Resolver o Simulado Nível Fundamental

0 / 35

Português

1

Você já imaginou andar de bike debaixo da terra? Pois alguns empresários imaginaram. O único parque subterrâneo para bicicletas foi inaugurado no mês de fevereiro desse ano em Louisville, no Estado de Kentucky, Estados Unidos. Parecendo uma caverna com diversas curvas e montes que permitem as mais diversas manobras, o local possui aproximadamente 27 quilômetros divididos em mais de 45 trilhas.

Não é preciso ter bicicleta para tentar a sorte – o Mega Bike oferece o aluguel das magrelas, mas é preciso reservá-las. Também não é preciso ser um atleta. De acordo com o site, o parque foi construído pensando em todos os níveis de habilidade. Além disso, é bom ficar atento ao que vai vestir, já que o local é mantido a uma temperatura média de 15 graus. Outra informação importante é que crianças são permitidas apenas com a autorização e acompanhamento dos responsáveis, ou seja, os papais e mamães vão ter que pedalar.

O texto:

  • A Apresenta uma inovação tecnológica na figura de uma rede social.
  • B Fala da construção de um parque temático exclusivo para determinadas habilidades ciclísticas.
  • C Noticia a construção de um parque ciclístico de uso comum, mas destaca que pais devem acompanhar os filhos.
  • D Mostra ser natural que em um parque temático com filiais seja obrigatória uma vestimenta específica.
  • E Afirma que mesmo sem bicicleta o usuário é tornado um atleta profissional ao usar aquelas que o parque disponibiliza.
2
A outra noite

Outro dia fui a São Paulo e resolvi voltar à noite, uma noite de vento sul e chuva, tanto lá como aqui. Quando vinha para casa de táxi, encontrei um amigo e o trouxe até Copacabana; e contei a ele que lá em cima, além das nuvens, estava um luar lindo, de lua cheia; e que as nuvens feias que cobriam a cidade eram, vistas de cima, enluaradas, colchões de sonho, alvas, uma paisagem irreal.
Depois que o meu amigo desceu do carro, o chofer aproveitou um sinal fechado para voltar-se para mim:
- O senhor vai desculpar, eu estava aqui a ouvir sua conversa. Mas, tem mesmo luar lá em cima?
Confirmei: sim, acima da nossa noite preta e enlamaçada e torpe havia uma outra - pura, perfeita e linda.
-Mas que coisa...
Ele chegou a pôr a cabeça fora do carro para olhar o céu fechado de chuva. Depois continuou guiando mais lentamente. Não sei se sonhava em ser aviador ou pensava em outra coisa.
-Ora, sim senhor...
E, quando saltei e paguei a corrida, ele me disse um“boa noite” e um“muito obrigado ao senhor” tão sinceros, tão veementes, como se eu lhe tivesse feito um presente de rei.

(BRAGA, Rubem. Para gostar de ler, vol. 2, crônicas. São Paulo, Ática.) Para gostar de le


O termo destacado em: “...e contei A ELE que lá em cima, além das nuvens, estava um luar lindo...” exerce a seguinte função sintática:

  • A predicativo do sujeito.
  • B complemento nominal.
  • C adjunto adnominal.
  • D objeto direto.
  • E objeto indireto.
3
O cachorro e sua sombra
Esopo

Um cachorro, que carregava na boca um pedaço de carne, ao cruzar uma ponte sobre um riacho, vê sua imagem refletida na água. Diante disso, ele logo imagina que se trata de outro cachorro, com um pedaço de carne maior que o seu. Então, ele deixa cair no riacho o pedaço que carrega, e ferozmente se lança sobre o animal refletido na água, para tomar a porção de carne que julga ser maior que a sua. Agindo assim ele perdeu ambos. Aquele que tentou pegar na água, por se tratar de um simples reflexo, e o seu próprio, uma vez que ao largá-lo nas águas, a correnteza levou para longe.
Qual das frases abaixo apresenta um caso CORRETO de interjeição?
  • A Droga! Preste atenção quando eu estou falando!
  • B Estamos trabalhando muito há dois dias.
  • C Preciso levar meu cachorro ao veterinário.
  • D Nenhuma das alternativas.
4

Dicas fáceis para não se estressar no trânsito


Espreguice-se e respire fundo
Quando você respira profunda e lentamente, após uma espreguiçada, você se modifica completamente, passando para um outro nível de entendimento e tolerância. A origem primeira da felicidade é respirar e relaxar.

Escute, mas não preste atenção
As pessoas podem falar o que quiser para você, mas não leve em consideração. Se reagir, entrará em contato com o “vírus” do outro que está desnorteado. Isso derrama adrenalina na corrente circulatória, o que provoca danos à saúde: eleva os níveis mentais e a frequência cardíaca, destrói neurônios, as pernas amolecem, a fala e os movimentos ficam prejudicados. Não reagindo, você estará em plena proteção do seu organismo, em plena saúde.

Saia com sua mente do caos
Viaje através da mente para momentos prazerosos: o lazer em casa, a ida com a família ao shopping, a visita a lugares aprazíveis como mar, montanha...

Faça alongamentos
Alongue-se: estique as pernas, coloque a mão atrás do pescoço, depois traga o pescoço para frente, tentando tocar o queixo no peito. Esses exercícios o deixarão relaxado.

(Nuno Cobra. http://www2.uol.com.br. Acesso em 11.11.2013. Adaptado)

Nas frases reescritas a partir do texto, o verbo em destaque está corretamente empregado, de acordo com a norma-padrão da língua portuguesa, em:

  • A Se você mantiver a calma, não dará atenção ao que os outros lhe dizem.
  • B Se você trazer imagens prazerosas à sua mente, enfrentará melhor os congestionamentos.
  • C Se você pôr sua felicidade em primeiro lugar, se tornará imune à balbúrdia do trânsito.
  • D Se você querer, poderá relaxar durante o período em que está em seu veículo.
  • E Se você fazer os exercícios propostos, ficará mais tranquilo.
5

Inundação

Há um rio que atravessa a casa. Esse rio, dizem, é o tempo. E as lembranças são peixes nadando ao invés da corrente. Acredito, sim, por educação. Mas não creio. Minhas lembranças são aves. A haver inundação é de céu, repleção de nuvem. Vos guio por essa nuvem, minha lembrança.

A casa, aquela casa nossa, era morada mais da noite que do dia. Estranho, dirão. Noite e dia não são metades, folha e verso? Como podiam o claro e o escuro repartir-se em desigual? Explico. Bastava que a voz de minha mãe em canto se escutasse para que, no mais lúcido meio-dia, se fechasse a noite. Lá fora, a chuva sonhava tamborileira. E nós éramos meninos para sempre.

COUTO, M. O fio das missangas: contos. São Paulo: Cia das Letras, 2009. p. 25.

Assinale a alternativa que contém um enunciado que apresenta linguagem denotativa.

  • A “Há um rio que atravessa a casa. Esse rio, dizem, é o tempo.” (linha 1)
  • B “Acredito, sim, por educação. Mas não creio.” (linha 3)
  • C “Estranho, dirão. Noite e dia não são metades, folha e verso?” (linha 7)
  • D “no mais lúcido meio-dia, se fechasse a noite.” (linha 10)
  • E “Lá fora, a chuva sonhava tamborileira.” (linha 11)
6
Condenados à vida

“Ele tem dezesseis anos, um câncer de boca horroroso, mal anda, mas o médico disse que faz a remoção da mandíbula e uma abertura no estômago para ele se alimentar. Eu queria que ele morresse logo, não tenho dinheiro.”
Tratava-se de um cão idoso, sofrendo e atormentando a vida da minha paciente.
O que aconteceu com a morte, que nem é mais permitida aos animais que sofrem, que dirá a nós humanos?
Ano de 1973, um dos meus pacientes era um velhinho com câncer de fígado que finalmente teve uma parada cardíaca na minha frente.
Iniciei logo os processos de reanimação (massagem cardíaca etc). Debalde. O chefe de clínica, meu hoje amigo Prof. Alvariz, me chamou: “Daudt, aquilo não se chama parada cardíaca. Chama-se MORTE. É necessário saber a diferença”.
Parece que nós, médicos, em particular, e a sociedade, em geral, perdemos a noção dessa preciosa diferença, e estamos infligindo um tormento artificial a nós mesmos e aos infelizes sob nossos cuidados.
Aos médicos, a diferença não é ensinada nas faculdades. Pelo contrário. A morte é vista como uma inimiga a ser combatida a quaisquer “custo$”, saídos dos nossos bolsos.
E o inferno não atinge só os terminais. Ele se estende aos iniciais que não deveriam ter iniciado.
A mãe natureza vem expulsando embriões inviáveis desde sempre, em diversas fases da gestação. O aborto de fetos anencéfalos foi consentido a duras penas, e ainda revolta muitos.
A compulsão de “salvar vidas” atinge prematuros malformados (outrora inviáveis) ao ponto de vegetarem por meses ou anos, aprisionando e desgraçando familiares pobres.
Os médicos deste circo de horrores têm um lema sinistro: “No meu plantão, não!” E se desdobram em manobras heroicas para prolongar a existência daquele ser sem perspectivas, com a crueldade adicional de dar esperança às famílias.
Até há pouco tempo, morria-se em casa, sabendo que se ia morrer, cercado de carinho da família, dizendo suas últimas palavras, num rito de despedida que incluía a morte como parte da vida, e como um momento digno.
Hoje, varremos nossos moribundos para debaixo de uma UTI, que nos “poupa de assistir o horror”.
Pude proporcionar esse momento digno a minha mãe de 95 anos. Ela já estava na maca para ser levada à ambulância quando cheguei. “Podem voltar, que ela quer morrer em casa”. O médico apertou minha mão, solidário e comovido.
Posta em sua cama, minha mãe disse: “Que bom, voltei ao meu cantinho”. E morreu como queria.

(Francisco Daudt. Folha de S.Paulo, 02 de abril de 2014. Adaptado)

Releia as frases do texto.

... perdemos a noção dessa preciosa diferença, e estamos infligindo um tormento artificial a nós mesmos e aos infelizes sob nossos cuidados. (6° parágrafo)

A mãe natureza vem expulsando embriões inviáveis desde sempre, ... (9° parágrafo)

Considerando o contexto em que foram utilizadas, as palavras em destaque podem ser substituídas, correta e respectivamente, sem alteração de sentido, por:

  • A ameaçando; executáveis
  • B infringindo; duradouros
  • C transgredindo; irrealizáveis
  • D violando; invencíveis
  • E impondo; impossíveis
7
Assinale a alternativa INCORRETA quanto à concordância verbal:
  • A 1% dos eleitores votou no candidato de direita
  • B Após a partida, ofenderam-se o jogador e o árbitro
  • C A maioria dos parlamentares aprovou o projeto de lei
  • D Nem o juiz nem o promotor compareceram à audiência
  • E Há graves problemas sociais no Brasil
8

Prova falsa

Quem teve a ideia foi o padrinho da caçula — ele me conta. Trouxe o cachorro de presente e logo a família inteira se apaixonou pelo bicho. Ele até que não é contra isso de se ter um animalzinho em casa, desde que seja obediente e com um mínimo de educação.

— Mas o cachorro era um chato — desabafou.

Desses cachorrinhos de raça, cheios de nhém- -nhém-nhém, que comem comidinha especial, precisam de muitos cuidados, enfim, um chato de galocha. E, como se isto não bastasse, implicava com o dono da casa.

— Vivia de rabo abanando para todo mundo, mas, quando eu entrava em casa, vinha logo com aquele latido fininho e antipático de cachorro de francesa.

Ainda por cima era puxa-saco. Lembrava certos políticos da oposição, que espinafram o ministro, mas quando estão com o ministro ficam mais por baixo que tapete de porão. Quando cruzavam num corredor ou qualquer outra dependência da casa, o desgraçado rosnava ameaçador, mas quando a patroa estava perto abanava o rabinho, fingindo-se seu amigo.

— Quando eu reclamava, dizendo que o cachorro era um cínico, minha mulher brigava comigo, dizendo que nunca houve cachorro fingido e eu é que implicava com o “pobrezinho”.

Num rápido balanço poderia assinalar: o cachorro comeu oito meias suas, roeu a manga de um paletó de casimira inglesa, rasgara diversos livros, não podia ver um pé de sapato que arrastava para locais incríveis. A vida lá em sua casa estava se tornando insuportável. Estava vendo a hora em que se desquitava por causa daquele bicho cretino. Tentou mandá-lo embora umas vinte vezes e era uma choradeira das crianças e uma espinafração da mulher.

— Você é um desalmado — disse ela, uma vez.

Venceu a guerra fria com o cachorro graças à má educação do adversário. O cãozinho começou a fazer pipi onde não devia. Várias vezes exemplado, prosseguiu no feio vício. Fez diversas vezes no tapete da sala. Fez duas na boneca da filha maior. Quatro ou cinco vezes fez nos brinquedos da caçula. E tudo culminou com o pipi que fez em cima do vestido novo de sua mulher.

— Aí mandaram o cachorro embora? — perguntei ao meu amigo.

— Mandaram. Mas eu fiz questão de dá-lo de presente a um sujeito que adora cachorros. Ele está levando um vidão em sua nova residência.

— Ué... mas você não o detestava? Como é que arranjou essa sopa pra ele?

— Problema da consciência — explicou: — O pipi não era dele.

E suspirou cheio de remorso.

Na opinião de seu dono, o cachorro, no Texto II, era um cínico porque

  • A abanava o rabo para todo mundo.
  • B era cheio de nhém-nhém-nhém.
  • C comia suas meias e livros.
  • D roía suas roupas.
  • E fingia ser seu amigo.
9

O LEÃO BRIGUENTO

1º Aconteceu há muito tempo, num lugar em que só havia mata, um matagal sem fim.

2º Neste lugar moravam onças, panteras, tigres, elefantes, jacarés e mais os animais que você quiser pôr na história, que agora ela é sua.

3º Como é história de animais em que aparece leão, havia um rei, o Leonis. Quando ele morresse, o rei seria seu filho Leonas, como antes tinha sido o avô Leonardo.

4º Só que tem um negócio> os animais estavam pensando em mudar a lei do lugar, para pôr um chefe que fosse eleito por todos. Enquanto isso, o jovem Leonas aproveitava por ser filho do rei.

5º Bastava encontrar animais almoçando uma caça, partia pra cima. Ele chegava, olhava e berrava: “________ para mim!”

6º Se via um grupo conversando, Leonas chegava, gritava, ordenava: “Quero saber de tudo!” Parece que os animais que têm mania de mandar nos outros vivem pensando que os outros só fazem falar mal deles.

7º Um dia ele ________ de ter as pintas da dona Onça Pintada, porque um pêlo assim belo deveria ser do filho do rei. Não adiantou a Onça protestar, o rei falar, o ministro das Explicações explicar. Parece que os animais que gostam de mandar nos outros pensam que podem ter tudo que desejam.

8º Os bichos andavam fartos do leão, que andava cheio de querencias. Mas se calavam: de medo ou _________ mesmo. Até que uma corça velha, muito velha, com o nariz cheio de barro, os bichos reuniu.

9º – Os tiranos gostam de sua tirania. Quanto mais mandam, mais gostam de mandar. Mas também sentem desprezo dos que deixam tudo assim ficar. Por isso, ou vocês reagem agora, ou, para viver em paz, vão ter que abandonar a mata.

10 Os bichos ficaram espantados como uma corça velha, muito velha, com o nariz cheio de barro, que tinha coragem de falar o que sentia. E eles ficaram pensando no que ela tinha dito. Pensando, pensando.

M. Lourdes Locks, Folhinha de São Paulo, 19/02/84
Assinale a alternativa em que a palavra retirada do texto deveria estar acentuada:
  • A mania.
  • B ministro.
  • C querencias.
  • D tirania.
10

Assinale a opção em que o uso das vírgulas se apresenta conforme a norma padrão.

  • A Nas redes sociais, a gente se pega, de vez em quando, compartilhando, notícias falsas.
  • B A gente se pega nas redes sociais, compartilhando de vez em quando, notícias falsas.
  • C Nas redes sociais, a gente se pega, de vez em quando, compartilhando notícias falsas.
  • D A gente se pega, nas redes sociais compartilhando, de vez em quando notícias falsas.

Matemática

11
Em uma empresa, trabalham 80 funcionários, sendo que um quarto desses funcionários são mulheres. Assinale a alternativa que representa a quantidade de mulheres que trabalha nessa empresa:
  • A 18
  • B 20
  • C 28
  • D 35
  • E 40
12

Os moradores de um bairro do Rio de Janeiro decidiram decorar uma rua sem saída com bandeirinhas verdes e amarelas durante os Jogos Olímpicos Rio 2016. Para isto, instalaram 13 suportes alinhados. A distância entre dois suportes vizinhos quaisquer foi de 9,5 m. Então, a distância entre o primeiro e o último suporte foi de

  • A 95 m.
  • B 104,5 m.
  • C 133 m.
  • D 123,5 m.
  • E 114 m.
13

Pedrinho comprou um caderno com 240 folhas para as cinco matérias de seu curso. Destinou metade dessas folhas à Língua Portuguesa; das folhas restantes, destinou metade à Matemática. Como para cada uma das outras matérias ele destinou igual número de folhas, conclui-se que o número de folhas de cada uma dessas outras matérias é

  • A 12.
  • B 16.
  • C 20.
  • D 24.
  • E 30.
14
A tabela a seguir mostra os vários planos de pagamento de uma academia de ginástica:

Duração do plano Valores (R$)
Mensal 220,00
Bimestral 400,00
Trimestral 540,00
Semestral 960,00
Anual 1.680,00

Uma pessoa que optou pelo plano semestral irá pagar mensalmente um valor inferior ao plano mensal em
  • A R$ 20,00.
  • B R$ 30,00
  • C R$ 40,00.
  • D R$ 50,00.
  • E R$ 60,00
15

O mínimo múltiplo comum entre 120 e 240 é:

  • A 240
  • B 280
  • C 320
  • D 120

Noções de Informática

16
Atualmente há diversos navegadores de internet disponíveis no mercado por exemplo, MS-Internet Explorer, Google Chrome e Mozila Firefox. Nesse contexto, está CORRETO afirmar que a principal função desses navegadores é:
  • A Navegar entre as pastas e diretórios do computador.
  • B Acessar páginas da web e fazer downloads de arquivos.
  • C Realizar varredura de vírus e arquivos infectados.
  • D Construir websites.
17
Um usuário do MS Excel 2010, em português, precisa adicionar, em uma célula de uma planilha, uma função para calcular a soma simples total de um conjunto de números, que estão em um intervalo especificado. Para isso ele deve adicionar a função:
  • A SOMAMAXMY2.
  • B SOMAR PRODUTO.
  • C SOMASEQUÊNCIA
  • D SOMAQUAD.
  • E SOMA.
18

No uso dos recursos do browser Firefox Mozilla, um funcionário de nível médio da Câmara Municipal do Rio de Janeiro pressionou um ícone, por meio do apontador do mouse, que tem por objetivo verificar o andamento dos downloads. A figura que corresponde a esse ícone é:

  • A
  • B
  • C
  • D
19

Ao copiar um texto do site da Ufes e colá-lo em um documento do Word 2013, um botão é exibido ao final do texto com Opções de Colagem, como mostra a figura abaixo.

imagem-003.jpg

São funções oferecidas por esse menu, EXCETO:

  • A Manter a formatação original do texto, mais próxima possível da formatação exibida na página Web de origem.
  • B Mesclar a formatação do texto de origem com a formatação presente anteriormente no documento de destino, estabelecendo um meio-termo entre os dois formatos.
  • C Manter somente texto, ignorando a formatação original do texto na Web e utilizando exclusivamente a formatação presente anteriormente no documento de destino.
  • D Abrir a janela de Opções do Word, na seção “Avançado”, onde é possível definir a forma de colagem padrão para uso futuro.
  • E Definir a formatação do texto original da página Web como estilo padrão para o restante do documento.
20
No Excel, a célula definida como B12 refere-se à:
  • A Linha 13 Coluna B
  • B Linha B Coluna 12
  • C Linha 12 Coluna B
  • D Coluna 13 Linha B
21

As células de uma planilha eletrônica BrOffice.org Calc possuem os seguintes valores: A1=75, A2=95, A3=70, A4=75, A5=85.
Com base nessas informações, assinale a alternativa que apresenta a fórmula correta para o cálculo da média aritmética desses valores.

  • A =SOMA(A1:A5)
  • B = MÉDIA(A1:A5)
  • C = MAIOR (A1;A5)
  • D =SOMA(A1:A5/6)
  • E = MÉDIA(A1;A5)
22
A criação de um arquivo, a partir de um documento digitado no Word, é realizado através da caixa de diálogo denominada:
  • A novo
  • B editar
  • C arquivo
  • D salvar tudo
  • E salvar como
23
“Na secretaria de uma Universidade Federal, um computador é utilizado para digitar diversos tipos de declarações que são solicitadas pelos alunos.” Para transferir os documentos digitados para papel impresso, deve-se utilizar um dispositivo conhecido como: 
  • A Monitor.
  • B Scanner.
  • C Disco rígido.
  • D Impressora.
24

Um funcionário da PGM do Rio de Janeiro criou uma apresentação de slides no software Powerpoint 2007 BR. Após exibir na tela essa apresentação, ele resolveu salvá-la no disco rígido. Para isso, esse funcionário pode utilizar as opções , por meio de um atalho de teclado, e , através de uma tecla de função. Esses atalho de teclado e tecla de função são, respectivamente:

  • A Ctrl + B e F12
  • B Ctrl + B e F11
  • C Ctrl + S e F11
  • D Ctrl + S e F12
25

No que se refere ao Windows 7 Professional, assinale a opção que apresenta a combinação de teclas que permite minimizar todas as janelas que estejam abertas, exceto a janela ativa.

  • A Win Key + Home
  • B Win Key + L
  • C Win Key + Pause
  • D Alt + Tab
  • E Alt + Esc

Atualidades

26
“O atual presidente da Bolívia, ____________________, conquistou nova vitória nas eleições presidenciais deste ano; este é o seu terceiro mandato consecutivo à frente do governo. O atual presidente, de etnia indígena uru‐aimará, recebeu 60% dos votos contra 25% do segundo colocado, o empresário Samuel Doria Medina." Assinale a alternativa que completa corretamente a afirmativa anterior.
  • A Raúl Castro.
  • B José Mujica.
  • C Evo Morales.
  • D Nicolás Maduro.
27

. Em março de 2015, o Ministério da Saúde lançou novamente campanha de vacinação contra o vírus do HPV. A vacina é oferecida gratuitamente a meninas de 9 a 11 anos e protege contra os tipos mais letais do vírus.


(http://saude.ig.com.br/minhasaude/2015-03-11/

tire-suas-duvidas-sobre-a-vacina-contra-o-hpv.html. Adaptado)


Um dos objetivos dessa vacina é a

  • A redução dos agentes transmissores da Aids.
  • B criação de anticorpos para combater a leucemia.
  • C prevenção contra o câncer de colo do útero.
  • D diminuição dos casos fatais de câncer de mama.
  • E reposição de antígenos que combatem a influenza tipo A.
28

Em maio de 2014, ocorreu o 25° Prêmio da Música Brasileira, que homenageou o samba. Entre as categorias da premiação houve a de melhor cantora de samba, que foi vencida por:

  • A Alcione.
  • B Baby do Brasil.
  • C ZéliaDuncan.
  • D BethCarvalho.
  • E Maria Bethânia.
29

Em abril de 2013, a morte da ex-primeira-ministra britânica Margaret Thatcher despertou uma antiga polêmica em torno da principal figura política da Grã-Bretanha da década de 1980. Thatcher era fortemente criticada pelos

  • A trabalhadores porque sua política econômica gerou forte desemprego.
  • B ingleses porque ofereceu à Argentina parte das ilhas Malvinas.
  • C capitalistas porque instituiu várias leis que beneficiavam os trabalhadores.
  • D ingleses porque era abertamente contra a manutenção da realeza britânica.
  • E alemães e franceses porque se negava a receber imigrantes no país.
30

No mês de março de 2014, morreu um dos atores mais conhecidos da cena cultural brasileira. Com emblemáticas atuações no teatro, cinema e televisão, foi referência de toda uma geração. O nome, pelo qual esse ator ficou conhecido, é:

  • A Antonio Pitanga.
  • B DennisCarvalho.
  • C Caio Junqueira.
  • D PauloGoulart.
  • E Daniel Filho.
31

Juiz brasileiro que ganhou projeção nacional por sua atuação na Operação Lava Jato.

  • A Rodrigo Janot
  • B Eduardo Cunha
  • C Gilmar Mendes
  • D Sergio Moro
32

Em 8 de março deste ano, desapareceu um Boeing 777 com 239 pessoas a bordo. Em 17 de julho de 2014, caiu outro avião do mesmo tipo com 298 pessoas na Ucrânia.

Ambas as aeronaves eram de uma mesma companhia aérea do(a)__________________.

Assinale a alternativa que complete CORRETAMENTE a lacuna.

  • A Indonésia
  • B Argentina
  • C Malásia
  • D Singapura
33

Ao longo do último ano o governo federal tem criado várias medidas com o objetivo de reduzir os gastos. Um dos ajustes fiscais realizados na educação, no primeiro semestre de 2015, foi o corte de um programa de incentivo que visa ampliar o acesso ao ensino superior através do financiamento dos estudos nas faculdades particulares. Trata-se do programa conhecido como:

  • A FIES
  • B ENEM
  • C FNDE
  • D PROUNI
  • E PRONATEC
34

“A luta para acabar com a violência contra as mulheres, presente nas reivindicações desde os anos 1970, tem encontrado muitos obstáculos. Não têm faltado esforços nessa direção; estes, entretanto, esbarram em permanências culturais difíceis de modificar. [...] Mas, em 7 de agosto de 2006, foi sancionada a Lei da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher”.

[PEDRO, Joana. Mulheres. In: PINSK, Jaime (org.). O Brasil no Contexto: 1987 - 2007. São Paulo: Contexto, 2007. p. 174-175] 

O texto se refere a Lei: 

  • A Maria da Penha
  • B Daniella Perez (C) Carolina de Jesus
  • C Carolina de Jesus
  • D Carolina Dieckmann
35

A economia brasileira é gerida nacionalmente pelo Ministério da Fazenda, entre outras instituições como o Banco Central. O atual ministro da Fazenda do Brasil é:

  • A Edison Lobão.
  • B GuidoMantega.
  • C Antonio Patriota.
  • D AloizioMercadante.
  • E José EduardoCardozo.
Voltar para lista