Prefeitura Municipal de Santa Luzia - Professor - Língua Portuguesa (2019) Questão 37

Na obra Ensino de Português e Linguística, Juliana Bertucci Barbosa discute contribuições da fonologia para uma compreensão dos desvios de escrita cometidos por alunos. A autora aborda alguns fenômenos, como os que seguem:


A propósito desses e de outros fenômenos pertinentes à relação “fala/escrita”, assinale a alternativa que apresenta uma concepção equivocada por parte do professor de português.

  • A É preciso ter em conta não só a existência da interferência da língua falada na produção de textos escritos, mas também a necessidade de se considerar que a presença de desvios da escrita como marca da oralidade é um processo natural pelo qual a criança passa.
  • B A problemática da escrita infantil se relaciona à disparidade de informações às quais os alunos são expostos durante o período de alfabetização e letramento, ora em contato com a variante popular, ora com a variante padrão.
  • C A existência da variação (e da mudança) na língua falada, que dificilmente tem repercussões na escrita, constitui noção secundária para que sejam trabalhados os obstáculos dos alunos no que se refere à escrita.
  • D Para analisar as dificuldades dos alunos, deve-se passar a relativizar a dicotomia “certo/errado”, proveniente da tradição normativa, e considerar outras explicações, como as provenientes das teorias linguísticas.