Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IF-MA) - Nível Médio (2019) Questão 22



Na Serra da Barriga, em sua encosta oriental, viveram, sessenta e sete anos, os negros livres dos Palmares.

Tinham fugido de várias fazendas, engenhos, cidades e vilas, reunindo-se, agrupando-se derredor dos chefes, fundando uma administração, um Estado autônomo, defendido pelos guerreiros que eram, nas horas de paz, plantadores de roças e criadores de gado.

Elegiam, vitaliciamente, um Zumbi, o Senhor da força militar e da lei tradicional.
Não havia ricos, nem pobres, nem furtos, nem injustiças.

(CASCUDO, Luís da Câmara. A morte de Zumbi. In: Lendas brasileiras. 8ed. São Paulo: Global, 2002. P. 45)


Considerando a forma verbal “havia” em “Não havia ricos”, é possível dizer, segundo a norma padrão, que

  • A a concordância verbal está correta já que o verbo haver é impessoal.
  • B a forma verbal “havia” deve ir para o plural “haviam” a fim de concordar com “ricos”, sujeito da frase.
  • C conforme a variedade padrão, a forma verbal “havia” deve, obrigatoriamente, ser substituída pela forma verbal “tinha”.
  • D o sujeito da forma verbal “havia” está implícito, o que justifica o uso no singular.
  • E o verbo haver, no sentido de existir, quando antecedido de uma partícula de negação fica no singular.

Encontre mais questões

Voltar