Resumo de História - Idade Moderna

Idade Moderna foi uma das maneiras que os historiadores encontraram para dividir a história da humanidade. Esse período teve início com a queda do Império Bizantino e a tomada da cidade de Constantinopla pelo Império Turco-Otomano, em 1453. O seu final ocorreu com a Revolução Francesa, em 1789.

Nesse período, ocorreram grandes transformações, revoluções e mudanças na mentalidade ocidental, tanto com relação às questões econômicas, como científicas, sociais e religiosas, que balizaram o sistema capitalista.

Principais acontecimentos da Idade Moderna

Dentre os principais acontecimentos que marcaram a Idade Moderna pode-se destacar:

  • As Grandes Navegações;
  • O Renascimento;
  • A Reforma Religiosa;
  • O Absolutismo;
  • O Iluminismo;
  • Início da Revolução Francesa.

As Grandes Navegações

Foi um período da história em que os europeus se lançaram em navegações no Oceano Atlântico. Esse sistema de navegações foi liderado pelos portugueses e, um tempo mais tarde, foi também colocado em curso pelos espanhóis e por outros países da Europa. Essas navegações renderam a descoberta de vários locais até então nunca explorados pelos europeus e a chegada ao continente americano em 1492.

Os portugueses foram os primeiros a realizarem essas expedições porque tinham condições políticas, comerciais e geográficas específicas. Esse movimento resultou também na chegada dos europeus ao continente americano em 1492. Em 1500, os portugueses chegaram ao Brasil e começaram a colonização da América Portuguesa.

O Renascimento

O Renascimento foi um movimento de ordem artística, cultural e científica que se deflagrou na passagem da Idade Média para a Moderna. Em um quadro de transformações delicadas que não tinham nada a ver com o conjunto de valores apregoados pelo pensamento medieval, o Renascimento exibiu um novo grupo de temas e interesses aos meios científicos e culturais da época.

A Reforma Religiosa

Os processos religiosos que resultaram na reforma religiosa do século XVI começaram desde a Idade Média, através dos teólogos John Wycliffe e Jan Huss. Esses movimentos chegaram a ser contidos, entretanto, na Inglaterra e na Boêmia, os ideais reformistas continuaram por razões ocultas às tendências que fizeram romper a revolta religiosa na Alemanha.

No início do século XVI, a Igreja passava por uma fase difícil. A comercialização de cargos eclesiásticos e indulgências, além do enfraquecimento das influências papais pelo prestígio crescente dos soberanos europeus, que muitas vezes atuavam diretamente nas decisões da Igreja, propiciaram o surgimento do movimento reformista.

O Absolutismo

O Absolutismo foi uma forma de governo que predominou durante a Idade Moderna, no qual o poder é concentrado nas mãos de apenas uma pessoa, o rei.

Ele foi um método de governo que direcionou o poder, ao mesmo tempo em que os cidadãos eram excluídos das decisões. Nesse sistema, o rei podia estabelecer leis, decretos, impostos, escolher seus funcionários e militares, além de tomar várias decisões em relação ao estado e também à religião. No absolutismo, o povo não era consultado, o que valia era a decisão dos monarcas.

O Iluminismo

O Iluminismo foi um grupo que surgiu contra o absolutismo e outros costumes que apareceram na Inglaterra, na França e na Holanda no decorrer da Idade Moderna. A finalidade do movimento era trocar o aspecto teocêntrico da Europa, que se espalhou durante a Idade Média, por uma perspectiva mais racional.

O pensamento dos filósofos iluministas era levar luz às trevas nas quais a sociedade se encontrava, rodeada de questões e conceitos religiosos.  Essa nova interpretação levava uma liberdade tanto na área política, quanto na econômica. Segundo eles, o homem não podia evoluir, e com o iluminismo ele seria capaz de apurar cientificamente e procurar por respostas sobre perguntas que anteriormente somente eram respondidas através da fé.

Início da Revolução Francesa

O fim da Idade Moderna foi marcado pela Revolução Francesa, que foi um movimento social e político ocorrido na França em 1789, e que destruiu o Antigo Regime, abrindo espaço para uma sociedade moderna com a formação do Estado democrático.

Economia na Idade Moderna

Depois do progresso comercial desde o século XV, o crescimento populacional, o aumento das cidades e o avanço de manufaturas, foi natural a superação da Idade Média. Dessa forma, foi criado um sistema comercial que está no centro do capitalismo: o mercantilismo.

As colônias no ultramar tinham um rigoroso sistema de monopólio organizado principalmente pela necessidade de que as rotas comerciais passassem pela metrópole. Com a expansão marítima foi possível restabelecer os alicerces econômicos da Europa.

Os meios econômicos mais utilizados foram a prática do Metalismo, onde a riqueza de um reino era baseada na quantidade de metais preciosos que este detinha.

Os Pactos Coloniais definiam as relações entre a metrópole e a colônia.

Linha do tempo

Veja as principais ocorrências que surgiram no período da Idade Média em ordem cronológica:

  • 1453- Tomada de Constantinopla pelo império Turco-Otomano.
  • 1455 a 1485- Guerra das Duas Rosas na Inglaterra.
  • 1479- Criação da Monarquia Nacional Espanhola.
  • 1492- Cristóvão Colombo chega à América. Espanhóis chegam ao continente americano.
  • 1492- Os espanhóis conquistaram Granada e puseram fim ao domínio da Espanha pelos mouros muçulmanos.
  • 1500- Chegadas dos portugueses ao Brasil, liderados por Pedro Álvares Cabral (Descobrimento do Brasil).
  • 1517- Início da Reforma Protestante começou na Alemanha.
  • 1519-1522- Fernão de Magalhães comandou a primeira viagem ao redor do mundo.
  • 1526- Baber, um governante muçulmano, conquistou a Índia e estabeleceu o Império Mogol.
  • 1532- Francisco Pizarro invadiu o Peru, iniciando a conquista espanhola do império inca.
  • 1588- A marinha real da Inglaterra derrotou a armada espanhola e consolidou a posição da Inglaterra como grande potência naval.
  • 1613- Miguel Romanov tornou-se czar da Rússia e iniciou o domínio de 300 anos da Rússia pelos Romanov.
  • 1644- Os manchus conquistaram a China e estabeleceram seu governo que durou até 1912.
  • 1688- A Revolução Gloriosa derrubou Jaime II da Inglaterra.
  • 1763- O Tratado de Paris pôs fim à Guerra dos Sete Anos na Europa e à guerra entre franceses e índios na América do Norte.
  • 1776- As 13 colônias inglesas da América do Norte assinaram a Declaração de Independência.
  • 1789- Início da Revolução Francesa.
Voltar

Questões