Universidade de Pernambuco (UPE) - Advogado (2019) Questão 84

O Art. 128 do Código Civil brasileiro prevê que “sobrevindo a condição resolutiva, extingue-se, para todos os efeitos, o direito a que ela se opõe; mas, se aposta a um negócio de execução continuada ou periódica, a sua realização, salvo disposição em contrário, não tem eficácia quanto aos atos já praticados, desde que compatíveis com a natureza da condição pendente e conforme aos ditames de boa-fé.” Contudo, considerando que foi inserida no negócio jurídico uma condição resolutiva absolutamente impossível, pode-se afirmar que o(a)
  • A negócio jurídico é inválido.
  • B negócio jurídico é anulável.
  • C condição é inexistente.
  • D condição é nula.
  • E condição é anulável.

Encontre mais questões

Voltar