo.
  • B 3, sendo Gustavo, Aline e Livia.
  • C 4, sendo Aline, Livia, Joana e José.
  • D 5, sendo Gustavo, Aline, Livia, Joana e José.
  • E 6, sendo Gustavo, Aline, Livia, Joana, José e Edmundo.
28

Considere uma apresentação criada no Microsoft PowerPoint 2010, em sua configuração original, com 5 slides, sendo que o usuário deixou o slide 3 oculto propositalmente, com informações mais detalhadas do assunto abordado na apresentação. A intenção do usuário era exibir esse slide apenas em caso de necessidade, se seu público fizesse questionamentos. Assim, no modo de apresentação e com o slide 2 em exibição, assinale a alternativa que indica o que o usuário pode fazer para exibir o slide 3.

  • A Pressionar ESC para encerrar a apresentação, posicionar no slide 3 e pressionar SHIFT+F5.
  • B Pressionar ENTER.
  • C Pressionar SHIFT+ENTER.
  • D Pressionar ESC para encerrar a apresentação, posicionar no slide 3 e pressionar F5.
  • E Pressionar TAB.
29

Utilizando o Bloco de Notas, um usuário gravou um arquivo texto na Área de Trabalho do Microsoft Windows 7, em sua configuração padrão, e, na sequência, fechou o aplicativo.
Assinale a alternativa que indica a ação correta para ver o ícone do arquivo e poder acessá-lo, posteriormente, considerando que 5 diferentes programas estão abertos simultaneamente.

  • A Minimizar todas as janelas.
  • B Acessar a Lixeira do Windows.
  • C Maximizar todas as janelas.
  • D Alternar as janelas usando CTRL+ESC até exibir o arquivo texto.
  • E Acessá-lo a partir de seu atalho fixado na Barra de Tarefas.
30

Miranda e Caio receberam, cada um, uma mensagem de correio eletrônico usando o Microsoft Outlook 2010, em sua configuração original, com as seguintes características:


De: aurelio@vunesp.com.br

Para: miranda@vunesp.com.br, caio@vunesp.com.br


Os usuários Miranda e Caio responderam ao mesmo tempo a mensagem que receberam, usando a opção Responder a Todos, sem qualquer alteração nos campos de destinatários da mensagem. Considerando apenas essa última ação de Miranda e Caio, assinale a alternativa que indica quantas mensagens Aurelio, Miranda e Caio receberão, respectivamente.

  • A 1, 2, 2
  • B 2, 0, 0
  • C 2, 1, 1
  • D 2, 2, 2
  • E 1, 1, 1

Português

31

Assinale a alternativa em que a colocação de ambos os pronomes destacados nas expressões está de acordo com a norma-padrão.

  • A Nem sempre nos damos conta da importância de preservarmo-nos da exposição pública.
  • B Ainda encontram-se pessoas dispostas a fazer amigos fora das redes sociais, atitude que traria-lhes mais privacidade.
  • C Nos propomos ajudar em tudo e concentraremo-nos nas causas mais urgentes e humanitárias.
  • D Viam-se pessoas revoltadas, que não tinham conformado-se com a perda de suas casas durante o incêndio.
  • E Esforçam-se para que as mensagens do celular não distraiam-nos durante o expediente.
32

Leia o texto para responder à questão.


    A vida de Virginia Woolf (1882-1941), que sempre se orgulhou de ser autodidata, pode ser resumida através de uma das suas obras: A Viagem (The Voyage Out). Escrito 26 anos antes de ela morrer, foi seu primeiro romance, mas pode ser definido como o livro sobre a sua vida. Nele, a reconhecida autora britânica reflete sobre suas preocupações – as pessoais e as do momento social que lhe coube viver no começo do século XX –, suas paixões e suas insônias. E tudo isso com um estilo literário em constante experimentação, procurando sempre a identidade própria de personagens com grande sensibilidade e nostalgia.

    Desde seu início na literatura, Virginia Woolf sempre quis ampliar suas perspectivas de estilo para além da narração comum, com fios condutores guiados pelo processo mental do ser humano: pensamentos, consciência, visões, desejos e até odores. Perspectivas narrativas definitivamente incomuns, que incluíam estados de sono e prosa de livre associação. Sua técnica narrativa do monólogo interior e seu estilo poético se destacam como as contribuições mais importantes para o romance moderno.

    Com nove romances publicados e mais de 30 livros de outros gêneros, Virginia Woolf é considerada por muitos a autora que mais revolucionou a narrativa no século XX e que mais defendeu os direitos das mulheres por meio de seus textos.


(Alberto López. Virginia Woolf, a escritora premonitória inesgotável. El País. https://brasil.elpais.com. 25.01.2018. Adaptado)

Considerando-se o emprego do acento indicativo de crase, um substituto correto para a expressão destacada no trecho do texto está entre colchetes em:

  • A A vida de Virginia Woolf ... pode ser resumida através de uma das suas obras... [à partir]
  • B … foi seu primeiro romance, mas pode ser definido como o livro sobre a sua vida.... [à respeito da]
  • C … a reconhecida autora britânica reflete sobre suas preocupações... [dedica-se à reflexão]
  • D Perspectivas narrativas definitivamente incomuns, que incluíam estados de sono... [às quais]
  • E ... a autora que ... mais defendeu os direitos das mulheres por meio de seus textos. [se voltou à defender]
33

Leia o texto para responder à questão.


    A vida de Virginia Woolf (1882-1941), que sempre se orgulhou de ser autodidata, pode ser resumida através de uma das suas obras: A Viagem (The Voyage Out). Escrito 26 anos antes de ela morrer, foi seu primeiro romance, mas pode ser definido como o livro sobre a sua vida. Nele, a reconhecida autora britânica reflete sobre suas preocupações – as pessoais e as do momento social que lhe coube viver no começo do século XX –, suas paixões e suas insônias. E tudo isso com um estilo literário em constante experimentação, procurando sempre a identidade própria de personagens com grande sensibilidade e nostalgia.

    Desde seu início na literatura, Virginia Woolf sempre quis ampliar suas perspectivas de estilo para além da narração comum, com fios condutores guiados pelo processo mental do ser humano: pensamentos, consciência, visões, desejos e até odores. Perspectivas narrativas definitivamente incomuns, que incluíam estados de sono e prosa de livre associação. Sua técnica narrativa do monólogo interior e seu estilo poético se destacam como as contribuições mais importantes para o romance moderno.

    Com nove romances publicados e mais de 30 livros de outros gêneros, Virginia Woolf é considerada por muitos a autora que mais revolucionou a narrativa no século XX e que mais defendeu os direitos das mulheres por meio de seus textos.


(Alberto López. Virginia Woolf, a escritora premonitória inesgotável. El País. https://brasil.elpais.com. 25.01.2018. Adaptado)

Está escrito em conformidade com a concordância da norma-padrão este livre comentário sobre o texto:

  • A As personagens de Virginia Woolf dispõe de grande sensibilidade e densidade.
  • B As inquietações que couberam a ela registrar em seu livro tem origem autobiográfica.
  • C A escritora sempre buscou meios para que suas perspectivas de estilo se ampliasse.
  • D Trata-se de obras densas, que enfocam a natureza humana em sua complexidade.
  • E A narrativa no século XX foi revolucionado pelos escritos de Virginia Woolf.
34

                                Tuíto, logo existo


      Não tenho Twitter nem estou no Facebook. A Constituição me permite isso. Todavia, há no Twitter um falso perfil meu, assim como de muitas pessoas. Certa vez uma senhora me disse com o olhar cheio de reconhecimento que sempre me lê no Twitter e que já interagiu muitas vezes comigo, para seu grande proveito intelectual. Tentei explicar que se tratava de um falso eu, mas ela olhou para mim como se estivesse dizendo que eu não sou eu. Se estava no Twitter, eu existia. Tuíto, logo existo.

      Não me preocupei em convencê-la porque, a despeito do que a senhora pensasse de mim, essa história não mudaria a história do mundo – aliás não mudaria sequer a minha própria história pessoal.

      A irrelevância das opiniões expressas no Twitter é que todos falam, e entre estes todos há quem acredite nas coisas mais insensatas. Falam de tudo e mais alguma coisa, um contradiz o outro e todos juntos não dão uma ideia do que pensam as pessoas, mas apenas do que pensam certos pensadores desarvorados.

      O Twitter é igual ao bar da esquina de qualquer cidadezinha ou periferia. Falam o idiota da aldeia, o pequeno proprietário que se considera perseguido pela receita, o médico do interior amargurado por não ter conseguido o diploma de uma grande universidade, o passante que já bebeu todas. Mas tudo se consome ali mesmo: os bate-bocas no bar nunca mudaram a política internacional. No geral, o que a maioria das pessoas pensa é apenas um dado estatístico no momento em que, depois de refletir, cada um vota – e vota pelas opiniões emitidas por outro alguém.

      Assim, o éter da internet é atravessado por opiniões irrelevantes, mesmo porque não é possível expressar magistralmente ideias em menos de cento e quarenta caracteres*.

(Umberto Eco. Pape satàn aleppe: Crônicas de uma sociedade líquida. Editora Record, Rio de Janeiro: 2017. Adaptado)

* antigo limite de caracteres para postagem de mensagens no Twitter 

O termo em destaque na frase – ... o médico do interior amargurado por não ter conseguido o diploma de uma grande universidade... – expressa ideia de

  • A causa.
  • B modo.
  • C oposição.
  • D ausência.
  • E finalidade.
35

Assinale a alternativa em que a concordância das palavras está de acordo com a norma-padrão.

  • A As mortes causadas por acidentes são muito preocupante.
  • B Acidentes de trânsito deixam um grande número de feridos.
  • C São essenciais que os motoristas dirijam com mais cautela.
  • D Foi estabelecido uma estimativa quanto ao número de acidentados.
  • E Poderão haver muitos mais vítimas de trânsito se nada for feito.
36

Leia o texto para responder a questão abaixo.


    “Quando eu tinha mais ou menos uma semana de idade, eu me lembro de estar enrolada em um cobertor rosa de algodão”, conta Rebecca Sharrock. Considerando que a memória da maioria das pessoas não é capaz de gravar acontecimentos anteriores aos quatro anos de idade, pode ser fácil pensar que a descrição de Sharrock seja um sonho nostálgico em vez de uma memória real. Mas a mulher australiana de 27 anos não tem uma memória comum – ela foi diagnosticada com uma síndrome rara chamada “Memória Autobiográfica Altamente Superior”, ou HSAM na sigla em inglês, também conhecida como Síndrome da Supermemória. Essa condição neurológica única significa que Sharrock consegue se lembrar de absolutamente tudo que ela fez em qualquer data.

    Pessoas com essa síndrome podem se lembrar instantaneamente e sem esforço algum de qualquer coisa que fizeram, o que vestiram ou onde estavam em qualquer momento da vida. Elas podem se lembrar de notícias e acontecimentos pessoais com tantos detalhes e com uma exatidão tão perfeita que são comparáveis a uma gravação.

    Por que algumas pessoas nascem com a supermemória? As pesquisas ainda estão em andamento, já que existem poucos indivíduos com a síndrome no mundo, e a área ainda é relativamente nova. Mas alguns estudos indicam que o lobo temporal (que ajuda no processamento de memória) é maior nos cérebros das pessoas com HSAM.

    Ter uma supermemória significa que as memórias são gravadas em detalhes vívidos, o que é fascinante em termos científicos, mas pode ser uma praga para quem tem a síndrome. Algumas pessoas com HSAM dizem que suas memórias são muito organizadas, mas Sharrock descreve seu cérebro como “entupido” e diz que reviver memórias lhe dá dor de cabeça e insônia. Apesar disso, ela aprendeu a tentar usar memórias positivas para superar as negativas: “No começo de todo mês, eu escolho todas as melhores memórias que tive naquele mês em outros anos”. Reviver acontecimentos positivos facilita na hora de lidar com as “memórias invasivas” que a fazem se sentir mal.


(Sarah Keating, BBC. 17.11.2017. www.bbc.com. Adaptado)

Assinale a alternativa em que a segunda parte da frase expressa, com relação à primeira, uma consequência.

  • A Pessoas com essa síndrome podem se lembrar instantaneamente e sem esforço algum de qualquer coisa que fizeram, o que vestiram / ou onde estavam em qualquer momento da vida. (2o parágrafo)
  • B Elas podem se lembrar de notícias e acontecimentos pessoais com tantos detalhes e com uma exatidão tão perfeita / que são comparáveis a uma gravação. (2o parágrafo)
  • C As pesquisas ainda estão em andamento, / já que existem poucos indivíduos com a síndrome no mundo, e a área ainda é relativamente nova. (3o parágrafo)
  • D Ter uma supermemória significa que as memórias são gravadas em detalhes vívidos, o que é fascinante em termos científicos, / mas pode ser uma praga para quem tem a síndrome. (4o parágrafo)
  • E “No começo de todo mês, eu escolho todas as melhores memórias / que tive naquele mês em outros anos”. (4o parágrafo)
37

      Se determinado efeito, lógico ou artístico, mais fortemente se obtém do emprego de um substantivo masculino apenso a substantivo feminino, não deve o autor hesitar em fazê-lo. Quis eu uma vez dar, em uma só frase, a ideia – pouco importa se vera ou falsa – de que Deus é simultaneamente o Criador e a Alma do mundo. Não encontrei melhor maneira de o fazer do que tornando transitivo o verbo “ser”; e assim dei à voz de Deus a frase:

      – Ó universo, eu sou-te,

      em que o transitivo de criação se consubstancia com o intransitivo de identificação.

      Outra vez, porém em conversa, querendo dar incisiva, e portanto concentradamente, a noção verbal de que certa senhora tinha um tipo de rapaz, empreguei a frase “aquela rapaz”, violando deliberadamente e justissimamente a lei fundamental da concordância.

      A prosódia, já alguém o disse, não é mais que função do estilo.

      A linguagem fez-se para que nos sirvamos dela, não para que a sirvamos a ela.

                     (Fernando Pessoa. A língua portuguesa, 1999. Adaptado)

Assinale a alternativa que atende à norma-padrão de colocação pronominal.

  • A A prosódia, já disse-o alguém, não é mais que função do estilo.
  • B Se consubstancia o transitivo de criação com o intransitivo de identificação na frase: – Ó universo, eu sou-te.
  • C Tendo referido-me a Deus simultaneamente como o Criador e a Alma do mundo, recorri à frase: – Ó universo, eu sou-te.
  • D Sirvamo-nos da linguagem para quaisquer efeitos, sejam eles lógicos ou artísticos.
  • E Para expressar minha ideia, juntariam-se o transitivo de criação com o intransitivo de identificação na frase.
38

                         Para se alfabetizar de verdade,

                Brasil deve se livrar de algumas ideias tortas


      Meses atrás, quando falei aqui do livro de Zinsser, um leitor deixou o seguinte comentário: “É de uma pretensão sem tamanho, a vaidade elevada ao maior grau, o sujeito se meter a querer ensinar os outros a escrever”.

      Pois é. Muita gente acredita que, ao contrário de todas as demais atividades humanas, da música à mecânica de automóveis, do macramê à bocha, a escrita não pode ser ensinada. Por quê?

      Porque é especial demais, elevada demais, dizem alguns. É o caso do leitor citado, que completou seu comentário com esta pérola: “Saber escrever é uma questão de talento, quem não tem, não vai nunca aprender…”

      Há os que chegam à mesma conclusão pelo lado oposto, a ilusão de que toda pessoa alfabetizada domina a escrita, e o resto é joguinho de poder espúrio.

      Talento literário é raro mesmo, mas não se trata disso. Também não estamos falando só de correção gramatical e ortográfica, aspecto que será cada vez mais delegado à inteligência artificial.

      Estamos falando de pensamento. Escrever com clareza e precisão, sem matar o leitor de confusão ou tédio, é uma riqueza que deve ser distribuída de forma igualitária por qualquer sociedade que se pretenda civilizada e justa.

                                    (Sérgio Rodrigues. Folha de S.Paulo, 07.12.2017)

Assinale a alternativa em que o termo em destaque é advérbio, expressando sentido de afirmação.

  • A Muita gente acredita que, ao contrário de todas as demais atividades humanas…
  • B Porque é especial demais, elevada demais, dizem alguns.
  • C “… quem não tem, não vai nunca aprender…”
  • D Há os que chegam à mesma conclusão pelo lado oposto…
  • E Talento literário é raro mesmo, mas não se trata disso.
39

Leia o texto para responder à questão.


    A vida de Virginia Woolf (1882-1941), que sempre se orgulhou de ser autodidata, pode ser resumida através de uma das suas obras: A Viagem (The Voyage Out). Escrito 26 anos antes de ela morrer, foi seu primeiro romance, mas pode ser definido como o livro sobre a sua vida. Nele, a reconhecida autora britânica reflete sobre suas preocupações – as pessoais e as do momento social que lhe coube viver no começo do século XX –, suas paixões e suas insônias. E tudo isso com um estilo literário em constante experimentação, procurando sempre a identidade própria de personagens com grande sensibilidade e nostalgia.

    Desde seu início na literatura, Virginia Woolf sempre quis ampliar suas perspectivas de estilo para além da narração comum, com fios condutores guiados pelo processo mental do ser humano: pensamentos, consciência, visões, desejos e até odores. Perspectivas narrativas definitivamente incomuns, que incluíam estados de sono e prosa de livre associação. Sua técnica narrativa do monólogo interior e seu estilo poético se destacam como as contribuições mais importantes para o romance moderno.

    Com nove romances publicados e mais de 30 livros de outros gêneros, Virginia Woolf é considerada por muitos a autora que mais revolucionou a narrativa no século XX e que mais defendeu os direitos das mulheres por meio de seus textos.


(Alberto López. Virginia Woolf, a escritora premonitória inesgotável. El País. https://brasil.elpais.com. 25.01.2018. Adaptado)

Uma frase coerente com o que se afirma no primeiro parágrafo e escrita em conformidade com a norma-padrão da língua é:

  • A Ainda que tenha sido escrito 26 anos antes de Virginia Wolf morrer, A viagem pode ser definido como o livro sobre a sua vida.
  • B A viagem pode ser definido como o livro sobre a vida de Virginia Wolf, na medida que foi escrito 26 anos antes da morte da autora.
  • C O livro A viagem fora escrito 26 anos antes que Virginia Wolf morreu, por isso pode ser definido como o livro sobre a sua vida.
  • D Tendo em vista ser escrito 26 anos antes de Virginia Wolf morrer, A viagem possa ser definido como o livro sobre a sua vida.
  • E A viagem pode ser definido como o livro sobre a vida de Virginia Wolf, o que se justifica por ter sido escrita 26 anos antes da morte da autora.
40

Leia o texto para responder à questão.


    A vida de Virginia Woolf (1882-1941), que sempre se orgulhou de ser autodidata, pode ser resumida através de uma das suas obras: A Viagem (The Voyage Out). Escrito 26 anos antes de ela morrer, foi seu primeiro romance, mas pode ser definido como o livro sobre a sua vida. Nele, a reconhecida autora britânica reflete sobre suas preocupações – as pessoais e as do momento social que lhe coube viver no começo do século XX –, suas paixões e suas insônias. E tudo isso com um estilo literário em constante experimentação, procurando sempre a identidade própria de personagens com grande sensibilidade e nostalgia.

    Desde seu início na literatura, Virginia Woolf sempre quis ampliar suas perspectivas de estilo para além da narração comum, com fios condutores guiados pelo processo mental do ser humano: pensamentos, consciência, visões, desejos e até odores. Perspectivas narrativas definitivamente incomuns, que incluíam estados de sono e prosa de livre associação. Sua técnica narrativa do monólogo interior e seu estilo poético se destacam como as contribuições mais importantes para o romance moderno.

    Com nove romances publicados e mais de 30 livros de outros gêneros, Virginia Woolf é considerada por muitos a autora que mais revolucionou a narrativa no século XX e que mais defendeu os direitos das mulheres por meio de seus textos.


(Alberto López. Virginia Woolf, a escritora premonitória inesgotável. El País. https://brasil.elpais.com. 25.01.2018. Adaptado)

De acordo com o texto, uma palavra que caracteriza a escrita de Virginia Wolf é

  • A alienação.
  • B concisão.
  • C originalidade.
  • D impessoalidade.
  • E convencionalismo.

Direito Constitucional

41

Nos termos da Constituição Federal, às polícias civis, dirigidas por delegados de polícia de carreira, incumbem,

  • A ressalvada a competência da União, as funções de polícia judiciária e a apuração de infrações penais, exceto as militares.
  • B com exclusividade, as funções de polícia judiciária e a apuração de infrações penais, exceto as militares.
  • C ressalvada a competência da União, as atribuições estaduais de polícia judiciária e administrativa.
  • D com exclusividade, as funções de polícia judiciária e a apuração de infrações penais.
  • E ressalvada a competência da União, as atribuições estaduais de polícia judiciária e administrativa e a apuração de infrações penais.
42

Ressalvados os casos especificados na legislação, a Constituição Federal impõe que as obras, os serviços, as compras e as alienações serão contratados

  • A após autorização legislativa, para cada caso, ou genericamente para determinados objetos, mas sempre com prazo determinado.
  • B mediante processo de licitação pública, com obrigações de pagamento independentes das condições efetivas da proposta.
  • C mediante processo de licitação pública que assegure igualdade de condições a todos os concorrentes.
  • D diretamente, desde que comprovadas as exigências de qualificação técnica e econômica indispensáveis à garantia do cumprimento das obrigações.
  • E mediante processo de licitação pública que não poderá exigir qualificação técnica nem econômica, em nenhum tipo de contratação.
43

A Constituição Federal prevê, em seu capítulo sobre a Administração Pública, que o concurso público

  • A determinará a convocação dos novos concursados para assumir cargo ou emprego na carreira, com prioridade em relação aos aprovados em concurso anterior.
  • B terá o prazo de validade de até um ano, prorrogável uma única vez, por mais um ano.
  • C determinará a convocação dos concursados que ainda não assumiram cargo ou emprego com prioridade para exercer cargos ou funções de confiança.
  • D terá o prazo de validade de até três anos, prorrogável uma única vez, por mais um ano.
  • E será de provas ou de provas e títulos, de acordo com a natureza e a complexidade do cargo ou emprego, na forma prevista em lei.
44

Nos termos da Constituição Federal de 1988, são privativos de brasileiro nato os cargos

  • A de Presidente da República, de Deputado Federal e de Senador da República.
  • B de Ministro do Supremo Tribunal Federal, da carreira diplomática e de oficial das Forças Armadas.
  • C de Presidente da Câmara dos Deputados, de Presidente do Senado Federal e de Presidente do Tribunal de Contas da União.
  • D de Ministro do Supremo Tribunal Federal, de Ministro da Defesa e de Ministro da Justiça.
  • E de Prefeito, de Vereador e de Juiz de Direito.
45

Em relação à Ação Popular, é correto afirmar que

  • A haverá pagamento de custas pelo autor no caso de nova ação.
  • B serão devidas as custas, desde que comprovada a má-fé do autor.
  • C a improcedência por carência de provas evidencia a má-fé do autor da ação popular.
  • D a improcedência torna devidos os honorários de sucumbência.
  • E serão devidas as custas judiciais e ônus de sucumbência.
46

Conforme dispõe expressamente o texto constitucional, são gratuitas as ações de

  • A mandado de segurança e mandado de segurança coletivo.
  • B mandado de segurança e habeas corpus.
  • C mandado de segurança e habeas data.
  • D habeas corpus e mandado de injunção.
  • E habeas corpus e habeas data.
47

São assegurados, nos termos da Constituição da República Federativa do Brasil, (CRFB/88) à categoria dos trabalhadores domésticos os seguintes direitos:

  • A proteção em face da automação, na forma da lei.
  • B reconhecimento das convenções e acordos coletivos de trabalho.
  • C jornada de seis horas para trabalho realizado em turnos ininterruptos de revezamento.
  • D participação nos lucros, ou resultados, desvinculada da remuneração, conforme definido em lei.
  • E piso salarial proporcional à extensão e à complexidade do trabalho.
48

Nos termos da Constituição da República Federativa do Brasil (CRFB/88), é correto afirmar que

  • A é vedada a acumulação remunerada de dois cargos públicos de professor, independentemente de haver compatibilidade de horário.
  • B os vencimentos dos cargos do Poder Legislativo e do Poder Executivo não poderão ser superiores aos pagos pelo Poder Judiciário.
  • C o servidor público da administração direta, autárquica e fundacional, investido no mandato de Prefeito, será afastado do cargo, emprego ou função, sendo-lhe vedado optar pela sua remuneração.
  • D os proventos de aposentadoria e as pensões, por ocasião de sua concessão, não poderão exceder a remuneração do respectivo servidor, no cargo efetivo em que se deu a aposentadoria ou que serviu de referência para a concessão da pensão.
  • E o servidor público estável perderá o cargo em virtude de sentença judicial ou administrativa, que prescindem de processo prévio em contraditório.
49

Salvo em caso de guerra declarada, nos termos expressos da Constituição da República Federativa do Brasil (CRFB/88), não haverá penas

  • A de morte.
  • B de banimento.
  • C de caráter perpétuo.
  • D de trabalhos forçados.
  • E de expulsão.
50

De acordo com texto expresso na Constituição da República Federativa do Brasil (CRFB/88), é correto afirmar que a lei

  • A assegurará aos autores de inventos industriais privilégio permanente para sua utilização.
  • B penal sempre retroagirá, seja para beneficiar ou não o réu.
  • C regulará a individualização da pena e adotará, entre outras, a perda de bens.
  • D poderá excluir da apreciação do Poder Judiciário lesão ou ameaça a direito.
  • E deverá punir ato atentatório a liberdades com penas restritivas de direito.
Voltar para lista