Questões de Concursos para Médico

Limpar Busca

Numa visão semiológica, todas as dores nociceptivas somáticas possuem certas características comuns. Dessas características, não se enquadra, a seguinte:

  • A A dor localiza-se no foco da lesão e diminui de intensidade pela mobilização no foco.
  • B A dor, quando muito intensa, acompanha-se de fenômenos neurovegetativos e induz a insônia.
  • C O paciente encontra com facilidade as palavras para descrever o aspecto sensorial.
  • D Elas aliviam, satisfatoriamente, com analgésicos, centrais ou periféricos, desde que adaptados à intensidade.
  • E São capazes de desaparecerem transitoriamente com bloqueios anestésicos realizados, no foco desencadeante (teste terapêutico).

Na cirrose hepática, o edema é generalizado, mas quase sempre discreto (+ a ++). Predomina, nos membros inferiores, e é comum a ocorrência de ascite, concomitantemente. É correto afirmar que o edema, na cirrose, apresenta-se:

  • A Mole, elástico e indolor.
  • B Mole, inelástico e álgico.
  • C Mole, inelástico e indolor.
  • D Duro, inelástico e indolor.
  • E Duro, inelástico e álgico.

O Mixedema é uma forma particular de edema verificado na hipofunção tiroidiana. Sobre esse quadro, considere os excertos:
I- Não se trata de retenção hídrica conforme ocorre nos edemas de maneira geral; II- No mixedema há ausência de substância mucopolissacáridea (glicoproteínas) no espaço intersticial, o que possibilita certa retenção de água; III- É um edema pouco depressível, não muito intenso, inelástico, e a pele apresenta as alterações próprias da insuficiência tiroidiana.
Dos itens acima:

  • A Apenas o item I está correto.
  • B Apenas os itens I e II estão corretos.
  • C Apenas os itens I e III estão corretos.
  • D Apenas os itens II e III estão corretos.
  • E Todos os itens estão corretos.

Sendo o diafragma o mais importante músculo respiratório, contribuindo com mais de 50% da ventilação pulmonar, toda afecção que interfira em seus movimentos pode causar dispneia. As principais são:

  • A Condensações parenquimatosas.
  • B Rarefações parenquimatosas.
  • C As diretamente relacionadas à congestão venosa pulmonar.
  • D Paralisia, hérnias e elevações uni ou bilaterais.
  • E Alterações musculares, tais como miosites, pleurodinias ou mialgias intensas.

Qual dos ritmos respiratórios, abaixo, enquadra-se nos quadros de cetoacidose diabética?

  • A Caracteriza-se pelo aumento da amplitude dos movimentos respiratórios, de modo regular.
  • B Fase de apneia seguida de movimentos inspiratórios e expiratórios anárquicos quanto a sua amplitude e frequência. É caracterizada por verdadeira irregularidade respiratória; ritmo, frequência e amplitude estão alterados.
  • C Ruídos respiratórios normais são interrompidos por suspiros isolados ou agrupados.
  • D É um tipo respiratório caracterizado por fase de apneia seguida de movimentos respiratórios de amplitude, progressivamente, crescente, sucedidos por série de movimentos respiratórios de amplitude, progressivamente, decrescente, até novo período de apneia, de duração variável de 15 a 30 segundos, podendo atingir 60 segundos, repetindo-se o ciclo, sucessivamente.
  • E Caracterizada por fase de inspiração; fase de apneia, relativamente, prolongada, em inspiração; fase de expiração e fase de apneia, relativamente, prolongada, durante a expiração. A fase inspiração e expiração são ruidosas e cada vez mais amplas.