Questão 40 do Concurso Universidade Estadual de Goiás (UEG) - Professor - Nível Superior (2018)

Observe a tabela a seguir.


OLIVEIRA, H. A. A população de Goiás na transição da mineração para a pecuária (1804). In. História Revista: pós-graduação em História da UFG, v. 21, n. 1, 2006, p. 157.


A tabela citada é uma amostra, em nível local, da dinâmica populacional goiana, na primeira metade do século XIX, indicando uma situação de

  • A deslocamento populacional de mineiros para, principalmente, o Sul de Goiás, intensificando a ocupação de terras agriculturáveis.
  • B casamentos endógamos, o que é explicado pela prática cultural comum em Goiás de escolher cônjuges com alguma ligação consanguínea.
  • C dinamismo econômico, com intensa circulação de produtos, pessoas entre os arraiais goianos, contrariando a visão de lugar atrasado e decadente.
  • D relevância tardia do bandeirantismo na demografia goiana, explicando a presença de vários nubentes procedentes de cidades paulistas.
  • E predomínio do escravismo, uma vez que, após a crise aurífera, a maioria dos escravos goianos eram procedentes de Minas Gerais.