Polícia Militar do Estado de São Paulo (PM-SP) - Tecnólogo de Administração (2013) Questão 100

Ficar entre os mais votados e ainda assim não ser eleito. Ter até sete vezes mais votos do que um rival, mas perder a cadeira na câmara municipal para ele. Mais do que hipóteses, são fatos. Em Recife, o terceiro candidato mais votado de 2012, com 13 661 votos, não ganhou um mandato, enquanto outro, com 4 205, garantiu sua entrada no Legislativo da capital pernambucana. A situação se repete em São Paulo: um candidato fez 22 198 votos e não se elegeu, enquanto outro entrou com 8 722.

(noticias.terra.com.br, 10.10.2012. Adaptado)

As situações descritas no fragmento ocorreram porque

  • A a quantidade de votos nulos e brancos definiu o percentual de cadeiras que deixaram de existir nos municípios mencionados.
  • B não basta a votação obtida por um candidato individualmente, pois é necessário considerar o somatório obtido por seu partido ou coligação.
  • C o quociente eleitoral para a definição dos vereadores obedece às mesmas regras para a eleição de prefeitos, deputados e senadores.
  • D os candidatos com menos votos pertencem a partidos menores e sem coligação ou que não se destacaram pelo voto nas respectivas legendas.
  • E os grandes partidos foram beneficiados nessas eleições, uma vez que a legislação permite apenas coligações para cargos majoritários.

Encontre mais questões

Voltar