Questão 40 do Concurso Prova COPS - UEL - 2017 - UEL - Vestibular (2017)

Analise a figura e leia o texto a seguir.



(Disponível em:

<https://i.pinimg.com/originals/6f/8a/ce/6f8ace021e7a85edf7f 3cd280db6d185.jpg>. Acesso em: 1 set. 2017.)


Estou sentada nos ombros de um homem

Ele está afundando sob o fardo (peso)

Eu faria qualquer coisa para ajudá-lo

Exceto descer de suas costas

(Disponível em: <http://www.aidoh.dk/new-struct/About-JensGalschiot/CV-GB-PT.pdf>. Acesso em: 1 set. 2017.)


Com a obra intitulada A sobrevivência dos mais gordos, Jens Galschiot (2002) aborda o tema da injustiça, uma questão constitutiva da vida social de difícil solução, como indica o texto que acompanha a obra. O entendimento que uma sociedade produz sobre o que se considera justo e injusto está fundado em padrões de valoração a respeito da conduta dos indivíduos e dos objetivos comuns da coletividade, bem como em sua estrutura social. Pode-se considerar que uma das expressões da justiça ou injustiça é a estratificação social, objeto de estudo de Max Weber.

Segundo o autor, na sociedade moderna ocidental, a estratificação social é

  • A estruturada fundamentalmente na base econômica da sociedade, que subordina as esferas política, jurídica e ideológica de modo a perpetuar a exploração da classe dominante sobre a dominada.
  • B formada pelas dimensões econômica, política e ideológica, as quais estabelecem entre si relações necessárias que devem ser desvendadas com a descoberta de suas leis gerais invariáveis.
  • C constituída em três dimensões, a econômica, a política e a social, sendo que suas possíveis afinidades eletivas devem ser analisadas à luz de cada especificidade histórica em questão.
  • D composta por múltiplas dimensões, sendo a cultura a determinante para a compreensão totalizante dos processos históricos de desenvolvimento econômico no Ocidente.
  • E estabelecida pela moral social, a qual situa o posicionamento dos indivíduos de acordo com os papéis sociais por eles cumpridos, tendo em vista o melhor desempenho das funções necessárias à sociedade.