Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IF-MA) - Nível Médio (2019) Questão 2

TEXTO 01
Aves de Bom jardim

    No mês de junho (melhor mês do ano), no interior do maranhão, homens e crianças compartilham o mesmo sonho de poder voar pelos céus, cortando os ares como um pássaro. Esse sonho é reduzido em uma brincadeira que deixa o céu de minha cidade colorido como um arco-íris.
    Pássaros de todas as cores e tamanhos sendo controlados pela meninada. Aves que voam sobre as casas acabam acidentadas em fios de energia, que por acidente acabam enfeitando todas as ruas. São tantos! Todos bem enfeitados com fitas, sedas e sacolas, conduzidos pelos seus criadores que entram em uma bela disputa onde o mais afiado corta outro e é capturado pelo oponente. São poucos que conseguem permanecer uma hora no ar, restando os melhores pássaros que desfilam vitoriosos sobre a cidade.
    E quando, de repente, aparece um bando de crianças correndo, sem parar, de cara para cima e suas mães gritando: - Volta aqui, meninoooo! Não fique preocupado! É apenas mais uma ave sem rumo, guiada pelo vento que perdeu uma batalha. 
    Realmente não há brincadeira melhor do que empinar uma pipa com seu melhor amigo e sair correndo por aí, nos céus de Bom Jardim.

(Autor: Rivaldo dos Santos da Silva, aluno do Curso de Logística, IFMA Campus Santa Inês. Texto produzido para Olimpíada de Língua Portuguesa, 2016, em versão integral). 


Sob o ponto de vista do registro linguístico, qual razão justifica o uso de linguagem coloquial no TEXTO:

  • A O teor regionalista da narrativa, que representa a vivência local da personagem.
  • B O caráter de narrativa breve, com foco na primeira pessoa do discurso.
  • C A natureza figurativa da Fábula, como descrito no enunciado “pássaros de todas as cores”.
  • D O estilo poético, presente desde o título “Aves de Bom Jardim”.
  • E A finalidade comunicativa do texto: produção para uma Olimpíada de Língua Portuguesa.