Resumo de Biologia - Alimentos de origem animal

Os alimentos de origem animal estão presente no cardápio alimentar da maioria das pessoas. São alimentos que têm em sua composição algum derivado de animal, a exemplo de leite, ovos, carne e mel.

Tipos de alimentos de origem animal

O consumo dos alimentos de origem animal pode ser feito de forma direta, ou seja, consumido de forma natural. Exemplo: quando a pessoa bebe o leite natural da vaca, como também pode ser realizado de forma indireta, quando a pessoa prepara um bolo com esse leite. Veja os benefícios dos principais alimentos de origem animal.

Ovos

O ovo é considerado o segundo alimento mais completo do mundo pela maioria dos especialistas em nutrição, ficando atrás apenas do leite materno. Isso se deve ao fato da grande quantidade de estudos realizados acerca desse alimento.

Segundo estudo publicado em 2008 pelo jornal Nutrition and Metabolism, o ovo é capaz de oferecer ótimos benefícios a saúde do ser humano, pois tem ação anti-inflamatória; promove o aumento do HDL, chamado de colesterol “bom”; diminui o níveis de insulina no sangue e ainda auxilia no emagrecimento.

O ovo possui em sua composição: ácidos graxos saturados; ácidos graxos insaturados; 20 tipos de aminoácidos; 14 minerais; 12 vitaminas; e carotenoides (substâncias que conferem cor aos alimentos).

O ovo pode ser consumido cozido, frito, misturado a receitas, entretanto, o seu consumo apenas não é indicado cru, já que pode conter a presença da bactéria salmonela e causar sérias complicações ao organismo, a exemplo da salmonelose ou infecção intestinal.

Carnes

Um dos alimentos de origem animal com maior quantidade de proteína é a carne. As carnes podem ser de suínos, peixes, bovinos e aves. Dessa forma, pode ser dividida em dois tipos:

Carne vermelha: de origem bovina, a carne vermelha é rica em gorduras, sódio, ferro e uma grande quantidade de proteínas. Mas, por outro lado, o seu consumo excessivo pode ser prejudicial à saúde, pois eleva os níveis de colesterol, além de aumentar as chances de câncer e doenças cardiovasculares.

Carne branca: é o tipo de carne encontrada nas aves e peixes. Por ter uma quantidade menor de gordura, é considerada a mais saudável pela maioria dos especialistas.

Ela apresenta em sua composição substâncias essenciais para a saúde do corpo humano, como o ômega 3 e 6, que auxiliam no combate a doenças cardiovasculares e cerebrais, vitaminas e sais minerais.

Mel

Dos alimentos de origem animal, o mel é um dos mais consumidos, pois, além de doce, está presente em diversas receitas, podendo, inclusive, substituir o açúcar. É produzido naturalmente pelas abelhas a partir do néctar das flores e armazenado nas colmeias.

O mel é fonte de carboidratos, potássio, sódio, magnésio, ferro, fósforo, manganês, cobalto, cobre e alguns outros minerais. O potássio auxilia no controle da pressão arterial, sendo um ótimo alimento para as pessoas que têm hipertensão. Já o carboidrato lhe dá a condição de uma ótima fonte de energia.

Além disso, ajuda no controle da dor de garganta e previne doenças cardiovasculares. Entre os muitos benefícios que o mel oferece para o corpo, tem ação antioxidante e prebiótica (responsável pela manutenção da microbiana intestinal), que estimula o crescimento e a atividade de micro-organismos bons, bem como auxilia no controle da diarreia e constipação.

Leites e derivados

Dentre os alimentos de origem animal, o leite também é um dos alimentos mais consumidos entre os humanos. Proveniente das glândulas mamárias dos mamíferos, a exemplo da vaca e da cabra, o leite é rico em cálcio, substância fundamental para a saúde dos ossos e dentes.

O leite da vaca é o tipo mais consumido. Além do cálcio, que é o mineral de maior proporção encontrado na sua composição, é rico em ferro, potássio, magnésio, fósforo, selênio, zinco, carboidratos, proteínas e vitaminas importantes, como A, B12 e D.

Quanto ao controle e prevenção de doenças, as substâncias presentes no leite auxiliam no tratamento contra a osteoporose, artrite, artrose, diabetes do tipo 2, hipertensão, problemas respiratórios e ainda é um bom aliado para quem quer perder peso.

Algumas pessoas não gostam de consumir o leite na forma natural (líquido), por isso optam por ingerir essas vitaminas através dos alimentos derivados, a exemplo do queijo, manteiga, iogurte, coalhada, etc.

 Veja mais alguns benefícios do leite:

Cuidados

É importante lembrar que os alimentos de origem animal, quando mal manipulados, podem ser contaminados e causar complicações ao organismo do ser humano.  Por esse motivo, os alimentos considerados perecíveis devem ser consumidos dentro do prazo indicado.

Em busca do controle, órgãos sanitários realizam inspeções regularmente nos supermercados, pois esses produtos  devem ser comercializadosa penas se tiverem a autorização da vigilância sanitária.

Além do prazo de validade, esses alimentos precisam estar armazenados da forma correta, a fim de evitar contaminação por bactérias externas. Assim, alguns cuidados podem ser tomados para evitar que isso aconteça, como:

  • Refrigerar bem as carnes;
  • Depois de aberto, armazenar o leite na geladeira e consumi-lo após 3 dias;
  • Cozinhar bem os ovos;
  • O mel tem um prazo de validade bem extenso, mas também deve ser guardado em um local arejado para evitar o mofo.
Voltar

Questões