Secretaria da Educação do Estado de São Paulo - Supervisor de Ensino (2019) Questão 46

Leopoldo e Mercedes, supervisores de ensino do sistema estadual paulista, reuniram, num só grupo, os diretores das escolas públicas de seus setores de supervisão, para interpretar as diretrizes da Secretaria Estadual da Educação relativas à atribuição de aulas. Os trabalhos consistiram em leitura compartilhada, entremeada com esclarecimentos, discussão de casos trazidos pelos supervisores e debate a partir de dúvidas apresentadas pelos diretores. A respeito da atribuição de aulas, de acordo com as diretrizes da Secretaria, os diretores de escola entenderam que o correto é

  • A convencer, com antecedência, os professores mais experientes em alfabetização a escolherem, na sua vez, as classes dos três anos iniciais.
  • B zelar pelo rigor na classificação do professor, a qual é soberana, para que, na sua vez, ele escolha a classe ou as aulas que desejar.
  • C seguir orientações específicas para atribuir as classes dos três anos iniciais do ensino fundamental.
  • D atribuir um ponto aos professores cujos alunos tiveram notas altas nas avaliações externas, anteriores à atribuição, favorecendo sua classificação para a escolha de classes e aulas, na escola.
  • E atribuir as classes e aulas de EJA – Educação de Jovens e Adultos, apenas, para compor Jornada e Carga Suplementar, de titulares de cargo, mas nunca para ampliar jornada dos mesmos.