Questão 56 do Concurso Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) - Engenheiro Mecânico (2020)

É indiscutível a importância do conhecimento e domínio do Sistema Internacional de Unidades (SI). Converter unidades é uma necessidade constante na Engenharia e considera-se uma habilidade básica do engenheiro.

A fim de reduzir ruído e outros problemas, uma bomba centrífuga do sistema de bombeamento de uma das clínicas de um hospital foi colocada em um andar inferior, onde há outras máquinas. Para evitar certos transtornos técnicos, a pressão de saída da bomba deve ser monitorada. Foi sugerido o acoplamento de uma mangueira ao bocal de saída da bomba, a fim de levar o sinal da pressão efetiva a um manômetro com tubo em “U”, instalado na clínica, em uma altura de 5 metros entre o bocal de saída da bomba e o nível esquerdo (E) do líquido manométrico da figura. O ramal esquerdo do tubo em U possui diâmetro igual a 3 vezes o diâmetro do ramal direito e a medida da parte horizontal do tubo não é dada. O fluido manométrico (M) possui peso específico igual a 80 kN/m3 e a substância líquida bombeada (L) possui peso específico igual a 20 kN/m3 .



Apesar da importância do Sistema Internacional de Unidades (SI), a prática industrial revela que muitas unidades de medida antigas ainda são utilizadas, como aquelas do antigo sistema MKS, por exemplo, sendo relativamente comum a necessidade de conversão. Supondo um momento em que a pressão efetiva real no bocal de saída da bomba fosse igual a 136 kPa, seria correto afirmar que, se um manômetro metálico com dupla escala estivesse acoplado no bocal, indicaria, em kgf/cm2 e em mmHg, respectivamente, os valores
Dado: Peso específico do Mercúrio = 136000 N/m3

  • A 1,36 e 1000.
  • B 1,36 e 1.
  • C 0,136 e 1000.
  • D 13,6 e 0,1.
  • E 136 e 1.