Resolver o Simulado COPEVE-UFAL - Nível Fundamental

0 / 6

Administração Geral

1

Dadas as afirmativas abaixo quanto às vantagens da centralização,

I. As decisões são tomadas por indivíduos com visão global da empresa.
II. Os tomadores de decisão são mais experientes e capacitados.
III. As decisões são mais consistentes com o planejamento.

verifica-se que está(ao) correta(s)

  • A II, apenas.
  • B III, apenas.
  • C I e II, apenas.
  • D I e III, apenas.
  • E I, II e III.
2

Dadas as afirmativas abaixo quanto à natureza das organizações,

I. Organização é um conjunto de pessoas que trabalham juntas numa divisão de trabalho para atingir um objetivo comum.
II. O propósito de uma organização é contribuir com algo de valor para a sociedade, isto é, produzir bens ou serviços. As empresas grandes e pequenas que visam ao lucro fornecem bens e serviços, e as organizações sem fins lucrativos fornecem benefícios públicos, tais como assistência médica, educação, justiça e manutenção de estradas.
III. Uma organização que funciona bem atinge seu objetivo com os benefícios da sinergia, isto é, a criação de um todo maior do que a soma de suas partes.
IV. O gerente, também chamado supervisor, chefe de departamento, gerente geral, líder de equipe, coordenador, diretor de projeto, dentre outras possibilidades, é o principal ator de direção do trabalho que geralmente é realizado através do esforço de uma ou mais pessoas.

verifica-se que estão corretas

  • A I e II, apenas.
  • B I e IV, apenas.
  • C II e III, apenas.
  • D III e IV, apenas.
  • E I, II, III e IV.
3

Dadas as afirmativas abaixo quanto às funções da Administração,

I. O planejamento consiste em tomar decisões sobre objetivos e recursos necessários para realizá-los.
II. A coordenação consiste em harmonizar e dar sentido de sincronia na realização do trabalho.
III. A direção consiste em tomar decisões e agir para assegurar a realização dos objetivos.

verifica-se que está(ão) correta(s)

  • A II, apenas.
  • B III, apenas.
  • C I e II, apenas.
  • D I e III, apenas.
  • E I, II e III.
4

Para alcançar os objetivos organizacionais, a administração precisa constantemente tomar decisões com o intuito de realizar ações mais consistentes com as demandas ambientais. A qualidade na condução de uma organização está diretamente relacionada à qualidade das decisões tomadas por seus administradores. Nesse sentido, Herbert Simon entende que as decisões gerenciais estão sujeitas à racionalidade

  • A funcional.
  • B limitada.
  • C substantiva.
  • D total.
  • E absoluta.

Ética na Administração Pública

5

“Atualmente, a palavra ética tem aparecido com frequência nos noticiários. Numa definição formal, comportamento ético é aquele aceito como sendo moralmente “bom” ou “certo” num determinado caso, como oposto de “mau” ou “errado” numa certa condição”.
SCHERMERHORN JR, JOHN R. Fundamentos de Comportamento Organizacional. Porto Alegre: Bookman, 2007.

Com relação à citação acima, pode-se afirmar que

  • A a conduta ética na Administração Pública não perpassa por temas comuns à honestidade em comunicações e contratos, presentes e diversões, gorjetas, práticas de rescisão de contratação de serviços.
  • B responsabilidade social organizacional é uma faculdade da organização de agir de forma ética e moral como instituição social. Esse conceito sugere que os membros devem certificar-se de que seus esquemas éticos se estendem à organização como um todo.
  • C a visão dos direitos morais considera comportamento ético como aquele que respeita parcialmente os direitos fundamentais compartilhados por todos os seres humanos. Essa visão está fortemente ligada ao princípio dos direitos humanos básicos, como vida, liberdade e tratamento justo pela lei.
  • D a moral é uma situação na qual uma pessoa precisa decidir se vai fazer algo que, apesar de beneficiá-la ou à organização, ou a ambos, pode ser considerada antiética.
  • E a ética no serviço público decorre de três fatores: natureza do indivíduo, natureza do serviço executado e da relação do servidor com o público.
6

Segundo os Decretos números 1.171, de 22 de junho de 1994, e 6.029, de 1º de fevereiro de 2007, assinale a opção que apresenta a assertiva não condizente aos padrões éticos da Administração Pública Federal.

  • A A cortesia, a boa vontade, o cuidado e o tempo dedicados ao serviço público caracterizam o esforço pela disciplina. Tratar mal uma pessoa que paga seus tributos direta ou indiretamente significa causar-lhe dano moral. Da mesma forma, causar dano a qualquer bem pertencente ao patrimônio público, deteriorando-o, por descuido ou má vontade, não constitui apenas uma ofensa ao equipamento e às instalações ou ao Estado, mas a todos os homens de boa vontade que dedicaram sua inteligência, seu tempo, suas esperanças e seus esforços para construí-los.
  • B É dever fundamental do servidor público manter-se atualizado com as instruções, as normas de serviço e a legislação pertinentes ao órgão onde exerce suas funções.
  • C É vedado ao servidor público retirar da repartição pública, sem estar legalmente autorizado, qualquer documento, livro ou bem pertencente ao patrimônio público.
  • D Para fins de apuração do comprometimento ético, entende- se por servidor público todo aquele que, por força de lei, preste serviços de natureza permanente, temporária ou excepcional, ainda que sem retribuição financeira, desde que ligado direta ou indiretamente a qualquer órgão do poder estatal, como as autarquias, as fundações públicas, as entidades paraestatais, as empresas públicas e as sociedades de economia mista, ou em qualquer setor onde prevaleça o interesse do Estado. Estão excluídos dessa disciplina aqueles que prestem atividades para a administração direta e indireta por meio de contratos ou qualquer outra forma de ato jurídico.
  • E A moralidade da Administração Pública não se limita à distinção entre o bem e o mal, devendo ser acrescida da ideia de que o fim é sempre o bem comum. O equilíbrio entre a legalidade e a finalidade, na conduta do servidor público, é que poderá consolidar a moralidade do ato administrativo.
Voltar para lista