Resumo de Matemática - Balança Comercial

A balança comercial faz referência à diferença entre exportações e importações de um país por determinado período e serve como parâmetro comparativo entre os países tornando- se indicador para a análise da economia. Ou seja, é um conjunto do que é exportado e importado entre as nações.

  • Exportação é a comercialização de bens, produtos e serviços de um país para outro;
  • Importação consiste na entrada de bens, produtos e serviços de outro país para outro de referência.

Balança comercial desfavorável

Isso pode ocorrer quando um país tem maior número de importação de bens e serviços do que exportação, acarretando em alta valorização da produção feita no exterior.

Uma das consequências disso é a colaboração para que a moeda local seja desvalorizada em relação à moeda estrangeira.

Balança comercial favorável

Ocorre quando determinado país tem mais exportação dos produtos do que importação. Significa que o produto nacional está valorizado em comparativo com o estrangeiro. Torna-se um atrativo para a moeda estrangeira, fortalecendo a economia do país e, consequentemente, gerando empregos.

Reconhecendo os registros comerciais

A balança pode ser registrada em três formas:

Déficit: é quando as importações do país superam as exportações. É o saldo negativo da balança, ou seja, o país gasta mais do que vende durante certo período;

Superávit: ocorre quando as exportações são maiores do que as importações. É o saldo positivo da balança comercial, isto é,  há mais entrada de dinheiro do que saída;

Equilíbrio comercial: é quando o número de exportações e importações tornam-se semelhantes em números.

Para descobrir o saldo da balança comercial é preciso subtrair o valor das importações do valor das exportações. Se o resultado for positivo, então o saldo é favorável, mas se for negativo é desfavorável.

Saldo da balança comercial= Exportações – Importações

O resultado da divisão entre o total de exportações e importações demonstra o índice da taxa de cobertura do país, ou seja, a porcentagem que o valor das exportações paga as importações. Ela é importante para classificar o estágio de independência ou dependência comercial de cada país.

Principais aspectos

Alguns fatores influenciam diretamente no saldo da balança comercial. Entre eles podemos citar:

Nível da renda da economia nacional: quando o país tem condições de produzir e entregar esses produtos ao mercado.

Nível de renda da economia mundial: é quando o mundo vivencia um bom momento econômico. Em consequência, as importações crescem e o país que vende determinados produtos também.

Taxa de câmbio: ocorre quando a moeda local é igual ou vale mais que a moeda estrangeira, com isso os produtos importados inclinam- se ao barateamento no mercado internacional.

Protecionismo: remete a quantidade de taxas que o país coloca nos produtos, tornando-os menos atrativos para determinado mercado por conta dos altos preços. 

A balança comercial e o PIB

O Produto Interno Bruto (PIB) é o volume expressivo de tudo que foi produzido ou comercializado no país em determinado espaço e tempo.

Podemos dividir em quatro partes básicas: investimentos privados, consumo das famílias, gastos do governo e saldo das transações com o exterior. Dessa maneira, por exemplo, quando o consumo privado aumenta, a economia do país tende a crescer já que mais capital foi injetado.

Do mesmo modo quando existe melhoria do saldo da balança comercial afetando positivamente o valor das transações com o exterior. Isso reflete favoravelmente sobre a economia, pois mais recursos entram no país pelas exportações.

Ou seja, quando aumenta a produção e exportação de um país, seu PIB acompanha esse crescimento, e quando suas exportações passam por declínio sucede na queda.

Geralmente os países subdesenvolvidos costumam exportar produtos primários resultantes de atividades econômicas da agricultura, extrativismo e pecuária. Já os países desenvolvidos exportam produtos de alto custo como medicamentos, eletrônicos, automóveis, etc.

A economia do Brasil

As informações sobre balança comercial no Brasil são publicadas pelo Comércio Exterior e Serviços (MDIC) e pelo Ministério da Indústria, semanalmente e mensalmente. Também é possível consultar as mesmas informações dos estados e municípios.

Estima-se que o país exporta mais produtos do que importa, então a balança comercial se mantém em superávit para a economia no Brasil. São os maiores compradores das mercadorias brasileiras: China, Estados Unidos, Argentina e Alemanha.

Os principais produtos exportados são:

  • Petróleo bruto;
  • Minério de ferro;
  • Soja e derivados;
  • Máquinas;
  • Carnes;

Em contrapartida, o Brasil importa de outros países produtos como:

  • Combustíveis;
  • Equipamentos industriais;
  • Equipamentos eletrônicos.
Voltar

Questões