Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) - Fonoaudiólogo (2020) Questão 40

Na intervenção fonoaudiológica em quadro de criança com desvio fonológico, podem ser utilizadas teorias linguísticas com o enfoque terapêutico no planejamento e na reorganização fonológica, como propõe o modelo terapêutico denominado de “Modelo de Oposições múltiplas”, que se refere

  • A a intervenção fonológica na qual a criança é confrontada com vários sons simultaneamente, dentro de um inventário fonológico alterado, a fim de reduzir os homônimos da fala.
  • B a intervenção com dois procedimentos básicos: estimulação que engloba audição, podendo usar pistas táteis e visuais, e a produção do som a fim de criar imagens sinestésicas e auditivas e o autocontrole.
  • C ao aprendizado do traço distintivo ou da combinação de traços de dificuldades, para desenvolver capacidade de transpor a noção aprendida para outros fonemas que compartilham do mesmo traço.
  • D ao estabelecimento de projeções de aprendizagem dos traços na ampliação dos inventários fonológicos de crianças com restrições severas e seus sistemas de contrastes.
  • E à promoção de mudanças no sistema fonológico pelo desenvolvimento e utilização da consciência metafonológica, maximizando as oportunidades de aprendizagem oferecidas à criança.

Encontre mais questões

Voltar