Questões de Fisioterapia Neurológica (Fisioterapia) Página 23

Limpar Busca

A doença de Parkinson (DP) é uma patologia neurológica crônica e degenerativa do sistema nervoso central que acomete os gânglios da base. Considerando a existência de uma ampla extensão da incapacidade, um sistema de graduação torna-se necessário para identificar a inabilidade existente. Para tanto, sugere-se a Escala de Hoehn e Yahr, a qual categoriza os estágios dessa doença. Analise as proposições abaixo, com base na sequência das cinco categorias em relação à escala referida.
I- Envolvimento unilateral ou bilateral, com o mínimo ou nenhum prejuízo funcional. II- Envolvimento bilateral ou da linha central com prejuízo do equilíbrio. III- Primeiros sinais de prejuízo dos reflexos de endireitamento. Restrição funcional nas atividades, porém pode ter uma vida independente. Inabilidade moderada. IV- Incapacidade grave; ainda capaz de caminhar ou permanecer de pé sem ajuda. V- Confinado ao leito ou à cadeira de rodas a não ser que receba ajuda.
É CORRETO o que se afirma em

  • A I, II, III e V.
  • B III, IV e V.
  • C II, III, IV e V.
  • D I, II e III.
  • E II, III e IV

Analise as afirmações abaixo em relação à Paralisia Cerebral (PC).
I- A maioria das crianças com PC apresenta tônus elevado, exacerbação dos reflexos tendíneos e da resistência à movimentação passiva rápida. II- As infecções, os acidentes cerebrovasculares e os traumatismos são causas incomuns da PC que podem ser adquiridas após o nascimento. III- O Gross Motor Function Classification System (GMFCS) e o Manual Abilities Classification System (MACS) foram desenvolvidos para categorizar, respectivamente, a mobilidade e a função manual de crianças com PC.
É CORRETO o que se afirma em:

  • A II e III.
  • B I, II e III.
  • C I e III.
  • D II.
  • E I e II.

Após uma lesão medular, há um período denominado choque espinhal. Este período caracteriza-se (abaixo do nível da lesão) por:

  • A Hiporreflexia, hipotonia e anestesia.
  • B Arreflexia, hipertonia e parestesia.
  • C Arreflexia, flacidez e anestesia.
  • D Hiperreflexia, hipertonia e parestesia.

Quanto à atuação fisioterapêutica na doença de Parkinson (DP) em ambiente domiciliar, analise as afirmativas abaixo:


1. O treinamento de transferência em domicílio assume importância por ser onde os pacientes podem implementar estratégias aprendidas. A fadiga extrema após essa intervenção pode ser desconsiderada.

2. A música durante exercício domiciliar para tratamento dos sintomas motores na DP não apresenta resultados satisfatórios, visto a dificuldade de inserir um protocolo de exercícios em prática e produzir uma lista de músicas de forma individualizada com arranjo ajustado à cadência.

3. Os exercícios terapêuticos domiciliares são uma importante estratégia do cuidado na DP, destacando-se a cinesioterapia e a reabilitação com realidade virtual.

4. Programas domiciliares com diversas combinações convencionais de exercícios terapêuticos encontraram redução significativa do número de queixas, medo de cair e tempo gasto deitado, bem como aumento significativo da flexibilidade e força muscular e boa adesão. Entretanto, é relatado menor adesão em pessoas mais velhas, com maior limitação em exame motor e problemas cognitivo-comportamentais.

5. A reabilitação com realidade virtual apresenta benefícios sobre marcha, equilíbrio e capacidade funcional, além de boa aceitação e aspecto motivacional. No entanto, a principal dificuldade do uso domiciliar na DP é o custo dos instrumentos necessários para a prática terapêutica e também sua disponibilidade.


Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas.

  • A São corretas apenas as afirmativas 1, 2 e 3.
  • B São corretas apenas as afirmativas 1, 2 e 5.
  • C São corretas apenas as afirmativas 1, 4 e 5.
  • D São corretas apenas as afirmativas 2, 3 e 4.
  • E São corretas apenas as afirmativas 3, 4 e 5.

De acordo com as diretrizes de atenção à reabilitação da pessoa com acidente vascular cerebral do Ministério da Saúde (2013), analise as afirmativas abaixo:


1. A fraqueza muscular representa um dos maiores contribuintes para a incapacidade após AVC. É importante que, em qualquer nível de atenção, os exercícios sejam delineados de forma que uma atividade muscular mínima resulte em movimento do membro.

2. Evidências de estratégias de fortalecimento muscular incluem apenas exercícios de fortalecimento muscular progressivo, não sendo recomendada a eletroestimulação associada ao treino de tarefas funcionais.

3. Como uma estratégia de facilitação ao paciente no momento da alimentação, ele pode ser posicionado de frente em relação à mesa, fornecendo maior suporte para o membro superior parético/plégico - se necessário, colocar um antiderrapante debaixo do lado afetado, a fim de mantê-lo sobre a mesa durante a refeição.

4. Intervenções destinadas ao manejo dos déficits sensoriais podem envolver: tocar o membro superior do ombro até a mão; favorecer a discriminação de objetos com a mão afetada e identificar diferentes movimentos e suas direções no espaço, sem auxílio da visão.

5. Quando o paciente apresenta como limitação a dificuldade em passar de sentado para de pé, pode-se utilizar como intervenção terapêutica: oscilar o tronco superior à frente, empurrar os pés para baixo e levantar-se; e solicitar aumento da velocidade do movimento, caso esteja muito lento.


Assinale a alternativa que indica todas as afirmativas corretas.

  • A São corretas apenas as afirmativas 1, 2 e 3.
  • B São corretas apenas as afirmativas 1, 2 e 5.
  • C São corretas apenas as afirmativas 1, 4 e 5.
  • D São corretas apenas as afirmativas 2, 3 e 4.
  • E São corretas apenas as afirmativas 3, 4 e 5.