Câmara Municipal de Caruaru - PE - Analista Legislativo - Comunicação Social (2015) Questão 38

Leia o fragmento a seguir.

“(...) no tratamento das notícias desenvolveu-se uma oposição consistente entre comunicação e informação. Comunicação passou a se aplicar às formas de ‘fabricar os fatos’, de criar notícias, de seduzir jornalistas para fatos originalmente não-jornalísticos mas suficientemente atraentes para cativá-los e transformá-los em notícia. (...) Eles se valem de estratégias sofisticadas para levar material de imprensa a jornalistas para que estes o “comprem”, isto é , o desenvolvam e publiquem. Em contrapartida, a informação seria aquilo que os jornalistas buscam por si mesmos, que não ganham de graça, que dá trabalho e que se torna notícia pela sua própria natureza”

(Adaptado. Marcondes Filho, Ciro. 2002:107)

Com base no fragmento acima, assinale a afirmativa correta.

  • A A comunicação está em crise, pois os jornais estão sem verba para investir em equipes de repórteres investigativos que levam muito tempo para produzir suas matérias.
  • B A comunicação tem como fonte serviços de imprensa internos às empresas e instituições que fornecem gratuitamente a notícia angulada de acordo com o interesse do informante.
  • C A comunicação traz riscos para os profissionais que se dedicam à denúncia de escândalos e negociatas envolvendo empresas e órgãos públicos.
  • D A comunicação trabalha a partir de dados brutos, a serem analisados pelos jornalistas, que precisam encontrar uma relação lógica entre eles antes de publicá-los.
  • E A comunicação é conflitiva e, pela divulgação das matérias, apuradas pelos jornalistas em diversas fontes, pode estimular o surgimento do novo e a transformação social.