Questões de Concursos de Atualidades Página 1

"O presidente da República, Michel Temer, sancionou, nesta quinta-feira (29), a lei que reduz o número de ministérios do governo federal. O texto que formaliza criação, incorporação e extinção de pastas foi publicado, nesta sexta-feira (30), no Diário Oficial da União. Sancionada com quatro pontos vetados, a LEI Nº 13.341, DE 29 DE SETEMBRO DE 2016 tem origem na Medida Provisória 726/2016, que reduziu de 32 para 24 o número de ministérios em maio deste ano.” (Fonte: "Temer sanciona reforma administrativa que reduz número de ministérios", http://www2.planalto.gov.br/, 30/09/2016)
Por meio da LEI nº 13.341, de 29 de setembro de 2016, ficaram extintos alguns ministérios, com EXCEÇÃO: 
Difícil lembrar-se de um período, desde o fim da chamada Guerra Fria, em 1991, em que as relações entre Rússia e EUA tenham estado tão ruins. O governo americano classifica como "massacre" a ofensiva conjunta das forças sírias e russas na cidade de Aleppo e denuncia crimes de guerra. O presidente russo, Vladimir Putin, falou claramente sobre a deterioração do clima entre Washington e Moscou e insistiu em afirmar que o governo de Barack Obama prefere fazer imposições a dialogar. Ainda assim, russos e americanos continuam discutindo a situação na Síria.Isso porque, apesar de toda retórica e acusações, os dois países sabem que têm um importante papel em qualquer acordo final sobre o conflito". Fonte: ("Por que as relações entre Rússia e EUA estão no pior momento desde a Guerra Fria", http://www.bbc.com/, 19/10/2016). Sobre o conflito na Síria, analise as assertivas a seguir e, em seguida, assinale a alternativa CORRETA:

I. As forças do presidente sírio, Bashar al-Assad, estão dotadas de uma grande potência de fogo, com tanques, artilharia e aviação, uma vantagem considerável diante dos rebeldes, que carecem de aviões. Além disso, não possuem o apoio da Rússia.

II. As manifestações contra o governo começaram na cidade de Aleppo, no sul da Síria, em março de 2011, quando um grupo de pessoas se uniu para pedir a libertação de 14 estudantes de uma escola local que haviam sido presos e supostamente torturados por terem escrito no mural do colégio o conhecido slogan dos levantes revolucionários na Tunísia e no Egito: "As pessoas querem a queda do regime".

III. O Conselho Nacional Sírio (CNS), composto, em sua maioria, pela comunidade de muçulmanos xiitas, há décadas é perseguida por Assad. O CNS é liderado pelo dissidente sírio Burhan Ghalioun, atualmente radicado em Paris, e pela Irmandade Muçulmana.

IV. Assad é apoiado majoritariamente pela minoria sunita, da qual faz parte, e por cristãos, que temem perseguições religiosas. A maioria dos opositores, entretanto, é de origem alauíta, que já foi massacrada pelo regime no início dos anos 1980.

V. A Rússia tem ligações econômicas e militares estreitas com a Síria. Segundo o Instituto Internacional de Pesquisas para a Paz de Estocolmo (SIPRI, na sigla em inglês), sediado na Suécia, o país liderado por Vladimir Putin é o principal fornecedor de armas ao governo de Assad, seguido pelo Irã.
Em solenidade realizada na sede da Confederação Nacional do Transporte, em Brasília, a Agência Nacional de Transportes Aquaviários entregou o Prêmio Antaq de Sustentabilidade Ambiental Aquaviária. Essa foi a primeira edição do prêmio, que foi concedido aos portos organizados com melhor avaliação no Índice de Desempenho Ambiental (IDA) da Agência, em levantamento realizado pela Gerência de Meio Ambiente e Sustentabilidade da Autarquia. O Prêmio Antaq de Sustentabilidade Ambiental Aquaviária avaliou 29 portos públicos (Fonte: Revista Portos e Navios, 04/10/16). Assinale a alternativa que contempla a 1a , 2a , 3a e 4a colocações respectivas dos portos públicos que obtiveram melhor avaliação no Índice de Desempenho Ambiental (IDA), baseados nos resultados do primeiro semestre de 2016 pela Antaq. 
                                                                 Matriz de Energia Elétrica brasileira 
                                                                  Fonte                               Total (%)
                                                                  Biomassa                           8,97
                                                                  Eólica                                 6,17
                                                                  Fóssil                               17,06
                                                                  Hídrica                             61,31
                                                                  Nuclear                              1,26
                                                                  Solar                                  0,01
                                                                  Importação                        5,19            
                                                                  Total                                99,97          

                         Fonte: Banco de Informações de Geração - ANEEL - Atualizado em 07/11/2016.

De acordo com os dados da tabela e com seus conhecimentos, assinale a alternativa CORRETA: