Prefeitura Municipal de Morro Agudo - Cirurgião-Dentista - Buco-Maxilo-Facial (2020) Questão 58

Os tori mandibulares são protuberâncias ósseas na face lingual da mandíbula que ocorrem geralmente na região de pré-molares. Após a remoção dos dentes inferiores e antes da construção de uma prótese total ou parcial, pode ser necessária a remoção dos tori mandibulares para facilitar a confecção da prótese.
Sobre as cirurgias pré-protéticas nesse caso, é correto afirmar:

  • A quando os tori têm pequena base pediculada, não é indicado uso de martelo nem de osteótomo para clivá- los junto à face medial da mandíbula. Além disso, é extremamente importante assegurar-se que a direção inicial do corte da broca esteja perpendicular à face medial da mandíbula, a fim de evitar uma fratura desfavorável da cortical lingual ou inferior
  • B deve-se fazer uma incisão sobre a crista do rebordo, estendendo-se de 2 a 3 cm além dos limites dos tori a serem reduzidos.
  • C quando os tori bilaterais são removidos simultaneamente, é melhor retirar também a faixa de tecido inserida à linha média, entre os limites anteriores das duas incisões. A permanência desse tecido inserido pode provocar a formação de hematoma na área anterior do assoalho da boca.
  • D assim como os tori maxilares, a mucosa sobre os tori linguais é muito espessa e deve ser descolada com força para expor toda a área do osso a ser removida.
  • E os bloqueios bilaterais dos nervos ligual e alveolar inferior proporcionam anestesia adequada para a remoção dos tori mandibulares.

Encontre mais questões

Voltar