Questões de Concursos para Agrônomo

Limpar Busca

Lavouras comerciais de trigo (Triticum aestivum) são importantes na estratégia de rotação de culturas, maximização do uso de máquinas e de controle de infestantes, doenças e pragas agrícolas de uma lavoura, o que possibilita aumento da receita de uma propriedade. O manejo da cultura é de suma importância para o êxito de uma lavoura. No manejo integrado da lavoura do trigo, assinale as alternativas abaixo com (V) verdadeiro ou (F) falso.
( ) Para otimizar seu potencial de rendimento recomenda-se aplicar os redutores de crescimento em cultivares suscetíveis ao acamamento, que deve ser realizado entre a semeadura ao afilhamento.
( ) O controle de infestantes como azevém, aveias e folhas largas deve ser realizado entre o alongamento de colmo e o florescimento.
( ) Para o controle do nanismo amarelo da cevada (VNAC), o agricultor pode utilizar fungicidas a base de triazóis ou estrubilurinas.
( ) Para o controle das giberela (Gibberella zeae) é recomendado a rotação de culturas, tratamento de sementes e fungicida na fase de floração e espigamento.
( ) Percevejos são pragas secundárias e não necessitam de monitoramento nas lavouras.
( ) O período de semeadura do trigo em Santa Catarina varia devido ao mesoclima de cada região, sendo que o agricultor deve utilizar os mapas agroclimáticos para proceder com a melhor época de semeadura em sua região.
A sequência correta de cima para baixo é:

  • A F, F, V, V, F, V.
  • B V, V, F, V, F, V.
  • C F, F, F, V, F, V.
  • D V, V, V, V, F, V.

A utilização de corretivos da acidez do solo é de suma importância para aumento da produtividade dos cultivos. Sobre a acidez do solo e a calagem, vários são os conhecimentos técnicos sobre o assunto.
I. O calcário é um material inerte obtido da moagem de rochas carbonáticas, seu uso para aumento de pH acima de 7.0 pode ser uma importante estratégia para aumentar o tempo de neutralização da acidez ativa e diminuir os custos de reaplicação do calcário.
II. As recomendações de calcário para calagem na cultura do milho é de 5,5 (pH-H2O).
III. Atualmente, altos rendimentos das culturas como soja, milho, trigo e cevada, dentre outras, são possíveis de ser obtidos em solos com pH baixo (< 5,5) e teor de Al trocável em nível considerado tóxico (1,0–1,5 cmolc dm-3 ) para as plantas, quando cultivados há muitos anos no sistema de plantio direto.
IV. O critério para indicação da necessidade de calagem para culturas de grãos em sistemas consolidados de plantio direto no Rio Grande Sul e Santa Catarina baseiam-se no pH, no valor de m% e no valor de V%.
V. Em sistemas consolidados de plantio direto, aplicações de 1/4 da dose recomendada na superfície têm se mostrado capazes de proporcionar altos rendimentos da cultura.
Assinale a alternativa correta:

  • A III, IV e V.
  • B IV e V.
  • C II, III, IV e V.
  • D I, III, IV e V.

Os herbicidas são classificados por grupos químicos e de acordo com o seu mecanismo de ação. O mecanismo de ação deve ser considerado principalmente em situações como no manejo da resistência de plantas daninhas a herbicida (ROMAN, 2005). Na classificação dos herbicidas, vários são os conhecimentos técnicos sobre o assunto.
I. Entre os herbicidas inibidores de ACCase, tem-se como exemplo os herbicidas do grupo químico Sulfoniluréias e ingrediente ativo o Metsulfurom Metílico.
II. Entre os herbicidas inibidores de EPSPs, tem-se como exemplo os herbicidas do grupo químico Glicina substituída e ingrediente ativo o Glyphosate.
III. Entre os herbicidas mimetizadores de auxinas, tem-se como exemplo os herbicidas do grupo químico Ácidos fenoxicarboxílicos e ingrediente ativo 2,4-D.
IV. Entre os herbicidas inibidores de ALS, tem-se como exemplo os herbicidas do grupo químico Ciclohexanodionas e ingrediente ativo Clethodim.
V. Entre os herbicidas Inibidores de ALS, tem-se como exemplo os herbicidas do grupo químico Sulfoniluréias e ingrediente ativo o Metsulfurom Metílico.
De acordo com as assertivas acima, assinale a alternativa correta:

  • A I, II e III.
  • B II, III e IV.
  • C I, III e V.
  • D II, III e V.

O principal objetivo da semeadura é realizar a implantação da cultura de forma adequada, buscando alcançar os maiores rendimentos possíveis, falhas na regulagem e na semeadora podem ocasionar diminuição do estande inicial de plantas entre outros problemas associados, não passíveis de serem corrigidas em etapas posteriores. Neste sentido, considere a implantação e 1 hectare de milho, com espaçamento entre sulcos de 0,6 m, densidade de 70.000 sementes emergidas/ha, pureza de 99% e o poder germinativo de 96%. A quantidade de sementes por metro linear será:

  • A 4,4 sementes por metro.
  • B 3,3 sementes por metro.
  • C 5,4 sementes por metro.
  • D 6 sementes por metro.

O manejo de pastagens é um conjunto de ações que visa obter do rebanho a maior quantidade de carne e leite que o animal pode produzir por área, sem afetar o desenvolvimento da forrageira e a qualidade do solo. Entre os conceitos relacionados ao manejo de pastagens abaixo, assinale a alternativa incorreta:

  • A A taxa de lotação é o número de animais ou unidade animal (UA, que é igual a 500 kg de peso vivo) pastejando uma unidade de área (hectare, ha).
  • B A Pressão de pastejo é a relação entre o peso vivo (PV) animal (kg) e a quantidade de forragem disponível (kg PV/kg matéria seca/dia).
  • C A capacidade de suporte é a taxa de lotação em uma pressão de pastejo ótima, durante um período de tempo definido, no qual se observa a máxima produção animal por área, sem causar a degradação da pastagem.
  • D Forragem disponível ou oferta de forragem é a quantidade (kg) de matéria seca (MS) de capim disponível para cada 100 kg de peso vivo do animal por dia.