Questão 33 do Concurso Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso (IF-MT) - Professor - História (2015)

A história de toda a sociedade até agora existente é a história de luta de classes. O homem livre e o escravo, o patrício e o plebeu, o barão feudal e o servo, o mestre de corporação e o oficial, em suma opressores e oprimidos, estiveram em constante antagonismo entre si, travaram uma luta ininterrupta, umas vezes oculta, aberta outras, que acabou sempre com uma transformação revolucionária de toda a sociedade ou com o declínio comum das classes em conflito.

(MARX, K. e ENGELS, F. Manifesto do partido comunista. Lisboa: Avante, 1975.)

Sobre a historiografia marxista, é correto afirmar:
  • A Pensou a sociedade de uma perspectiva particularizante, destacou a cooperação entre as classes sociais e sujeitou o conhecimento histórico aos homens.
  • B Pensou a história a partir da objetividade científica, entendendo a neutralidade do conhecimento científico e sujeitando-a a uma causalidade cronológica.
  • C Pensou a sociedade estruturalmente, enfatizando o papel das contradições, priorizando o estudo dos conflitos sociais, atribuindo às classes sociais o papel de sujeito histórico.
  • D Pensou a história como arte, relativizando o conhecimento produzido pelo historiador, sujeitando o homem à história como uma força exterior a ele.