Resumo de Biologia - Proteína

A proteína é uma macromolécula formada por cadeias lineares de aminoácidos. É o segundo principal componente do corpo humano, depois da água, e o principal da célula, podendo ter vários tipos e funções no organismo.

As proteínas são formadas pela ligação sequencial de vinte aminoácidos, e dependendo da sua função no organismo, podem ser dinâmicas ou estruturais.

São muito importantes para o organismo, pois são fornecedoras de material, tanto para a construção como para a manutenção dos órgãos e tecidos.

Tipos de proteínas do corpo humano

A proteína é classificada em dois grupos, de acordo com a função que ela exerce no organismo. Ela pode ser:

  • Proteína dinâmica: é a responsável pela defesa do organismo, pelo transporte das substancias e a catálise de reações, além de controlar o metabolismo.
  • Proteína estrutural: é a responsável pela estruturação das células e dos tecidos. São exemplos desse tipo de proteína o colágeno, que é encontrado na pele, nos ossos e na cartilagem, e a queratina, encontrada no cabelo, na pele e nas unhas.

Veja um pouco mais sobre o tema no vídeo:

Além disso, as proteínas também podem ser:

  • Transportadoras: responsáveis pelo transporte de moléculas tanto para dentro como para fora da célula.
  • Reguladoras: regulam as atividades metabólicas do organismo.
  • De defesa (anticorpos): atuam no sistema imunológico, protegendo o organismo de vírus e bactérias.
  • Catalizadoras: aceleram e facilitam as reações químicas que acontecem no interior das células.
  • Estruturais: promovem a sustentação estrutural dos tecidos no organismo.
  • Contráteis: possibilitam a contração nas fibras dos músculos.

Função no organismo

As proteínas participam de muitos processos biológicos do corpo humano. Veja algumas das suas principais funções:

  • Atuam na regularização dos hormônios do corpo;
  • Quando encontradas na membrana plasmática, servem como receptoras, liberando os sinais para a célula desempenhar as suas funções vitais;
  • São catalizadoras das reações químicas que acontecem no organismo, por conta do seu poder enzimático;
  • Elas se encontram em vários fluidos produzidos pelo corpo, como o leite materno e o esperma, por exemplo;
  • Ajudam na construção de vários tecidos do corpo humano;
  • Auxiliam no transporte de substâncias como o oxigênio;
  • Presente nos alimentos, fornecem através deles energia para o corpo;
  • São essenciais no sistema de defesa do organismo, combatendo vírus e bactérias através dos anticorpos.

Importância da proteína para a saúde

A proteína é muito importante para o funcionamento do corpo humano. Ela age de maneira construtora e reguladora, além de auxiliar na formação de enzimas, hormônios e anticorpos.

Ao ingerir a proteína, ela é quebrada no processo de digestão e depois absorvida pelas células, que a quebra novamente, transformando-a em aminoácido.

A proteína é importante na construção de partes essenciais do organismo humano, como músculos, hormônios, tecidos, pele e cabelo.

Também ajuda na produção de neurotransmissores e anticorpos, na reposição do gasto energético das células e no transporte de substâncias para o corpo, além de atuar no metabolismo energético e na contração muscular. O seu consumo é imprescindível, pois ela é uma grande aliada na conquista por uma vida saudável.

Os alimentos ricos em proteína ajudam na prevenção do aumento de peso, já que dão mais trabalho ao organismo na digestão. Sem o consumo devido de proteína, corre-se o risco de se tornar deficiente de alguns aminoácidos, resultando em baixa energia, dificuldade na construção de massa muscular, falta de concentração e de memória, mudanças no humor, mudanças nos níveis de açúcar do sangue, além da dificuldade na manutenção ou perda de peso.

A ingestão diária recomendada é de 0,8 gramas por quilo da pessoa. Uma pessoa que pesa 60 kg, por exemplo, deve consumir 48 gramas de proteína. O ideal é procurar um nutricionista, para adequar o consumo de proteína e outros alimentos à sua rotina e necessidades específicas.

Assim como baixo consumo pode trazer danos à saúde, o consumo excessivo da proteína pode trazer consequências para o fígado e os rins, além do entupimento das artérias e aumento do colesterol ruim, devido ao acúmulo de gordura. O uso exagerado também pode fazer com que o corpo perca água além do normal, e prejudicar o funcionamento do coração.

Alimentos ricos em proteína

A proteína pode ser encontrada em alimentos tanto de origem animal, como de origem vegetal. As de origem vegetal são consideradas incompletas porque possuem baixa quantidade de aminoácidos essenciais, ou seja, aqueles aminoácidos que o corpo não é capaz de produzir. As de origem animal, por sua vez, são consideradas completas, por possuírem todos os aminoácidos essenciais.

Veja alguns exemplos de alimentos onde essa fonte de energia é encontrada:

  • Carne de frango;
  • Carne de vaca;
  • Leite e seus derivados (queijo, iogurte);
  • Peixes;
  • Ovo;
  • Soja;
  • Tofu;
  • Feijão;
  • Grão de bico;
  • Lentilhas.

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, as proteínas estão presentes em diversos alimentos, e não somente na carne de animais. Uma pessoa vegetariana, por exemplo, pode encontrar a substância em alimentos como grãos e oleaginosas.

Voltar

Questões