Resolver o Simulado Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) - FGV - Nível Médio

0 / 29

Matemática

1

Para executar um serviço de escavação, carga e transporte (ECT) de material de primeira categoria a uma distância média de 2.500 km, um engenheiro optou por utilizar uma equipe com tratores de esteiras, motoniveladoras, carregadeiras de pneus e caminhões basculantes de 16 m3 (20 t).

O volume total a ser escavado na área de empréstimo (corte) é de 8.400 m3 , o percentual de empolamento é de 20% e o grau de compactabilidade ou contração entre o material na jazida e o material compactado no aterro após o serviço de ECT é de 0,90.

Se cada caminhão fará 21 viagens, a quantidade de caminhões necessária é:

  • A 29;
  • B 30;
  • C 31;
  • D 32;
  • E 33.
2
Ana perguntou a seu marido Rafael: “Onde você vai trabalhar no dia do seu aniversário?
Rafael afirmou: “Se for sábado, trabalharei na secretaria.”
A negação lógica da afirmação de Rafael é
  • A Se não for sábado, trabalharei na secretaria.
  • B Se não for sábado, não trabalharei na secretaria.
  • C Se for sábado, não trabalharei na secretaria.
  • D Será sábado e trabalharei na secretaria.
  • E Será sábado e não trabalharei na secretaria.
3
Um professor deseja dividir um grupo de cinco alunos em dois grupos: um com dois alunos e o outro com três alunos. Dos cinco alunos, dois deles são especiais.
De quantas maneiras diferentes o professor pode fazer a divisão dos cinco alunos em dois grupos, de modo que cada grupo tenha um aluno especial?
  • A 3.
  • B 4.
  • C 5.
  • D 6.
  • E 10.
4
Um lojista ofereceu em uma liquidação um desconto de 30% sobre o preço de todas as mercadorias. No último dia da liquidação ele resolveu dar um novo desconto de 20% sobre os preços da liquidação.
Com esse novo desconto, uma mercadoria cujo preço antes da liquidação era de R$ 150,00 passou a ser vendida por:
  • A R$ 75,00;
  • B R$ 80,00;
  • C R$ 84,00;
  • D R$ 92,00;
  • E R$ 100,00.
5

Antônio comprou uma calça, uma camisa e um par de tênis e pagou por essas peças R$ 50,00, R$ 40,00 e R$ 150,00, respectivamente. Sobre os valores pagos, uma parte corresponde a impostos:

· 40% sobre o valor da calça;

· 35% sobre o da camisa; e

· 60% sobre o do par de tênis.

Se os impostos não fossem cobrados, Antônio pagaria pelo total de sua compra

  • A R$ 240,00.
  • B R$ 184,00.
  • C R$ 152,00.
  • D R$ 128,00.
  • E R$ 116,00
6
João tem 5 processos que devem ser analisados e Arnaldo e Bruno estão disponíveis para esse trabalho. Como Arnaldo é mais experiente, João decidiu dar 3 processos para Arnaldo e 2 para Bruno.
O número de maneiras diferentes pelas quais João pode distribuir esses 5 processos entre Arnaldo e Bruno é:
  • A 6;
  • B 8;
  • C 10;
  • D 12;
  • E 15.
7

Um fabricante de sucos de laranja fabrica dois tipos de sucos, os dois em embalagens de 500 mL.

O suco do tipo A é mais concentrado e cada embalagem tem 400 mL de laranja e 100 mL de água.

O suco do tipo B é menos concentrado e cada embalagem tem 200 mL de laranja e 300 mL de água.

O fabricante dispõe de 1000 litros de laranja e 1000 litros de água e pretende usar todo esse estoque na fabricação dos dois sucos.

A diferença entre o número de embalagens do tipo B e o número de embalagens do tipo A que ele vai fabricar é

  • A 2000.
  • B 1800.
  • C 1500.
  • D 1200.
  • E 1000.
8

Um atleta preparando-se para correr a maratona treina 3 horas todos os dias. Certo dia, o cronômetro mostrou que o atleta tinha treinado por 2,2 horas. Nesse momento, o número de minutos que faltavam para terminar o treinamento é

  • A 24
  • B 36
  • C 48
  • D 52
  • E 80
9

O corpo humano possui cerca de 50 bilhões de células e a população brasileira é de cerca de 200 milhões de habitantes.
A quantidade de células de toda a população brasileira é cerca de:

  • A 1016 ;
  • B 1017 ;
  • C 1018;
  • D 1019 ;
  • E 1020 .
10

O responsável por um grupo de 27 policiais, sendo 15 homens e 12 mulheres, deseja formar grupos de três policiais cada um para fazer o patrulhamento de uma determinada região. Ele deseja utilizar todos os policiais e quer que em cada grupo de três policiais haja pelo menos um homem e uma mulher. Assim, vai formar grupos de dois tipos: tipo H: 2 homens e 1 mulher; tipo M: 2 mulheres e 1 homem.

A diferença entre o número de grupos do tipo H e o número de grupos do tipo M é:

  • A 1
  • B 2
  • C 3
  • D 4
  • E 5

Geografia

11

No tratamento da água para uso público, dentre as características físicas e químicas, a dureza se refere:

  • A à concentração de patógenos na água;
  • B ao teor de nitrito na água;
  • C à soma de cátions multivalentes na água;
  • D à soma de substâncias tóxicas na água;
  • E ao teor de sedimentos na água.
12

A crescente inclusão de fontes de energia renováveis na matriz energética mundial é proveitosa para a humanidade sob diversos aspectos. Sob o aspecto socioeconômico, cada país ou região pode potencializar seus próprios recursos naturais. Sob o aspecto ambiental, as fontes alternativas geram impactos ambientais menores do que aqueles produzidos pelas fontes tradicionais.
Considerando o exposto, assinale a opção correta.

  • A O investimento em usinas hidrelétricas constitui uma importante alternativa pelo baixo impacto ambiental gerado.
  • B As usinas termonucleares são alternativas que se destacam sob o aspecto socioeconômico pelo baixo custo de implantação e de funcionamento.
  • C A energia eólica é a alternativa que mais tem crescido no mundo nos últimos dez anos porque provoca pequeno impacto ambiental
  • D As usinas geotérmicas constituem uma importante alternativa a ser aproveitada, potencialmente, no território brasileiro.
  • E A energia solar é a alternativa a ser explorada nos lugares de alta latitude, pela maior intensidade da radiação solar.
13

A regionalização do espaço mundial, ao agrupar os países, possibilita comparar as diferenças e as semelhanças entre eles, além de aspectos gerais e particulares, permitindo obter uma análise mais ampla do espaço mundial.



A regionalização, proposta no mapa, divide o mundo em duas regiões, utilizando como critério

  • A o tamanho do Produto Interno Bruto (PIB).
  • B o papel desempenhado na geopolítica mundial.
  • C a capacidade de inovação tecnológica.
  • D o nível de desenvolvimento socioeconômico.
  • E o potencial de atração de investimentos.
14

O conceito de território é utilizado de maneira bastante ampla tanto na ciência geográfica como na linguagem comum. Todavia, muitos autores vêm contribuindo para que este conceito seja definido melhor, discutindo os seus principais aspectos.
Sobre o conceito de território na Geografia, assinale a opção correta.

  • A O território é o resultado de um processo de classificação de unidades espaciais.
  • B O território é um conceito associado, exclusivamente, à escala dos estados nacionais.
  • C O território é o resultado das mudanças na morfologia do meio natural, ao longo do tempo.
  • D O território é um espaço definido e delimitado por e a partir de relações de poder.
  • E O território é definido pela apreciação estética do espaço a partir de uma longa vivência.
15

Nos trabalhos de manejo de bacias hidrográficas, duas determinações podem servir para o estabelecimento de intervenções adequadas: a descarga específica e a densidade de drenagem. Essas medidas são definidas, respectivamente, pela:

  • A vazão da bacia hidrográfica dividida pela área dessa bacia e pela razão entre o comprimento total dos canais e a área da bacia hidrográfica;
  • B vazão da bacia hidrográfica dividida pela extensão dos seus rios e pela razão entre a profundidade média dos canais e a área da bacia hidrográfica;
  • C vazão da bacia hidrográfica multiplicada pela área dessa bacia e pela razão entre o volume total dos canais e a área da bacia hidrográfica;
  • D extensão dos rios da bacia hidrográfica multiplicada pela vazão dessa bacia e pela razão entre a vazão total dos canais e a área da bacia hidrográfica;
  • E extensão do rio principal da bacia hidrográfica dividida pela vazão dessa bacia e pela razão entre a área total da bacia hidrográfica e a vazão dessa bacia.
16

Leia o fragmento a seguir.

“Segundo as OCEM, um professor(a) que queira estimular _____ de seus alunos, deverá desenvolver trabalhos que estimulem a capacidade de identificar as contradições que se manifestam espacialmente, decorrentes dos processos produtivos e de consumo.”
Assinale a opção que completa corretamente a lacuna do fragmento acima.

  • A as funções motoras.
  • B a competência técnica.
  • C o espírito crítico.
  • D o sentido de hierarquia.
  • E a capacidade de memorização.
17
O encerramento da Guerra Fria, com a simbólica queda do Mudo de Berlim, em 1989, forjou novas representações geopolíticas e acentuou a manifestação das novas ideologias.
Com relação à afirmativa acima, assinale a opção correta.
  • A A economia capitalista internacional passa a estruturar-se em torno do Sistema de Bretton Woods, que estabelece paridades fixas entre o dólar e o ouro.
  • B Os lideres nacionalistas de alguns países como a Iugoslávia, Egito e Indonésia criam o Movimento dos Países Não- Alinhados.
  • C O conflito Leste-Oeste se acirra e intensifica-se a cisão Norte- Sul com os movimentos de descolonização afro-asiáticas.
  • D A ideologia neoliberal favorece os investimentos externos, importantes para o crescimento das economias do leste e sudeste da Ásia e da América Latina.
  • E A hegemonia política das idéias nacionalistas desenvolvimentistas, que defendem uma maior interferência do Estado na economia.
18

As crianças possuem uma percepção inata das relações de proporção e localização. O trabalho dos docentes deve desenvolver a percepção natural das crianças desde os anos inicias di Ensino Fundamental. Daí a importância de estimular a confecção de desenhos por parte dos alunos. Para isso, o professor propõe a uma turma do 3º ano do Ensino Fundamental a seguinte atividade: desenhar a sala de aula vista de cima, ou seja, a partir do ponto de vista vertical.
O docente pretende, com essa atividade, introduzir o conteúdo de

  • A legenda.
  • B curva de nível.
  • C projeção cartográfica.
  • D coordenadas cartográficas.
  • E representação cartográfica.
19

Em ambientes lênticos, a Demanda Bioquímica de Oxigênio é um indicador importante para avaliar a integridade do sistema; ela informa sobre a quantidade de oxigênio:

  • A acumulado no tecido de macrófitas e outras plantas aquáticas;
  • B dissolvido na água, necessária para a decomposição da matéria orgânica existente;
  • C suficiente para acelerar o crescimento de comunidades patogênicas na água do solo;
  • D em tecidos de peixes e outros organismos aquáticos que servem como indicadores ambientais;
  • E necessária para reduzir as concentrações de substâncias tóxicas de ingestão.

Português

20

SEGURANÇA PÚBLICA: PROBLEMA DE TODOS, SOLUÇÃO TAMBÉM
Viva Rio, uol.com.br.

Muitos países sofrem com os altos índices de criminalidade e violência e com as dificuldades das instituições públicas para lidar com a situação. Na América Latina, esta é a realidade da maioria dos países que hoje vivem, em maior ou menor grau, processos de reestruturação de seus sistemas de segurança e justiça. A violência é a primeira entre as causas de morte no Brasil, Colômbia, Venezuela, El Salvador e México.

Repressão à violência é importante, mas é uma abordagem pontual que não incide sobre os fatores geradores de insegurança. As instituições policiais não podem, sozinhas, dar conta da segurança pública.

O fenômeno da violência e da criminalidade é extremamente complexo, multifacetado e dinâmico, exigindo uma abordagem integrada, multissetorial, que envolva a sociedade como um todo na busca de soluções efetivas e sustentáveis. Intervenções que acionem apenas as instituições policiais ou de justiça criminal, desarticuladas, não oferecem resultados duráveis, até porque o campo de ação destas instâncias sobre as possíveis causas do fenômeno é limitado.

Os efeitos cotidianos da violência e da criminalidade são sentidos, em primeiro lugar, pela comunidade e seus membros, seja sob a forma de eventos concretos, seja através da “sensação de insegurança". Para uma atuação preventiva, é preciso ouvir os atores locais. A participação comunitária é fundamental para a consolidação de uma verdadeira política pública.

Atuar preventivamente sobre fatores como a degradação ambiental, o desemprego, problemas de saneamento, iluminação pública e falta de opções de lazer, a chamada “prevenção primária", pode trazer benefícios efetivos para a Segurança Pública.

A opção correta sobre a estruturação do texto é:

  • A o primeiro parágrafo indica o problema do texto e suas possíveis soluções;
  • B o segundo parágrafo enumera os problemas da violência urbana;
  • C o terceiro parágrafo antecipa a solução do problema;
  • D o quarto parágrafo afasta a possibilidade de intervenção da comunidade;
  • E o último parágrafo corrige uma informação anteriormente dada.
21
A EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO


A comunicação é uma arma poderosa na batalha cotidiana pela queda dos números de acidentes, servindo ao mesmo tempo como instrumento de educação e conscientização. Campanhas de mobilização pelo uso de cinto de segurança, das práticas positivas na direção, da não utilização de bebidas alcoólicas ao dirigir, do uso da faixa de pedestres, entre outras, são comprovadamente eficientes. É crescente a preocupação com o ensino dos princípios básicos do trânsito desde a infância e ele pode acontecer no espaço escolar, com aulas específicas, ou também nos ambientes especialmente desenvolvidos para o público infantil nos departamentos de trânsito. Com a chegada do Código Brasileiro de Trânsito (CBT), em 1998, os condutores imprudentes passaram a frequentar aulas de reciclagem, com o propósito de reeducação.
Como se vê, alguma coisa já vem sendo feita para reduzir o problema. Mas há muito mais a fazer. A experiência mundial mostra que as campanhas para alertar e convencer a população, de forma periódica, da necessidade de obedecer regras básicas de trânsito, não são suficientes para frear veículos em alta velocidade e evitar infrações nos semáforos. O bolso, nessas horas, ajuda a persuadir condutores e transeuntes a andar na linha. A Capital Federal é um exemplo de casamento bem- sucedido entre comunicação de massa e fiscalização. Um conjunto de ações foi responsável por significativa queda no número de vítimas fatais do trânsito na cidade. O governo local, a partir da década de 1990, adotou uma série de medidas preventivas. Foram veiculadas campanhas de conscientização, foi adotado o controle eletrônico de velocidade e foi implementado o respeito às faixas de pedestres. Essas providências, associadas a promulgação do novo Código de Trânsito, levaram a uma expressiva redução nos índices de mortalidade por 10 mil veículos em Brasília - de 14,9 em 1995 para 6,4 em 2002. Nesse período, apesar do crescimento da frota de 436 mil para 469 mil veículos, o número de mortes por ano caiu de 652 em 1995 para 444 em 2002.
Foi um processo polêmico. O governo foi acusado de estar encabeçando uma indústria de multas, devido ao grande número de notificações aplicadas. Reclamações à parte, o saldo das ações se apresentou bastante positivo. Recentemente as estatísticas mostram que o problema voltou a se agravar. O número de vítimas fatais de acidentes no trânsito passou de 444 em 2002 para 512 em 2003. Pesquisas do DETRAN apontam que um dos principais motivos desse aumento e o uso de álcool por motoristas.

(Pedro Ivo Alcantara. www.ipea.gov.br)



"A experiência mundial mostra que as campanhas para alertar e convencer a população, de forma períodica, da necessidade de obedecer regras básicas de trânsito, não são suficientes para frear veículos em alta velocidade e evitar infrações nos semáforos” .

A partir desse segmento do texto, é correto deduzir que

  • A outras medidas, além das atuais, devem ser tomadas.
  • B devemos modificar as campanhas já realizadas.
  • C a experiência mundial não está adaptada ao nosso problema.
  • D a readaptação dos defeitos nos semáforos deve ser intensificada.
  • E as campanhas atuais não apresentam qualquer utilidade.
22

Assinale a opção que indica o segmento que se situa na linha do gerativismo linguístico.

  • A "No estudo gramatical estamos voltados para os morfemas e seus arranjos".
  • B "É tarefa da linguística descrever estes princípios de ordenação da forma mais abrangente e concisa possível"
  • C "A gramática inclui duas subdivisões convenientes: a morfologia, ou a descrição das combinações mais íntimas dos morfemas; e a sintaxe, ou descrição das combinações maiores, envolvendo como unidades básicas, as combinações descritas na morfologia da língua”.
  • D "Estudar a linguagem humana consiste em estudar determinadas propriedades da mente humana, radicadas em última instância na organização biológica da espécie”
  • E "Os nossos primeiros objetivos são: segmentar o corpus de material - ou seja, dividi-lo em porções, cada uma das quais represente um único morfema, e classificar estes segmentos conjuntamente em morfemas".
23
Texto 2 - Exigências da vida moderna

Dizem que todos os dias você deve comer uma maçã por causa do ferro. E uma banana pelo potássio. E também uma laranja pela vitamina C. Uma xícara de chá verde sem açúcar para prevenir a diabetes.
Todos os dias deve-se tomar ao menos dois litros de água. E uriná-los, o que consome o dobro do tempo.
Todos os dias deve-se tomar um Yakult pelos lactobacilos (que ninguém sabe bem o que é, mas que aos bilhões, ajudam a digestão). Cada dia uma Aspirina, previne infarto. Uma taça de vinho tinto também. Uma de vinho branco estabiliza o sistema nervoso. Um copo de cerveja, para... não lembro bem para o que, mas faz bem. O benefício adicional é que se você tomar tudo isso ao mesmo tempo e tiver um derrame, nem vai perceber.
(Luiz Fernando Veríssimo)

Ao começar o texto pela forma verbal “Dizem...", o autor do texto 2 indica que:

  • A desconhece os autores das indicações dadas a seguir;
  • B não deseja identificar os responsáveis pelos conselhos dados;
  • C não participa das mesmas opiniões veiculadas no texto;
  • D atribui as opiniões dadas a uma voz geral;
  • E condena as indicações dadas sem responsabilidade de autoria.
24

No preenchimento de um  formulário  foi pedida  a  residência de  um cidadão. 

Nesse caso, ele deve informar

  • A o nome completo.
  • B o local de nascimento.
  • C o país onde reside.
  • D o estado onde trabalha.
  • E o endereço onde mora.
25

Texto 1

Cabeça nas nuvens

Quando foi convidado para participar da feira de educação da Microsoft, Diogo Machado já sabia que projeto desenvolver.

O estagiário de Informática da Escola Estadual Professor Francisco Coelho, em Cachoeiro de Itapemirim (ES), estava cansado de ouvir reclamações de alunos que perdiam arquivos no computador. Decidiu criar um sistema para salvar trabalhos na própria internet, como ele já fazia com seus códigos de programação. Dessa forma, se o computador desse pau, o conteúdo ficaria seguro e poderia ser acessado de qualquer máquina. A ideia do recém-formado técnico em Informática se baseava em clouding computing (ou computação em nuvem), tecnologia que é aposta de gigantes como Apple e Google para o armazenamento de dados no futuro.

Em três meses, Diogo desenvolveu o Escola na Nuvem (escolananuvem.com.br), um portal em que estudantes e professores se cadastram e podem armazenar e trocar conteúdos, como o trabalho de Matemática ou os tópicos da aula anterior. As informações ficam em um disco virtual, sempre disponíveis para consulta via web.

Texto 1

Cabeça nas nuvens

Quando foi convidado para participar da feira de educação da Microsoft, Diogo Machado já sabia que projeto desenvolver.

O estagiário de Informática da Escola Estadual Professor Francisco Coelho, em Cachoeiro de Itapemirim (ES), estava cansado de ouvir reclamações de alunos que perdiam arquivos no computador. Decidiu criar um sistema para salvar trabalhos na própria internet, como ele já fazia com seus códigos de programação. Dessa forma, se o computador desse pau, o conteúdo ficaria seguro e poderia ser acessado de qualquer máquina. A ideia do recém-formado técnico em Informática se baseava em clouding computing (ou computação em nuvem), tecnologia que é aposta de gigantes como Apple e Google para o armazenamento de dados no futuro.

Em três meses, Diogo desenvolveu o Escola na Nuvem (escolananuvem.com.br), um portal em que estudantes e professores se cadastram e podem armazenar e trocar conteúdos, como o trabalho de Matemática ou os tópicos da aula anterior. As informações ficam em um disco virtual, sempre disponíveis para consulta via web.

(Extraído da Revista Galileu, nº 241)

O segmento do texto em que o vocábulo que tem classe diferente das demais é:

  • A “Diogo Machado já sabia que projeto desenvolver".
  • B “ouvir reclamações de alunos que perdiam arquivos".
  • C “tecnologia que é aposta de gigantes como a Apple".
  • D “um portal em que estudantes e professores se cadastram".
  • E “dados que seriam necessários no futuro".
26

Os problemas do trânsito no mundo

Marisa Diniz

Atualmente o maior desafio das grandes cidades ao redor do planeta é o trânsito. O crescimento desnorteado das cidades, o mau planejamento, a falta de investimentos em infraestrutura e transporte público vêm colaborando para o aumento da circulação de veículos, e consequentemente tem agravado o problema de congestionamento nos grandes centros urbanos.
Em algumas cidades o horário do rush é sempre incerto, pois o volume de veículos é sempre elevado em todos os horários. Algumas soluções para o problema seria o investimento em meios de transportes alternativos, mas que muitas vezes são deixados de lado por falta de recursos necessários ou projetos defasados.
A bicicleta, apesar de ser o meio de transporte mais viável aos grandes centros urban os, nem sempre acaba sendo o melhor e mais eficiente. Cidades onde não há investimentos em ciclovias, sinalizações propícias, educação de trânsito e falta de segurança acabam sendo um perigo e não uma solução.
A solução mais rápida a ser tomada é investir em transporte público de qualidade com várias opções a fim de diminuir o volume de veículos nas principais vias de acesso aos centros. Investimentos estes que poriam fim aos congestionamentos em horários de grande fluxo de veículos e que proporcionariam um atrativo aos usuários de veículos.


As palavras abaixo que estão em correta ordem ortográfica são:

  • A coberta – coabitar – cocheira;
  • B coabitar – cocheira – coberta;
  • C cocheira – coberta – coabitar;
  • D coberta – cocheira – coabitar;
  • E coabitar – coberta – cocheira.
27
Perfume de mulher hoje, no SBT

Um estudante, atendendo a um anúncio, vai trabalhar como acompanhante de um coronel. De um coronel cego. De um coronel cego e inflexível. De um coronel cego, inflexível e aventureiro. De um coronel cego, inflexível, aventureiro e, no momento, em crise. De um coronel cego, inflexível, aventureiro, no momento em crise – mas que dança tango maravilhosamente bem. Faça como Chris O'Donnell, o estudante do filme. Atenda a esse anúncio. Assista a Tela de Sucessos hoje, às nove e meia da noite, no SBT. E descubra um coronel cego, inflexível, aventureiro, no momento em crise, que dança tango maravilhosamente bem e que ainda por cima tem a cara do Al Pacino.


(JB, 19 de setembro de 1997)


De um coronel cego, inflexível, aventureiro e, no momento, em crise".
O momento aludido no segmento sublinhado é

  • A o momento da enunciação do texto.
  • B o momento das ações narradas.
  • C o momento de leitura do texto.
  • D o momento da observação do filme.
  • E o momento da dança do personagem.
28
A EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO


A comunicação é uma arma poderosa na batalha cotidiana pela queda dos números de acidentes, servindo ao mesmo tempo como instrumento de educação e conscientização. Campanhas de mobilização pelo uso de cinto de segurança, das práticas positivas na direção, da não utilização de bebidas alcoólicas ao dirigir, do uso da faixa de pedestres, entre outras, são comprovadamente eficientes. É crescente a preocupação com o ensino dos princípios básicos do trânsito desde a infância e ele pode acontecer no espaço escolar, com aulas específicas, ou também nos ambientes especialmente desenvolvidos para o público infantil nos departamentos de trânsito. Com a chegada do Código Brasileiro de Trânsito (CBT), em 1998, os condutores imprudentes passaram a frequentar aulas de reciclagem, com o propósito de reeducação.
Como se vê, alguma coisa já vem sendo feita para reduzir o problema. Mas há muito mais a fazer. A experiência mundial mostra que as campanhas para alertar e convencer a população, de forma periódica, da necessidade de obedecer regras básicas de trânsito, não são suficientes para frear veículos em alta velocidade e evitar infrações nos semáforos. O bolso, nessas horas, ajuda a persuadir condutores e transeuntes a andar na linha. A Capital Federal é um exemplo de casamento bem- sucedido entre comunicação de massa e fiscalização. Um conjunto de ações foi responsável por significativa queda no número de vítimas fatais do trânsito na cidade. O governo local, a partir da década de 1990, adotou uma série de medidas preventivas. Foram veiculadas campanhas de conscientização, foi adotado o controle eletrônico de velocidade e foi implementado o respeito às faixas de pedestres. Essas providências, associadas a promulgação do novo Código de Trânsito, levaram a uma expressiva redução nos índices de mortalidade por 10 mil veículos em Brasília - de 14,9 em 1995 para 6,4 em 2002. Nesse período, apesar do crescimento da frota de 436 mil para 469 mil veículos, o número de mortes por ano caiu de 652 em 1995 para 444 em 2002.
Foi um processo polêmico. O governo foi acusado de estar encabeçando uma indústria de multas, devido ao grande número de notificações aplicadas. Reclamações à parte, o saldo das ações se apresentou bastante positivo. Recentemente as estatísticas mostram que o problema voltou a se agravar. O número de vítimas fatais de acidentes no trânsito passou de 444 em 2002 para 512 em 2003. Pesquisas do DETRAN apontam que um dos principais motivos desse aumento e o uso de álcool por motoristas.

(Pedro Ivo Alcantara. www.ipea.gov.br)



"Foi um processo polêmico. O governo foi acusado de estar encabeçando uma indústria de multas, devido ao grande número de notificações aplicadas".

A polêmica referida tinha como polos opostos:

  • A multas somente para arrecadar X multas como veiculo educativo.
  • B autoridades corruptas X autoridades compromissadas com a educação.
  • C grande número de notificações X pouco dinheiro arrecadado.
  • D multas em excesso X infrações em número exorbitante.
  • E muitas multas aplicadas X pouco efeito educativo.
29

Texto 1 – Mandamentos do consumismo I

   A publicidade cerca-nos de todos os lados - na TV, nas ruas, nas revistas e nos jornais – e força-nos a ser mais consumidores que cidadãos. Hoje, tudo se reduz a uma questão de marketing. Uma empresa de alimentos geneticamente modificados pode comprometer a saúde de milhões de pessoas. Não tem a menor importância, se uma boa máquina publicitária for capaz de tornar a sua marca bem aceita entre os consumidores. Isso vale também para o refrigerante que descalcifica os ossos, corrói os dentes, engorda e cria dependência. Ao bebê-lo, um bando de jovens exultantes sugere que, no líquido borbulhante, encontra-se o elixir da suprema felicidade.

   A sociedade de consumo é religiosa às avessas. Quase não há clipe publicitário que deixe de valorizar um dos sete pecados capitais: soberba, inveja, ira, preguiça, avareza, gula e luxúria. Capital significa cabeça. Ensina meu confrade Tomás de Aquino (1225-1274) que são capitais os pecados que nos fazem perder a cabeça e dos quais derivam inúmeros males.

   A soberba faz-se presente na publicidade que exalta o ego, como o feliz proprietário de um carro de linhas arrojadas ou um portador de cartão de crédito que funciona como a chave capaz de abrir todas as portas do desejo. A inveja faz as crianças disputarem qual de suas famílias tem o melhor veículo. A ira caracteriza o nipônico quebrando o televisor por não ter adquirido algo de melhor qualidade. A preguiça está a um passo dessas sandálias que convidam a um passeio de lancha ou abrem as portas da fama com direito a uma confortável casa com piscina. A avareza reina em todas as poupanças e no estímulo aos prêmios de carnês. A gula, nos produtos alimentícios e nas lanchonetes que oferecem muito colesterol em sanduíches piramidais. A luxúria, na associação entre a mercadoria e as fantasias eróticas: a cerveja espumante identificada com mulheres que exibem seus corpos em reduzidos biquínis. (Frei Betto, 08/05/2011)

O enunciador de um determinado texto possui certas características específicas do gênero textual; assim o enunciador de um texto publicitário tem:
  • A um saber a fazer conhecer;
  • B um conhecimento a ensinar;
  • C uma realidade a prever;
  • D um interesse a defender;
  • E uma regra a estabelecer.
Voltar para lista