Banco do Nordeste do Brasil S.A. - Analista Bancário (FGV - 2014) Questão 42



"A Convenção das Nações Unidas para o Combate à Desertificação (UNCCD) conceitua desertificação como o processo de degradação das terras em regiões áridas, semiáridas e subúmidas secas, em decorrência de fatores como ação antrópica e mudanças climáticas. Essa degradação é a perda ou redução da produtividade econômica ou biológica dos ecossistemas secos, causadas pela erosão do solo, deterioração dos recursos hídricos e perda da vegetação natural".

CIRILO, José Almir, "Políticas públicas de recursos hídricos para o semiárido" in Estudos Avançados, 2008, vol.22, n.63, p. 68.

Com base nas informações fornecidas, analise as afirmativas a respeito do impacto climático desse processo no semiárido brasileiro.

I. Entre as áreas do Nordeste afetadas pelo processo de desertificação encontram-se o "núcleo de Seridó", na região centro-sul do Rio Grande do Norte e centro-norte da Paraíba; o "núcleo de Irauçuba" no noroeste cearense; o "núcleo de Gilbués" no Piauí e o de Cabrobó em Pernambuco.
II. As mudanças climáticas globais em curso geram, na região semiárida brasileira, aumento da temperatura e da evaporação nos corpos d'água e consequente redução do volume neles escoado, além de concentração do período chuvoso em menor espaço de tempo, com redução da precipitação.
III. O semiárido brasileiro apresenta situações difíceis de serem superadas, pois os solos são, em sua maior parte, muito rasos, com a rocha quase aflorante, o que prejudica a formação de aquíferos, sua recarga e a qualidade de suas águas.

Assinale se:
  • A somente a afirmativa I estiver correta;
  • B somente a afirmativa II estiver correta;
  • C somente a afirmativa III estiver correta;
  • D somente as afirmativas I e II estiverem corretas;
  • E todas as afirmativas estiverem corretas.

Encontre mais questões

Voltar