Questão 28 do Concurso Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) - Fonoaudiólogo (2020)

Para a avaliação e o diagnóstico do distúrbio fonológico, a literatura aponta a avaliação complementar com provas aplicadas sem equipamentos e, dentre elas, a diadococinesia oral, que é utilizada para

  • A verificar se a criança é estimulável à produção de um determinado som ausente de seu inventário fonético.
  • B medir a capacidade de alternar ações musculares diametralmente opostas, tais como na rápida produção de sílabas.
  • C controlar a ocorrência de pausas, minimizando a influência da formulação da linguagem na velocidade e refletindo melhor a performance dos mecanismos motores de produção de fala.
  • D verificar a programação fonológica e sugerir um sistema instável que pode restringir a ampliação do inventário fonético.
  • E medir, de forma não invasiva, a variação da resistência elétrica entre dois eletrodos colocados sobre a cartilagem tireóidea.