Secretaria de Estado da Educação de Santa Catarina (SED-SC) - Professor - Sociologia (2015) Questão 18

A sociedade divide-se em classes, e para que uma classe possa se tornar sujeito histórico, ou seja, guia da sociedade, deve tornar-se classe dirigente.

Sobre o neo-marxismo na Itália é correto afirmar, exceto:
  • A Antônio Labriola (1843-1904) foi estudioso e difusor do marxismo na Itália. Aluno de Spaventa, em Nápoles, e depois professor em Roma, autor da obra Do materialismo histórico (1897), Labriola não nega a tese central do materialismo histórico, ou seja, a tese da primariedade da estrutura econômica sobre a superestrutura das ideias.
  • B Para Gramsci o materialismo histórico é fundamental. A alma do marxismo não é o método dialético. O materialismo histórico permite compreender as contradições sociais, as situações concretas em que vivem homens concretos.
  • C Antônio Gramsci (1891-1937), o mais original pensador marxista italiano, esteve, em 1921, entre os fundadores do partido comunista.
  • D Labriola procura acentuar a distinção entre marxismo e positivismo.
  • E Em poucas palavras, "a supremacia de um grupo social - escreve Gramsci - manifesta-se de dois modos, como domínio e como direção intelectual e moral".

Encontre mais questões

Voltar