Fundação Hospitalar Getúlio Vargas (FHGV) - Médico intensivista (2019) Questão 49

A embolia pulmonar é uma causa de internação em unidade de terapia intensiva bastante frequente ou ainda uma condição de complicação dos pacientes assistidos. Na medida em que ocorre o progresso médico, o número de situações que predispõem ao tromboembolismo aumenta, uma vez que os doentes graves são submetidos a períodos prolongados de repouso no leito e a procedimentos invasivos. Com relação à embolia pulmonar, assinale a alternativa correta.

  • A O escore de Weells é um dos mais utilizados para determinação de gravidade na embolia pulmonar.
  • B Síncope, hipotensão arterial/choque, taquicardia, dispneia e cianose são achados clínicos sugestivos de embolias submaciças.
  • C As alterações no eletrocardiograma mais específicas na embolia pulmonar são aquelas em que estão presentes sinais da sobrecarga aguda do VE.
  • D A angiotomografia computadorizada helicoidal é o método padrão‐ouro para o diagnóstico de embolia pulmonar.
  • E O D‐dímero possui alto valor preditivo negativo, sendo então útil especialmente para a exclusão do diagnóstico.

Encontre mais questões

Voltar