Questões da Prova do Quadro Técnico do Corpo Auxiliar da Marinha (Quadro Técnico) - Serviço Social (2018)

Limpar Busca

De acordo com Barroco (2010), sobre a condição ontológico-social ineliminável do trabalho na (re)produção do ser social, assinale a opção INCORRETA.

  • A O trabalho universal e sócio-histórico é o pressuposto da existência humana e a forma privilegiada de práxis.
  • B O trabalho permite o desenvolvimento de mediações que diferenciam o ser social em face de outros seres da natureza.
  • C A sociabilidade, a consciência, a universalidade e a liberdade são mediações vitais e natas, potencializadas pelo trabalho.
  • D O trabalho só se objetiva socialmente, de modo determinado, em resposta às necessidades sócio-históricas do ser social.
  • E A liberdade e a ética constroem-se pela autoconsciência apreendida na atividade teleológica do trabalho.

De acordo com a lei n.° 8.742/1993, a assistência social tem por objetivo:

  • A o respeito à dignidade do cidadão e ao seu direito a benefícios e serviço de qualidade.
  • B a supremacia do atendimento às necessidades sociais sobre as exigências de rentabilidade econômica.
  • C a promoção da integração de pessoas com deficiência e de jovens carentes ao mercado de trabalho.
  • D a habilitação e reabilitação das pessoas com deficiência e a promoção de sua integração à vida comunitária.
  • E a primazia da responsabilidade do Estado na condução da política de assistência social em cada esfera de governo.

A Lei Maria da Penha prevê que, no caso de situação de violência doméstica e familiar, para preservar a integridade física e psicológica da mulher, o juiz assegurará:

  • A remoção imediata da servidora pública integrante da administração direta.
  • B manutenção do vínculo trabalhista com afastamento do local de trabalho por até 6 meses.
  • C acesso prioritário nos programas profissionalizantes e de acesso imediato ao emprego.
  • D atendimento hospitalar emergencial nos casos de violência física.
  • E inclusão no cadastro dos benefícios previstos na Lei Orgânica da Assistência Social.

O profissional de Serviço Social na Marinha é requisitado para executar programas, projetos, benefícios e serviços socioassistenciais voltados para elevação da qualidade de vida do pessoal da instituição. Tomando como parâmetro o estudo de Pereira (2011), pode-se afirmar que essa atribuição profissional está relacionada:

  • A à formulação de políticas sociais.
  • B à administração de ações políticas.
  • C à capacidade objetiva de ação.
  • D à elaboração de políticas públicas.
  • E ao princípio para ação.

Uma assistente social, iniciando o trabalho em sua Organização Militar, recebeu a tarefa de avaliar alguns projetos sociais de modo a gerar indicadores que demonstrassem a eficácia desses projetos em relação aos militares e seus dependentes. Sendo assim, essa assistente social buscou orientação na obra de Jannuzzi (2016), que descreve como uma estratégia qualitativa de avaliação:

  • A o registro administrativo.
  • B o delineamento quase-experimental de pesquisa de avaliação.
  • C a meta-avaliação.
  • D a pesquisa amostral e intencional de campo.
  • E o estudo avaliativo com base na integração de registros administrativos.