Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia - Ceará (IF-CE) - Técnico de Laboratório - Mecânica (2017) Questão 46

Os sistemas de injeção flex e gasolina dos veículos contam com os mesmos sensores e atuadores. “As diferenças do modelo flex são a centralina, o software, a partida a frio e o sensor de nível do reservatório de gasolina para partida a frio”. Seu funcionamento é realizado por meio da centralina, responsável por definir a quantidade de gasolina injetada no motor, de acordo com a proporção de álcool acumulada no tanque. O sistema é baseado no desbandamento da sonda lambda, que tem um centro de funcionamento definido. A(s) solução(ões) das montadoras, para implementar o sistema flex, foi(foram)
  • A taxa de compressão intermediária, sistema de partida a frio, sensor lógico. A central eletrônica do motor analisaria a qualidade da queima através da concentração de oxigênio dos gases de escape, novos sensores.
  • B sistema de partida a frio, sensor lógico. A central eletrônica do motor analisaria a qualidade da queima através da concentração de oxigênio nos gases de escape.
  • C injetoras de combustível com ampla faixa de vazão, taxa de compressão intermediária, sistema de partida a frio, sensor lógico. A central eletrônica do motor analisaria a qualidade da queima através da concentração de oxigênio nos gases de escape.
  • D injetoras de combustível com ampla faixa de vazão, taxa de compressão intermediária, sistema de partida a frio, sensor na linha do combustível.
  • E somente o sensor da linha de combustível.

Encontre mais questões

Voltar