Questão 2 do Concurso Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo - Piauí (SESCOOP- PI) - Analista Contábil (2017)

Leia o texto com atenção para resolver a questão.

Entre a vaidade e a gula

    As festas de fim de ano e as férias de verão trazem consigo um curioso paradoxo. Afinal, enquanto as ceias de Natal e reveillon nos acenam com várias tentações gastronômicas, o mês de janeiro geralmente exige uma boa forma física para podermos enfrentar a praia ou o campo com mais desenvoltura.
     Por isso, é preciso ligar o sinal de alerta já em dezembro, uma vez que os muitos compromissos sociais da temporada geralmente trazem mesas repletas de guloseimas que podem resultar naqueles indesejáveis quilinhos a mais ou no aumento das taxas de colesterol e glicose.
    Os médicos recomendam cuidados especiais tanto em dezembro quanto em janeiro. Se a pessoa passou o ano todo sem se exercitar, a atenção deve ser redobrada. Todo mundo sabe que ninguém se transforma em atleta de uma hora para a outra, sem correr alguns riscos. Por isso mesmo é preciso ir com calma ao pote das academias de ginástica e não radicalizar na prática esportiva, seja no campo, na praia ou mesmo em casa.
     O ideal em dezembro é optar por uma alimentação menos gordurosa, evitando a mistura de bebidas e o excesso de doces. Comer vagarosamente e ingerir muita água também fazem parte da estratégia da quebra de calorias.
     Em janeiro, assim como em qualquer outro mês do ano, é recomendável não abusar do sol, principalmente depois das 10h. Sombra e água fresca podem ser uma boa combinação para quem deseja descansar o corpo e a mente sem retornar à rotina mais cansado que de costume.
     Também na praia ou no campo, é preciso estar alerta quanto à alimentação, optando por pratos mais leves e bebidas de baixo teor alcóolico. Também a hidratação pode representar uma arma poderosa na desintoxicação do corpo.

Revista Bem Viver, dez. 2011.



Os compromissos de dezembro só não são:

  • A aborrecidos.
  • B etílicos.
  • C sociais.
  • D gastronômicos.