Questões da Prova da Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT) - Engenheiro Eletricista (2018)

Limpar Busca

O Editorial da Gazeta do Povo, intitulado “Derrotados pelo mosquito”, sinaliza a posição do jornal em relação à comprovação de casos de febre amarela no Brasil. No trecho “[...] a alta demanda tem levado alguns estados a fracionar a dose padrão para que mais pessoas possam ser imunizadas [...]”, podem-se notar, respectivamente, as ideias de:

  • A Consequência – causa – proporcionalidade.
  • B Causa – consequência – finalidade.
  • C Proporcionalidade – causa – condicionalidade.
  • D Condicionalidade – proporcionalidade – finalidade.
  • E Causa – proporcionalidade – finalidade.

No último parágrafo, em Desde 2014 o Ministério da Saúde já registrava mortes de macacos contaminados pelo vírus no Centro-Oeste do país e, mais tarde, no Sudeste – um indício de que em breve a doença voltaria a ser mais frequente entre humanos, a correlação verbal contribui para construir o sentido de que a febre amarela era um desastre anunciado.


A classificação dos tempos e modos verbais de “registrava” e “voltaria”, nessa correlação, é respectivamente:

  • A Presente do modo indicativo e futuro do pretérito do modo indicativo.
  • B Pretérito perfeito do modo indicativo e futuro do presente do modo indicativo.
  • C Pretérito mais-que-perfeito do modo indicativo e futuro do modo subjuntivo.
  • D Pretérito imperfeito do modo indicativo e futuro do modo subjuntivo.
  • E Pretérito imperfeito do modo indicativo e futuro do pretérito do modo indicativo.

A palavra ressurgimento, que aparece no primeiro parágrafo do texto, apresenta processo de formação semelhante ao que contém o termo:

  • A Imunizadas.
  • B Embarcar.
  • C Inaceitavelmente
  • D Sanitarista.
  • E Recentemente.

Na tirinha, Fê conversa com Camilo sobre o que ela considera ser machismo na cerimônia de casamento, enquanto Pudim diz a Armandinho que tudo aquilo que a garota questiona é algo natural.

Nas falas atribuídas à menina, o verbo ter aparece em Tem casamentos [...] (quadro 1) e em [...] essas coisas têm significados! (quadro 2).

Em relação a esses empregos do verbo ter, assinale a alternativa correta.

  • A Em ambos, o verbo é impessoal.
  • B Ambos estão na terceira pessoa do plural do presente do modo indicativo.
  • C Ambos estão na terceira pessoa do singular do presente do modo indicativo.
  • D Ambos estão no presente do modo indicativo, embora o primeiro esteja na terceira pessoa do singular e o segundo na terceira pessoa do plural.
  • E Ambos estão no presente do modo subjuntivo, embora o primeiro esteja na terceira pessoa do singular e o segundo na terceira pessoa do plural.

Assinale a alternativa correta em relação à aplicação da norma culta no emprego de pronomes realizada no primeiro quadro da tira.

  • A Em [...] casamentos onde [...], o pronome é relativo, está adequadamente empregado e retoma ao altar; em [...] entregá-la [...], o pronome é pessoal e faz referência a a filha.
  • B Em [...] casamentos onde [...], o pronome relativo retoma casamentos, para a norma culta, o mais adequado seria [...] casamentos que [...]; em [...] entregá-la [...], o pronome é possessivo e faz referência a a filha.
  • C Em [...] casamentos onde [...], o pronome relativo retoma casamentos, para a norma culta, o mais adequado seria [...] casamentos os quais [...]; em [...] entregá-la [...], o pronome é pessoal e refere-se a a filha .
  • D Em [...] casamentos onde [...], o pronome relativo retoma casamentos, para a norma culta, o mais adequado seria [...] casamentos em quais [...]; em [...] entregá-la [...], o ideal seria [...] lhe entregar ao noivo [...], já que o pronome é pessoal e faz referência a a filha.
  • E Em [...] casamentos onde [...], o pronome relativo retoma casamentos, para a norma culta, o mais adequado seria [...] casamentos em que [...]; em entregá-la [...], o pronome é pessoal e faz referência a a filha.