Questões de Concursos para Analista de Controle Externo

Limpar Busca

A correção gramatical do texto CG1A1-I seria mantida, ainda que seu sentido fosse alterado, caso se inserisse uma vírgula logo após

  • A “combinado” (ℓ.4).
  • B “ambiente” (ℓ.14).
  • C “superado” (ℓ.20).
  • D “democracia” (ℓ.30).
  • E “Ambas” (ℓ.31)

O Tribunal de Contas da União é competente para

  • A julgar conflitos de atribuições entre tribunais de contas dos estados e a União.
  • B criar tribunais de contas nos estados-membros.
  • C entregar os recursos dos fundos constitucionais de participação.
  • D representar exclusivamente ao Supremo Tribunal Federal em caso de desobediência a auditoria contábil de sua alçada.
  • E fiscalizar as contas nacionais das empresas supranacionais de cujo capital social a União participe.

Um auditor independente examinou se determinado critério de avaliação do objeto de asseguração inclui os devidos pontos de referência e pode influenciar as conclusões no contexto do trabalho.


Nessa situação hipotética, o auditor realizou o exame de

  • A integridade.
  • B entendimento.
  • C relevância.
  • D confiabilidade.
  • E neutralidade.

A secretaria de educação de um estado da Federação resolveu realizar licitação na modalidade convite com a finalidade de contratar empresa para a construção de novas escolas. Encerrada a licitação, com a habilitação das empresas e a classificação das propostas, o processo administrativo foi enviado ao secretário de educação do estado, autoridade competente para a aprovação do procedimento. Após examinar o processo, o secretário identificou que, devido ao valor da licitação, a modalidade juridicamente adequada seria a concorrência.


À luz da Lei n.º 8.666/1993 e da Lei Estadual n.º 14.184/2002, a autoridade competente

  • A poderá anular a licitação por razões de ilegalidade, desde que provocada por alguma das empresas convidadas e assegurada a correspondente indenização pelos prejuízos causados.
  • B poderá revogar a licitação por razões de interesse público, desde que o fato superveniente identificado esteja comprovado no processo administrativo.
  • C deverá anular de ofício a licitação, por motivo de ilegalidade, mediante parecer escrito e devidamente fundamentado.
  • D poderá optar pela convalidação da licitação para atender ao princípio da economicidade, desde que observado o prazo decadencial de três anos.
  • E deverá revogar a licitação por razões de conveniência e oportunidade, desde que a decisão não acarrete lesão ao interesse público e prejuízo a terceiros.

A unidade, a indivisibilidade e a independência funcional são princípios institucionais das seguintes carreiras que exercem funções essenciais à justiça:

  • A Ministério Público e Defensoria Pública.
  • B advocacia pública e auditoria dos tribunais de contas.
  • C Ministério Público e auditoria dos tribunais de contas.
  • D Ministério Público e advocacia pública.
  • E Defensoria Pública e advocacia pública.