Questões de Concursos para Analista de Trânsito

Limpar Busca

Está clara e correta a redação deste livre comentário sobre o texto:

  • A Têm muitas pessoas que creem poder ter uma promessa qualquer garantia de que venha a cumpri-la.
  • B São justamente aqueles que mais prometem quem menos cumprem o que prometeram com ânimo tão susceptível.
  • C Ainda quando se ponham em promessas todo o ardor, visto que nem assim mesmo se possam garanti-las.
  • D Até mesmo as promessas de amor soam tão mais duvidosas quanto maior a ênfase com que se fazem.
  • E Não cabem aos humanos tentar prometer tudo aquilo com que só os deuses se podem encarregar.

O Chefe do Executivo de um estado federado editou decreto alterando a composição de um órgão colegiado para fins de reduzir seu número de integrantes. O decreto passou a exigir, ainda, que as decisões do referido colegiado fossem submetidas ao titular da secretaria à qual está vinculado, para homologação. O ato normativo editado

  • A excede os limites de competência do Chefe do Executivo, invadindo matéria reservada à lei, já que os decretos do Executivo apenas podem explicitar normais legais, não lhes sendo conferido conteúdo autônomo.
  • B pode ser considerado expressão do poder normativo, demonstrado que a alteração se insere em matéria de organização administrativa, sem ensejar aumento de despesas ou extinção de órgãos públicos.
  • C é aderente ao texto constitucional que disciplina o poder normativo do Executivo, ao qual somente é vedado implementar o aumento de despesas, do que não tratou o caso concreto.
  • D se insere na competência regulamentar do Chefe do Executivo, pois se limitou a extinguir cargos, aquém de matéria de organização administrativa, para a qual seria obrigatória edição de lei.
  • E viola a competência normativa do Poder Executivo, considerando que os órgãos colegiados inseridos na organização administrativa exercem competência jurisdicional e autônoma, submetendo-se apenas ao controle do Poder Legislativo.

Com relação às Normas Gerais de Circulação e Conduta contidas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB), considere:


I. Quando veículos, transitando por fluxos que se cruzem, se aproximarem de local não sinalizado, em qualquer situação, sempre terá preferência de passagem aquele que vier pela esquerda do condutor.

II. O trânsito de veículos sobre passeios, calçadas e nos acostamentos só poderá ocorrer para que se adentre ou se saia dos imóveis ou áreas especiais de estacionamento.

III. Nas interseções e suas proximidades, o condutor não poderá efetuar ultrapassagem.

IV. O condutor manterá acesos os faróis do veículo, utilizando luz alta, quando sob chuva forte, neblina ou cerração.


Está correto o que consta APENAS de

  • A I, III e IV.
  • B III e IV.
  • C I e II.
  • D I, II e IV.
  • E II e III.

Quando o veículo estiver em movimento, deve-se manter o farol baixo aceso durante o dia, nas rodovias, considerando que:


I. As cores e as formas dos veículos modernos contribuem para mascará-los no meio ambiente, dificultando a sua visualização a uma distância efetivamente segura para qualquer ação preventiva, mesmo em condições de boa luminosidade.

II. O sistema de iluminação é elemento integrante da segurança ativa dos veículos.

III. A velocidade das estradas é superior à das vias urbanas.


Está correto o que consta de

  • A II, apenas.
  • B III, apenas.
  • C I e II, apenas.
  • D I e III, apenas.
  • E I, II e III.

Há ocorrência de forma verbal na voz passiva e pleno atendimento às normas de concordância na frase:

  • A Não são em todas as circunstâncias que a gente é capaz de defender as opiniões que emitem com segurança.
  • B As artes e as artimanhas que sejam propagadas com ênfase podem indicar a insegurança de quem delas se vale.
  • C São paradoxais as promessas feitas com tanta ênfase, que parece apontar, de fato, para sua fragilidade.
  • D Quando alguém enuncia verdades incontestáveis não precisam lançar mão de qualquer esforço para prová-las.
  • E Mesmo nas declarações de amor podem haver promessas que, por conta de sua ênfase, não se poderá cumprir.