Fundação Hospitalar Getúlio Vargas (FHGV) - Médico intensivista (2019) Questão 40

Uma paciente de oitenta anos de idade deu entrada no pronto‐socorro, referindo “batedeira” no peito, sudorese, desconforto torácico, tontura, dispneia e um episódio de síncope prévio. Tinha história de tabagismo, hipertensão arterial sistêmica, fibrilação atrial permanente, dislipidemia e angina estável. Fazia uso de enalapril, amiodarona, metoprolol e sinvastatina. Seus sinais vitais à admissão eram: frequência cardíaca irregular; pressão arterial de 100 x 80 mmHg; saturação de oxigênio de 89% em ar ambiente; e frequência respiratória de 25 irpm. Realizou o eletrocardiograma de doze derivações mostrado a seguir.

Com base nessa situação hipotética, assinale a alternativa que apresenta a melhor conduta a ser tomada de acordo com o padrão identificado na letra C do eletrocardiograma.

  • A sulfato de magnésio 1 a 2 mg IV, podendo ser repetido 0,5 a 1 mg, em sessenta segundos, caso não haja reversão do quadro
  • B cloreto de potássio 10% 20 mL em 250 mL de SF 0,9% + gluconato de cálcio 10% 10 mL em 100 mL de SF 0,9% em dez minutos
  • C sulfato de magnésio 1 a 2 mg IV, podendo ser repetido 0,5 a 1 mg em sessenta segundos, + amiodarona 300 mg IV caso não haja reversão do quadro
  • D gluconato de cálcio 10% 10 mL em 100 mL de SF 0,9% em dez minutos + amiodarona 300 mg IV
  • E cloreto de potássio 10% 20 mL em 250 mL de SF 0,9% + amiodarona 300 mg IV

Encontre mais questões

Voltar