Questões da Prova da Prefeitura Municipal de Jaguapitã - Dentista (FAUEL - 2020)

Limpar Busca

Em relação à interpretação do texto, pode-se afirmar que o seu autor:

  • A aproveita o texto para confessar a sua própria canalhice e covardia, ainda presentes em sua personalidade, como ele mesmo enfatiza: “sou um ex-covarde”.
  • B estabelece uma relação entre falta de caráter e excesso de medo na sociedade brasileira.
  • C generaliza um problema social, mas exclui dele alguns setores, como o dos reitores, professores, intelectuais, etc.
  • D inicia o texto com uma confissão muito pessoal, e o conclui com uma crítica a toda a sociedade.

Marque a alternativa que NÃO contém um sentido possível para a expressão “pulhas”.

  • A Canalhas.
  • B Indignos.
  • C Probos.
  • D Cafajestes.

Na oração “o que existe, por trás de tamanha degradação, é o medo”, exerce a função sintática de núcleo do sujeito o termo:

  • A o que
  • B tamanha
  • C degradação
  • D medo

Analise as alternativas a seguir e marque a que apresenta uma interpretação INCORRETA sobre o sentido do texto.

  • A O autor expressa uma visão política geral, a partir da nova situação política vivenciada na época pelo país.
  • B De acordo com o autor, as pessoas não reverenciam os textos constitucionais em si mesmos, mas sim as liberdades por eles garantidos.
  • C Para o autor, nem a força do governo e nem a lei dos parlamentos conseguem limitar as liberdades, caso seja fixado um texto constitucional.
  • D Uma das principais percepções expressas no texto é a de que as liberdades individuais podem estar em risco, apesar das garantias constitucionais.

Em relação à frase “os povos não amam as suas constituições senão pela segurança …”, marque a opção que NÃO indica uma expressão que poderia substituir a palavra “senão”, sem que o sentido da frase fosse alterado.

  • A salvo
  • B exceto
  • C a não ser
  • D não obstante