Questões de Concursos para Agente de Endemias

Limpar Busca

Em 2012, um agricultor tinha 120 hectares plantados de determinado produto no município de Barra dos Coqueiros, no litoral de Sergipe. Segundo ele, a produção havia caído nos últimos dois anos. Cerca de 70% da produção desse produto em Sergipe é do tipo seco, uma cultura que se mostrou rentável nas últimas décadas; no entanto, com o aumento no preço dos insumos agrícolas e a queda no valor pago, os investimentos nas plantações diminuíram bastante.
Internet: <http://g1.globo.com> (com adaptações).

De acordo com o IBGE, a queda mencionada pelo agricultor, no texto precedente, aconteceu entre 2010 e 2012, quando a produção baixou de 6,6 milhões de unidades para 2,3 milhões de unidades. Entre 2012 e 2018, essa produção oscilou entre 2,3 milhões de unidades e 2,9 milhões de unidades, e, em 2018, a produção foi a mesma de 2012. A partir dessas informações e do texto anterior, é correto afirmar que se trata da produção de

  • A manga.
  • B mangaba
  • C especiarias da colônia.
  • D coco-da-baía.
  • E mandioca.

Acerca das medidas de controle do Aedes aegypti, assinale a opção correta.

  • A O controle biológico pode ser feito por meio de patógenos, como o Gambusia affinis, cujos esporos funcionam como inseticida.
  • B O uso de mosquiteiros, telas nas janelas ou a destruição de pneus velhos são classificados como métodos de controle biológico de vetores.
  • C O controle químico é feito essencialmente por meio do uso de piretroides, devido ao baixo nível de resistência dos mosquitos prevalentes no território brasileiro.
  • D O uso do larvicida temefós deve ser evitado, devido aos altos níveis de resistência das populações do mosquito nas capitais brasileiras.
  • E O uso do spinosad deve ser evitado, por ser um adulticida com alta toxicidade para humanos.

Em 2017, o salário médio mensal da população de Barra dos Coqueiros – SE era de 2,6 salários mínimos. A proporção de pessoas ocupadas no município em relação à população total era de 12,8%. Quanto a esses dois indicadores, na comparação com os demais municípios do estado, Barra dos Coqueiros ocupava a posição 6, de 75, e a posição 18, de 75, respectivamente. Na comparação com cidades do país todo, o município ficava na posição 421, de 5.570, e na posição 2.629, de 5.570, respectivamente. Considerando-se domicílios com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa, 45% da população desse município estava nessas condições, o que o colocava na posição 67, de 75, entre as cidades do estado e na posição 2.145, de 5.570, entre as cidades do Brasil. Internet: <https://cidades.ibge.gov.br> (com adaptações).

Considerando as informações apresentadas no texto precedente, acerca da dinâmica econômica do município de Barra dos Coqueiros – SE, assinale a opção correta.

  • A O salário médio mensal dos habitantes do município demonstra que a renda de toda a sua população se compara à condição das cidades com melhor distribuição de renda do Brasil.
  • B A renda per capita de 45% da população de Barra dos Coqueiros demonstra que a posição socioeconômica do município é melhor que a de mais da metade das cidades do Brasil.
  • C Com relação aos domicílios com rendimentos mensais de até meio salário mínimo por pessoa, Barra dos Coqueiros é uma das cidades de Sergipe que ocupam as primeiras posições desse ranking.
  • D Entre todos os municípios do Brasil, Barra dos Coqueiros ocupa uma das últimas posições no ranking relativo à proporção de pessoas ocupadas no município em relação à população total.
  • E A distribuição de renda em Barra dos Coqueiros é equitativa, o que se comprova pelo salário médio mensal da população.

Acerca da leishmaniose, doença de alta relevância para a saúde pública no Brasil, assinale a opção correta.

  • A Existem dois tipos de leishmaniose, que se manifestam de forma diferenciada, porém são causados pelo mesmo agente etiológico.
  • B O diagnóstico laboratorial da leishmaniose tegumentar americana (LTA) é feito preferencialmente por teste imunológico, pois o exame parasitológico dificilmente detecta a leishmania.
  • C O controle e a prevenção da leishmaniose tegumentar americana (LTA) dependem de ações básicas nos reservatórios silvestres, em razão da grande sensibilidade do parasita aos produtos utilizados.
  • D A leishmaniose visceral (LV), ou calazar, já se apresentou de forma endêmica em quase todo o território brasileiro, mas, na última década, foi controlada na maior parte dele, tendo sido registrados casos novos apenas nas regiões Norte e Nordeste.
  • E O calazar pode ocorrer de forma endêmica, epidêmica ou esporádica, dependendo, entre outros aspectos, das características do vetor e do reservatório animal.

Um dos componentes do IDHM Educação é um indicador de escolaridade da população adulta: o percentual da população com 18 anos ou mais de idade com o ensino fundamental completo. Esse indicador carrega uma grande inércia, em função do peso das gerações mais antigas, de menor escolaridade. Entre 2000 e 2010, esse indicador passou de 35,21% para 47,88%, no município de Barra dos Coqueiros – SE, e de 39,76% para 54,92%, na unidade federativa (UF). Em 1991, os percentuais eram de 25,15%, no município, e 30,09%, na UF. Em 2010, considerando-se a população municipal com 25 anos ou mais de idade, 16,42% eram analfabetos, 45,31% tinham o ensino fundamental completo, 29,00% possuíam o ensino médio completo, e 4,45%, o superior completo. No Brasil, esses índices eram, respectivamente, de 11,82%, 50,75%, 35,83% e 11,27%.
Internet: <www.atlasbrasil.org.br> (com adaptações).

Tendo como referência inicial as informações apresentadas no texto precedente, e considerando que a sigla IDHM se refere a Índice de Desenvolvimento Humano do Município, assinale a opção correta.

  • A Entre a população adulta, as pessoas mais idosas dinamizam o referido indicador de escolaridade, sendo responsáveis por uma melhora no IDHM Educação.
  • B Os dados de 2010 mostram que mais da metade da população do município de Barra dos Coqueiros possuía o ensino fundamental completo naquele ano.
  • C Entre 2000 e 2010, o aumento da taxa percentual de pessoas com o ensino fundamental completo foi menor na UF do que no município.
  • D Comparando-se Barra dos Coqueiros ao Brasil, a menor diferença entre os percentuais de escolaridade da população com 25 anos ou mais de idade está no índice de analfabetismo.
  • E A soma dos índices de analfabetismo em Barra dos Coqueiros e no Brasil, no ano de 2010, resulta em um percentual equivalente ao de pessoas com ensino fundamental completo no referido município naquele mesmo ano.