IDAF-AC (IBADE - 2020) Questão 71

O desenvolvimento de programas sanitários busca medidas como a erradicação de determinadas patologias, ou a mitigação dos seus efeitos para a saúde animal, bem como para a saúde humana, dentre outras. De acordo com o Programa Nacional de Erradicação e Prevenção da Febre Aftosa (PNEFA), instituído pela Instrução Normativa MAPA Nº 44, de 02 de outubro de 2007, define-se como área de proteção sanitária: área geográfica estabelecida em torno dos focos de febre aftosa, de acordo com a estratégia para contenção e eliminação do agente infeccioso. Marque a opção CORRETA em relação a abrangência da área de proteção sanitária:

  • A Área perifocal: área imediatamente circunvizinha ao foco de febre aftosa, compreendendo, pelo menos, as propriedades rurais adjacentes ao mesmo. Como apoio à sua delimitação, pode ser empregado um raio de três quilômetros traçado a partir dos limites geográficos do foco confirmado.
  • B Área de vigilância: área imediatamente circunvizinha à área perifocal. Como apoio à sua delimitação, podem ser consideradas as propriedades rurais localizadas até dez quilômetros dos limites da área perifocal.
  • C Área tampão: área imediatamente circunvizinha à área de vigilância, representando os limites da área de proteção sanitária. Como apoio à sua delimitação, podem ser consideradas as propriedades rurais localizadas até vinte e quatro quilômetros dos limites da área de vigilância.
  • D Área de emergência: área imediatamente circunvizinha à área de vigilância, representando os limites da área de proteção sanitária, considerando hospitais, creches e escolas, localizados até 10 quilômetros limites da área de vigilância.
  • E Área de observação: área descrita apenas para observação dos possíveis focos, não sendo necessária nenhuma medida de proteção em relação a febre aftosa.

Encontre mais questões

Voltar