Questão 43 do Concurso Tribunal de Justiça do Estado do Mato Grosso do Sul (TJ-MS) - Médico psiquiatra (2017)

Pessoa do sexo masculino de 25 anos de idade vem à consulta com queixas de ataques repentinos de agressividade. Durante esses momentos, ele quebra muitos objetos na casa dos pais, mas nunca apresentou violência contra pessoas. Busca ajuda profissional, pois teme que isso aconteça algum dia. Refere que muitas vezes existe um estressor desencadeante, mas que a sua reação é desproporcional. Depois de ficar agressivo e quebrar objetos, rapidamente ocorre a melhora por completo. Posteriormente, observa o que aconteceu, arrepende-se e se culpa muito. Após a remissão desse quadro, não há sintomas comportamentais, agressividade e impulsividade. Com relação ao quadro apresentado é CORRETO afirmar que

  • A nesse caso, a prescrição de antidepressivos inibidores da recaptação de serotonina poderia auxiliar o paciente.
  • B o quadro exposto apresenta caráter episódico e de curta duração, por esse motivo, o paciente apresenta pouco impacto em relação aos seus relacionamentos e vida laboral.
  • C a recorrência de agressividade caracteriza um caso de transtorno de personalidade antissocial.
  • D a dificuldade de controle de raiva é uma característica do transtorno de personalidade borderline como caracterizado no caso.
  • E o caso exposto apresenta diagnóstico essencialmente clínico, não há necessidade de solicitar exames para confirmar ou excluir patologias.