Fundação Hospitalar Getúlio Vargas (FHGV) - Médico ginecologista e obstetra (2019) Questão 43

Uma paciente de 25 anos de idade, primigesta, com 32 semanas e dois dias de gestação, procurou o serviço de emergência, referindo que, há uma semana, apresentara perda de grande quantidade de líquido pela vagina, não procurando atendimento por pensar que se tratava de urina e, há dois dias, iniciara quadro febril, sendo que hoje observou a saída de secreção fétida por via vaginal. Ao exame, bom estado geral, pressão arterial de 100 x 60 mmHg, temperatura axilar de 39 ºC, AU de 29 cm e BCF de 180 bpm. No exame especular, saída de secreção purulenta. Ao toque, colo pérvio para 2 cm e apresentação cefálica. Cardiotocografia padrão tranquilizador.

Com base nesse caso hipotético, assinale a alternativa que apresenta a melhor conduta para a paciente.

  • A cesariana imediata devido ao quadro sugestivo de sofrimento fetal crônico
  • B cesariana imediata devido ao quadro de corioaminionite
  • C internação, corticoterapia para maturação pulmonar, antibiótico de amplo espectro e indução do parto
  • D internação, indução do parto e uso de antibiótico de amplo espectro
  • E internação, corticoterapia para maturação pulmonar, antibiótico de amplo espectro e cesariana após duas doses de corticoide

Encontre mais questões

Voltar